As 55 melhores personagens de Star Wars de sempre

A lista essencial das nossas personagens favoritas dos filmes Star Wars, vindas de uma galáxia muito, muito distante…
The 50 best Star Wars characters main pic
Por Tom Huddleston e Eurico de Barros |
Publicidade

Podem ser heróicas ou maléficas, fascinantes ou repulsivas, robóticas ou fofinhas – mas as melhores personagens de Star Wars são sempre memoráveis e a discussão por qual será a melhor fica pouco atrás do eterno debate sobre qual será o melhor filme da saga. Desde Uma Nova Esperança a Os Últimos Jedi– através dos picos de o Império Contra-Ataca e a aridez de Ameaça Fantasma – nenhuma outra saga ganhou tanta devoção, tanta paixão, tanta nerdiness extrema.

Por isso, juntámos os geeks de serviço para lhe apresentar aquelas que consideramos serem as 55 melhores personagens de Star Wars, por ordem de grandeza.

Se ainda assim está na dúvida se deve ver o mais recente filme deste universo, espreite a nossa crítica de Han Solo - Uma História de Star Wars.

As melhores personagens de Star Wars

55
Clumsy Stormtrooper, best Star Wars characters

Stormtrooper desastrado

Quem é ele?

Enquanto os soldados do pelotão imperial de Stormtroopers perseguem os heróis pela Estrela da Morte, há um particularmente desajeitado que consegue levar com uma porta automática na cabeça.
 
Porque é que gostamos dele?

Porque torcemos sempre por aqueles que ninguém torce. E também porque a imperfeição é algo que tem de ser apreciado, particularmente numa altura em que os blockbusters não tinham os efeitos CGI que temos agora (ver a falha profundamente humilhante da batalha entre os droids em Ameaça Fantasma como prova).
 
Frase-chave: “Au!”
54
Major Bren Derlin, best Star Wars characters

Major Bren Derlin

Quem é ele?
 
Um oficial da Aliança Rebelde, durante a curta estada no planeta gelado de Hoth, e que é incrivelmente parecido com um típico frequentador de bares de Boston… 
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque é desempenhado pelo lendário John Ratzenberger, também conhecido por ser Cliff na série Cheers, Aquele Bar, que usava um par de óculos de neve enormes cor-de-lima e uma elegante bigodaça. Contudo, é um papel muito pequeno, razão pela qual ninguém sabe o seu nome (peço desculpa!).
 
Frase-chave: “Alteza, não há mais nada que possamos fazer esta noite. Os escudos têm de ser activados. Agora, quem quer uma cerveja?” (O.K., nós é que acrescentámos esta última parte.)
 
Publicidade
53
Itchy, best Star Wars characters

Itchy

Quem é ele?
 
É o pai do Chewbacca, apenas mais um tipo peludo como tantos outros, que tenta viver a sua vida e conseguir o mínimo para se sustentar neste louco universo.  
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque ele é o único tipo normal em toda a saga de A Guerra das Estrelas: os seus interesses incluem beber, dormir, estar com os amigos e interagir com hologramas pervertidos enquanto a sua mulher cozinha. Imaginem um Homer Simpson peludo, é mais ou menos isso.
 
Frase-chave: “Um uivo cheio de excitação!”
 
52
Star Wars - DJ
TM & © Lucasfilm Ltd. All Rights Reserved

DJ

Quem é ele?

DJ (ou Don’t Join, o seu lema) é um ladrão amoral e perito em hacking de sistemas informáticos, que põe a sua vida e os seus interesses acima de tudo, e ajuda - por um bom preço - Rose Tico e Fin em Cantonica (só que depois os deixa à mercê dos soldados da Primeira Ordem).

Porque é que gostamos dele?

É um patife, mas não esconde o jogo e tem pinta cool e insolente, da maneira como Benicio Del Toro lhe dá corpo. E palpita-nos que ainda o voltaremos a encontrar e que se há-de redimir do que fez a Rose e Fin.

Frase-chave: “Vivam livres, não se juntem a nenhum dos lados”

Publicidade
51
The Rancor Keeper, best Star Wars characters

O Guardião de Rancor

Quem é ele?
 
