FOTOGALERIA: A escultura de Jean Dubuffet, feita em pedaços

“L’abre biplan” foi desmontada para ir passar o Verão a Amsterdão e integrar uma exposição no Rijksmuseum.
museu berardo peça   "L’Abre biplan
©DR
Por Renata Lima Lobo |
Publicidade

A escultura arquitectónica de Jean Dubuffet, na Colecção Berardo desde os anos 90, tem cinco metros de altura. E de 1 de Julho a 1 de Outubro vai estar exposta nos jardins do Rijksmuseum. O museu holandês está a preparar uma exposição nos seus jardins com 12 obras do artista fundador da expressão arte bruta (Art Brut, na sua língua materna).

 desmontagem da obra “L’Abre biplan
©David Rato

A desmontagem da escultura começou às 9.00 da manhã.

 desmontagem da obra “L’Abre biplan
©David Rato

Estava tudo nas mãos da Iterartis, uma empresa especializada em montagem, transporte e desmontagem de obras de arte.

Publicidade
 desmontagem da obra “L’Abre biplan
©David Rato

Pormenor. A peça foi restaurada antes da viagem. E a conta paga pelo Rijksmuseum.

 desmontagem da obra “L’Abre biplan
©David Rato

A quantidade de técnicos é proporcial à importância do objecto. Aqui não há ordem para facilitar.

Publicidade
 desmontagem da obra “L’Abre biplan
©David Rato

A meio da tarde, já não falta tudo.

 desmontagem da obra “L’Abre biplan
©David Rato

Mais pequena, mas mais colorida. A escultura de Niki de Saint-Phalle, "Les Baigneuses" é a nova peça que recebe os visitantes. Saiba mais na edição da Time Out Lisboa que chega às bancas na próxima quarta-feira, a 14 de Junho.

Mais arte em Lisboa

white afrodisiac telephone dali
©Jose Manuel Costa Alves/Berardo
Museus

Museus em Lisboa: as obras de arte que tem mesmo de ver

Conhece as propriedas do pó de múmia? E o nome da imagem do arcanjo que seguiu nas naus portuguesas em jeito de protecção? Não imagina as histórias que guardam os museus em Lisboa, com peças para todos os gostos. É obrigatório conhecer estas obras de arte.  + Museus em Lisboa: 20 que tem mesmo de visitar

Museu Nacional de Arte Antiga
© Lydia Evans / Time Out
Arte, Arte renascentista

Seis obras essenciais no Museu Nacional de Arte Antiga

Foi graças a si, e à sua provável contribuição, que conseguimos pôr "O Sequeira no lugar certo". A inédita campanha de angariação de fundos foi bem sucedida e é por isso que actualizamos esta lista de obras essenciais para ver no Museu Nacional de Arte Antiga (MNAA), adicionando-lhe a belíssima "A Adoração dos Magos". Não tem a dimensão de um Louvre ou de um Museu do Prado, mas como estes, a histórica morada da Rua das Janelas Verdes não se vê num dia. É um bom sítio para flanar sem rumo nem propósito e aproveitar as vistas, uma e outra vez, até porque ele não sai de Lisboa. É visitá-lo várias vezes – os primeiros domingos do mês são de entrada livre – e ir vendo. Não se esqueça de dar uma espreitadela nestas seis obras, cheias de histórias para contar. 

Publicidade
antiguidades egipcías do museu de arqueologia
©DR
Notícias, Vida urbana

É desta: museus voltam a ser grátis aos domingos e feriados

A proposta aprovada em Novembro de 2016 foi hoje confirmada pelo Ministro da Cultura: os museus nacionais passam a ter entrada gratuita aos domingos e feriados, já a partir de Junho Esta terça-feira, durante uma comissão parlamentar, Luís Filipe Castro Mendes disse que "a medida emblemática para os portugueses conhecerem mais e melhor os museus" entra em vigor no primeiro domingo de Julho, dia 2, sempre da parte da manhã, até às 14.00. Está na hora de marcar na agenda a visita a um dos 20 melhores museus em Lisboa, de planear um programa com os miúdos pelos melhores museus para crianças e de começar a fazer "check!" nesta lista de obras de arte obrigatórias na cidade.   

Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com