A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

Lisboa a vibrar na Europa

Renata Lima Lobo
Escrito por
Renata Lima Lobo
Publicidade

A Comissão Europeia publicou este mês a primeira edição do relatório “The Culture and Creative Cities Monitor”. Olhámos para o documento e descobrimos os fortes de Lisboa.

O relatório está disponível na plataforma Travel BI do Turismo de Portugal e é uma ferramenta criada para monitorizar e avaliar a performance das cidades europeias (168 ao todo) nas áreas da cultura e criatividade.

As cidades estão divididas por números de habitantes e distribuídas por categorias que vão do S ao XXL. Lisboa veste a categoria XL, que compreende cidades entre 500 mil e 1milhão de habitantes, e não se portou nada mal. É aí que Lisboa atinge a terceira posição, sendo apenas superada por Copenhaga e Amesterdão.

No entanto, no ambiente propício ao desenvolvimento de actividades culturais é a mais bem classificada. Já quando se fala em dinamismo cultural é a melhor da sua categoria e no panorama geral (do S ao XXL) consegue mesmo um quarto lugar.

O relatório relembra o impacto de grandes eventos como Lisboa Capital Europeia da Cultura em 1994, a Expo 98 ou o Euro 2004 e continua: “A cultura é vista como uma ferramenta de coesão social graças à experiência positiva da Galeria de Arte Urbana (GAU), que promove o uso do espaço público como meio para a arte de rua”, acrescentando que o sucesso também passa por eventos com a Trienal de Arquitetura, a Moda Lisboa ou o Lisbon & Estoril Film Festival.

Arte urbana na cidade:

+ Diz que é uma espécie de roteiro da arte urbana
+ Vhils em Lisboa: o roteiro perfeito

Últimas notícias

    Publicidade