Tal como a função sugere, Malakili (aparentemente é assim que se chama) é o robusto rufia de chapéu de pele contratado por Jabba, the Hutt para cuidar do monstro que comia pessoas, o infame Rancor.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque o sofrimento que mostrou com a morte do seu animal de estimação acaba por ser um momento completamente inesperado de pathos no meio de tantos gritos e de tanta troca de tiros, relembrando-nos que até o ser mais mortífero precisa de alguém que o ame.
 
Frase-chave: “Soluços!”
 
50
Lobot, best Star Wars characters

Lobot

Quem é ele?
 
É o chefe de segurança de Lando Calrissian, um ciborgue mudo e careca, que tinha uns phones um bocado esquisitos.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque ele é bom exemplo do que a saga A Guerra das Estrelas faz tão bem: tipos que nos marcam sem dizer uma única palavra. Lobot limita-se a andar de um lado para o outro, todo careca e a mandar em tudo, desafiando o Império sem hesitar. A única coisa com pouco estilo sobre ele é o nome.
 
Frase-chave: Suspeitamos que ele até consegue falar, mas é demasiado fixe para se dar ao trabalho.
 
Publicidade
49
Jango Fett, best Star Wars characters

Jango Fett

Quem é ele?
 
É ele que dá origem aos clones! Sim, o caçador de recompensas Jango (bom nome, já agora) é não só o pai do arruaceiro Boba, mas também a fonte genética de cada clone em toda a galáxia. É como uma daquelas comédias sobre doação de esperma em que tudo corre mal, terrivelmente mal.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Bem, ele tem um fato fixe, uma pontaria certeira com dados venenosos e é o verdadeiro dono daquela nave espacial minúscula, o Slave 1. Além do mais, quem o interpreta é o mauzão de expressão neutra Temuera Morrison, possivelmente o único neozelandês que não entrou nos filmes de O Senhor dos Anéis. Felizmente, a presença dele pode ser suficiente para compensar.
 
Frase-chave: “Sou apenas um homem simples, a tentar vingar no universo.”
 
48
Sebulba, best Star Wars characters

Sebulba

Quem é ele?
 
Um impiedoso e lendário corredor de naves que parece ser uma mistura genética de um camelo com um preservativo. 
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque fica perto – mesmo muito perto – de esmagar o pequeno Anakin Skywalker na parede do desfiladeiro, fazendo desaparecer a criança mais irritante do universo, e evitar todos os problemas que surgem depois. Se conseguirem ver a Ameaça Fantasma sem rezar que ele ganhe, são mais sentimentais do que nós.
 
Frase-chave: “Não vais conseguir escapar desta, seu escravo miserável!” Quem nos dera…
 
Publicidade
47
Salacious B Crumb, best Star Wars characters

Salacious B Crumb

Quem é ele?
 
É o sidekick de Jabba, the Hutt, um pequeno e enfermo roedor com grandes orelhas, um voraz bico preto e um dos nomes mais incríveis de toda a saga. É só imaginarem como seriam os filhos psicóticos e doentes de Gonzo com o rato Rizzo, ambos dos Marretas.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque tem problemas de atitude e está a marimbar-se para quem sabe disso. Nenhuma das declarações mal-humoradas que Jabba faz estariam completas sem uma pequena risada maldosa, enquanto Salacious esfrega alegremente sal na ferida.
 
Frase-chave: “Ee-hee-hee-hee!”
 
46
The 50 best Star Wars characters, maz kanata

Maz Kanata

Quem é ela?
 
É a sósia enrugada do Yoda, com olhos mais pequenos, mas mais penetrantes, que gere a festa de reggae mais funky de toda a galáxia e que gostaria de tirar as calças ao Chewbacca (se ele usasse calças, claro).
 
Porque é que gostamos dela?
 
Porque, cumprindo a tradição da saga, é atrevida, mas mística – num minuto está a fazer piadas picantes sobre o Wookie e no outro a contar os segredos do universo. O papel dela foi, de certa forma, reduzido na versão final do filme – era suposto ficar até ao fim, mas JJ Abrams mudou de ideias – mas o que restou foi suficiente para fazer dela uma das favoritas. Esperemos que Maz volte a erguer a sua pequena e estranha cabeça mais uma vez nos filmes que virão.
 
