Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Wanderlust regressa em Setembro com yoga, meditação e uma dance party
Notícias / Vida urbana

Wanderlust regressa em Setembro com yoga, meditação e uma dance party

wanderlust

Vai um detox da época festivaleira? O Wanderlust volta a ocupar os Jardins da Fundação EDP com corrida, yoga, meditação, alimentação e um mercado sustentável. Guarde o dia 29 de Setembro na agenda. 

Já na sua 3.ª edição, o maior triatlo mindful do mundo volta a trazer a Lisboa o universo ligado ao yoga e à meditação, onde o objectivo é desligar-se completamente do mundo palpável. Lisboa é uma das 60 cidades que integram a tour mundial do Wanderlust e conta com uma comunidade de mais de 3500 participantes.  

“O que nós conseguimos fazer aqui, que já acontecia em alguns países, foi democratizar o yoga e a meditação”, explica Nuno da Silva Carvalho, da SOMA, a empresa de criação e gestão de eventos responsável por trazer para Portugal o Wanderlust. “As pessoas já não associam o yoga apenas a uma modalidade alternativa, pelo contrário, já é um desporto que vale por si só.”

Pondo o jogo todo em cima da mesa, o que vai acontecer é o seguinte: as portas abrem às 08.30, para quem gosta de chegar cedo, mas a corrida propriamente dita só arranca às 10.30. Mas antes disso terá lugar uma das novidades deste ano – uma dance party, ou seja, uma aula de dança ao som de um DJ e que servirá de aquecimento ao triatlo. Depois, comece a correr – pode também optar por caminhar, caso não tenha fôlego de passo apressado, ou ficar pelo recinto onde haverá actividades para se entreter. 

A aula de yoga acontece logo a seguir (11.45) ao ar livre e ao som de um DJ – a probabilidade de haver coreografia é alta, atenção. Atinja o pináculo da tranquilidade numa aula de meditação guiada (13.00). 

E depois do triatlo? Durante a tarde há muitas actividades com que se entreter. Ora de tapete esticado no chão, ora com um hula hoop. E alimente-se, que não queremos fraquezas.  

O Kula Market tem uma oferta variada de comida orgânica e de outras marcas que se identificam com este estilo de vida, podendo fazer uma pausa ora para comer, ora para fazer umas compras.

“O Wanderlust tem uma vertente de educação, e aprendemos todos os dias com os nossos professores e associados. O Wanderlust é aquela altura em que é preciso semear esses conhecimentos nas pessoas, criar sinergias entre elas, entre professores e futuros alunos, por exemplo”, afirma Nuno. Para absorver algum desse conhecimento esteja de olho no palco Speakeasy, que dá voz a temas que promovem o bem-estar individual e a mudança social positiva – as talks são anunciadas em breve. Passe também no Tea Garden, o espaço que dá palco a temas como o empoderamento feminino e o amor próprio.

No Wanderlust Kitchen acontecem os habituais workshops e showcookings com chefs e nutricionistas, e no Sound Garden é possível participar em concertos de taças tibetanas e em workshops de soundhealing. Passe por estes locais antes de chegar ao The Sanctuary, um local dedicado ao conhecimento e aprendizagem para todos os que se interessam por explorar o mundo místico.   

Sabe aquela cadeira lá do escritório que lhe dá cabo das costas? Este ano haverá um espaço, o Shala, onde cada participante pode corrigir a sua postura com exercícios que trabalham a coordenação motora e o equilíbrio.

Se quiser ir em família também pode: o Wanderkids dá oportunidade às crianças de participarem em aulas de yoga e meditação e workshops relacionados com este universo. 

Entre os mais de 60 professores convidados estão Filipa Veiga, Rute Caldeira ou Vera Simões. Isabel Silva, que este ano é a madrinha do evento, Mafalda Pinto Leite, Ana Bravo, Nuno Queiroz Ribeiro, Tomaz Mello Breyner, Cátia Curica, Eunice Maia, Joana Limão ou Cuca Roseta são alguns dos oradores responsáveis pelas talks do evento. 

Motivado pelo Wanderlust, Nuno quer lançar uma agência de talentos, a Mindful Agency, que reúne desde professores de yoga a chefs ou artistas, tudo para centralizar “pessoas com o mesmo mindset e que fazem coisas interessantes, para que seja mais fácil gerar uma comunidade em torno disto”.

Os bilhetes já estão à venda e pode escolher duas modalidades: o bilhete 108, que garante o acesso ao triatlo e à programação no recinto (30€; inclui uma bandana e o dorsal da corrida) ou o pack 108 que dá acesso às mesmas actividades mas garante um goodie bag premium (com presentes mindful dos parceiros Wanderlust e uma t-shirt (35€).

+ O melhor do Verão em Lisboa

Publicidade
Publicidade

Comentários

0 comments