Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Como comer picante como um indiano

Como comer picante como um indiano

A malagueta dá boa energia e aumenta o metabolismo, fruto da substância capsicina. Mas é preciso praticar.

Xacuti de cabrito do Jesus é Goês
©Duarte Drago Xacuti de cabrito do Jesus é Goês
Por Ricardo Dias Felner |
Publicidade

Se tem um estômago sensível, pare já aqui. Este livro de instruções é para todos aqueles que não se importam (e até têm um certo prazer) com as gotículas de suor na testa quando comem pratos picantes que testam os seus níveis de resistência. Há mais efeitos secundários quando comemos pratos picantes indianos armados em campeões: o couro cabeludo começa a aquecer (e todo o seu interior, vá), e o sentimento de felicidade e euforia é geral. 

Ainda não desistiu? Então aceite a malagueta, afinal dá boa energia e aumenta o metabolismo. Mas siga as nossas sugestões e pratique como deve ser.

Recomendado: Os melhores restaurantes indianos em Lisboa

Como comer picante como um indiano

1. Coma um prato picante, mesmo que suave, todas as semanas

Está provado cientificamente que se comeu algo com picante nos últimos sete dias, o organismo torna-se mais resistente a nova toma.

2. Vá doseando

Comece por acrescentar sempre uma pequena quantidade de malagueta nos refogados.

Publicidade

3. Compre achar

Compre um frasco de molho indiano achar e use-o proficuamente como acompanhamento de assados ou grelhados. 

4. Tenha malaguetas frescas à mão

Tenha sempre uma reserva de malaguetas frescas e inteiras no congelador.  

Publicidade

5. Aposte no D.I.Y.

Faça o seu próprio molho picante, começando por usar chilis mais suaves, como os tailandeses. Não acrescente whiskey, nem azeite. Desfaça-os e condimente com sal e um óleo neutro, como o de girassol. 

6. Bebidas e arroz para aliviar

Se precisar de baixar a temperatura da boca, use tudo o que possa distrair as papilas, como bebidas com gás ou de sabor intenso. O arroz branco também funciona bem.

Restaurantes do mundo em Lisboa

Ararate
Fotografia: Duarte Drago
Restaurantes

Os 80 melhores restaurantes do mundo em Lisboa

Já sabemos que não há comida como a nossa, mas é bom variar. Hoje em dia não tem de ir aos shoarma de centro comercial nem aos chineses com chop soy para ser uma boca viajada. O mundo é redondo como um prato e cabe inteirinho em Lisboa. Se dúvidas houvesse, demos a volta ao mundo em Lisboa com uma visita a 80 restaurantes que nos pôs a barriga a dar horas em todos os fusos horários. Dizemos-lhe onde comer em Lisboa a comida internacional. Aperte o cinto e atire-se aos melhores restaurantes do mundo em Lisboa. 

Muito Bey - Tapas
Fotografia: Manuel Manso
Restaurantes

Os melhores restaurantes do Médio Oriente em Lisboa

Esqueça as mil e uma noites e coloque o mindset mais nos mil e um pratos. Temos Turquia, Líbano, Síria e o estilo do Médio Oriente inteiro: muitos pratos para partilhar e o pão como estrela da mesa. Nem precisa de pegar na bússola para rumar a Oriente, basta pegar nesta lista e orientar-se por estes restaurantes do Médio Oriente em Lisboa.

Publicidade
pistola y corazon, desanuio
Fotografia: Arlindo Camacho
Restaurantes, Mexicano

Os melhores restaurantes mexicanos em Lisboa

O melhor é pedir uma marguerita ou um cocktail com mezcal assim que chegar um destes restaurantes mexicanos em Lisboa – afinal a cozinha mexicana é conhecida pelo seu nível de picante (e aqui convém ter atenção às malaguetas assinaladas nas cartas, que não estão lá para enganar ninguém). As maiores influências desta cozinha vêm dos povos pré-colombianos e dos costumes dos colonizadores espanhóis, mas os pratos típicos variam consoante a zona (a partir da cozinha mexicana surgiu, entretanto, a tex-mex, que reúne os sabores do estado do Texas, nos Estados Unidos, com o México). A base da cozinha mexicana tradicional é o milho – daí que não seja fácil fugir às tortilhas, que acompanham quase todas as refeições –, o feijão e a pimenta. Prove os tacos, o chilli com carne ou as enchiladas.  

Publicidade