Frase-chave: “A Força está a chamar por ti. Deixa-a entrar.”
 
Publicidade
45
Gonk droid, best Star Wars characters

Droid Gonk

Quem é ele?
 
Uma televisão grandalhona dos anos 70 com os pés do boneco da Michelin, que se passeia pelas regiões baixas e sombrias dos rastejadores de areia fazendo sons fixes.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Por causa dos barulhos acima mencionados. E o facto de ele ser claramente apenas um homem muito pequeno com uma caixa de cartão enfiada na cabeça, na qual fizeram buracos para as pernas – um disfarce perfeito para quem decide ir a uma festa de Halloween à última da hora.
 
Frase-chave: “Gonk.”
 
44
Logray, best Star Wars characters

Logray

Quem é ele?
 
Haverá quem se oponha a esta inclusão – o único Ewok bom, dirão, é aquele que está morto e cuja morte será preferencialmente lamentada por um outro companheiro Ewok. Na maioria dos casos, concordaríamos, mas Logray – o curandeiro da tribo – é um espécimen com mais classe.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque tem não só a caveira de um pássaro na cabeça, como um casaco de peles que está na moda, sabe dançar e queremos acreditar que a sua posição enquanto xamã da tribo envolve coisas como agarrar numa bolsa cheia de ervas locais e abanar o capacete com o seu animal espiritual.
 
Frase-chave: “Squeaky squeaky squeak!”
 
Publicidade
43
General Grievous, best Star Wars characters

General Grievous

Quem é ele?
 
O líder supremo do exército droid e um dos lords Sith. Quanto à aparência física, é um grande robô de forma esquelética, com quatro braços e um coração humano. Não que isso faça dele mais simpático…
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque ele pode lutar com quatro sabres de luz de uma vez só. Além do mais, ele consegue substituir o Darth Vader. Tem uma infecção pulmonar que o leva a tossir e a deitar gafanhotos como um asmático de 88 anos, o que é bem mais assustador do que parece.
 
Frase-chave: “Vai dar-me gozo dizimar-te!”
 
42
Admiral Piett, best Star Wars characters

Admiral Piett

Quem é ele?
 
Um oficial do Império, que recebe uma promoção inesperada quando o seu superior é estrangulado telepaticamente por Darth Vader. Usa um conjunto militar verde, que é complementado por aquilo que parece ser o equivalente a uma boina. 
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque ele parece estar fora da liga dele. Uma das coisas mais interessantes acerca da trilogia original é a forma como aborda a ideia da banalidade da maldade: tudo bem, o Vader é um gigante de negro maldoso, mas os seus subalternos geralmente aparentam ser gerentes de bancos provenientes de uma cidade pequena. Apesar de ser o responsável por uma enorme e destrutiva nave espacial, Piett parece ser um daqueles tipos com quem não nos importaríamos de beber uma cerveja.
 
Frase-chave: “Como quiser, senhor.”
 
Publicidade
41
The Max Rebo Band, best Star Wars characters

A Banda Max Rebo

Quem é?
 
É a banda do bar de Jabba, the Hutt, que consiste no lendário e meio surdo teclista Rebo, na toupeira rapada clarinetista Droopy McCool e a pouco feminina Sy Snootles.
 
Porque é que gostamos dela?
 
Para sermos justos, foi um empate quase renhido entre este grupo e os cabeças-de-ovos igualmente arrasadores Figrin D’an and the Modal Nodes. No fim, foi a fatiota de Rebo que ganhou a batalha das bandas, uma vez que fizeram um upgrade muito ilustre para a Edição Especial, passando de simples gigantes interestelares do funk para fatinhos azuis de blues horrendos. De acordo com fontes online, o nome original deles era Evar Orbus e os Galácticos Jizz-Wailers (a sério!?).
 
Frase-chave: “Lapti nek, rat a ran wim joct co jappi qaff!”
 

As melhores personagens de Star Wars

40
Aunt Beru, best Star Wars characters

Tia Beru

Quem é ela?
 
A tia sofredora de Luke Skywalker (mas não biológica aparentemente), uma mulher com bom coração que tem a má sorte de ter casado com o homem mais mal-humorado de todo o universo.
 
Porque é que gostamos dela?
 
Porque ela tem de aturar muito e a única recompensa que tem é ser incinerada sem cerimónia e o seu corpo ficar à torreira do Sol. Em A Vingança dos Sith, Beru e Owen parecem ser um casal sensivelmente satisfeito, feliz por ter acolhido Luke – mas quando A Guerra das Estrelas chega ficam desgastados, infelizes e mal falam um com o outro. É basicamente um drama familiar no espaço.
 
Frase-chave: “O Luke não é apenas um agricultor, Owen. Ele tem demasiadas coisas do pai dele.”
 
39
Supreme Chancellor Valorum, best Star Wars characters

Supreme Chancellor Valorum

Quem é ele?
 
É basicamente o maior cota de toda a galáxia – chefe do Senado Galáctico e um velhinho agradável e antiquado.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Em grande parte, porque é o lendário Terence Stamp que lhe dá vida. Parece estar intermitentemente confuso, entretido e ligeiramente aborrecido por estar rodeado de ecrãs azuis, efeitos invisíveis e pessoas com penteados ridículos. Valorum é, obviamente, afastado do seu trabalho para que o desonesto Palpatine ocupe o seu lugar. Conseguimos, com facilidade, imaginá-lo em casa, refastelado no sofá a beber chocolate quente e a ouvir na rádio as notícias sobre o colapso da República, enquanto balbucia “Eu bem que os avisei”.
 
Frase-chave: “Preferirá deferir a sua moção para permitir que a comissão explore a validade das suas acusações?” Que mordaz!
 
Publicidade
38
Angry Tusken Raider

Angry Tusken Raider

Quem é ele?
 
Um guerreiro do deserto com uma aparência inspirada no filho ilegítimo de uma múmia egípcia e uma câmara de 16mm. 
 
Porque é que gostamos dele?
 
Tínhamos de ter um Tusken Raider na lista, simplesmente porque estes rufias de Bantha são os maiores mauzões do Desfiladeiro de Beggar. Este espécimen demasiado sensível é a escolha da maioria, especialmente a cena em que dá uma pancada enorme na cabeça de Luke Skywalker e depois disso solta um genuíno e feroz grito de guerra.
 
Frase-chave: “Arrrrrgh-ack-ack-ack!”
 
37
Cornelius Evazan and Ponda Baba, best Star Wars characters

Cornelius Evazan e Ponda Baba

Quem são eles?
 
São os renegados intergalácticos que se metem com o pobre Luke na cantina-bar de Mos Eisley. Evazan é mais ou menos humano, tirando algumas cicatrizes faciais e um nariz à porco, enquanto Baba é uma espécie de réptil verde-escuro com uma boca estranha que se assemelha a órgãos genitais.
 
Porque é que gostamos deles?
 
Porque são durões. Estes piratas do espaço têm uma sentença de 12 – contem bem! – sistemas em cima, o que faz deles as piores pessoas com quem te devias ter metido (a não ser que sejas o Obi-Wan Kenobi, que não és). Mas são apenas parceiros ou existe algo mais sério? Será que o casamente entre espécies é sequer legal em Tatooine? 
 
Frase-chave: “Ele não gosta de ti. Eu também não.”
 
Publicidade
36
Star Wars - Vice-Almirante Amilyn Holdo
TM & © Lucasfilm Ltd. All Rights Reserved

Vice-Almirante Amilyn Holdo

Quem é ela?

Natural do planeta Gatalenta, Amilyn Holdo fez parte da organização de juventude da República Galáctica, tendo conhecido e ficado amigo da Princesa Leia no Senado Imperial. Mais tarde Vice-Almirante da Resistência com o comando do cruzador Ninka, Holdo dá a vida pela sua causa, permitindo a evacuação e fuga dos combatentes da Resistência e depois abalroando e destruindo, com o cruzador Raddus, a nave-comandante da frota da Primeira Ordem, a Supremacy.

Porque é que gostamos dela?

Porque se sacrifica sem pestanejar por aquilo em que acredita, salva milhares e vidas e é personificada por Laura Dern.

Frase-Chave: “Boa viagem, rebeldes!”

35
General Rieekan, best Star Wars characters

General Rieekan

Quem é ele?
 
O militar da velha guarda que supervisiona a “retirada táctica” dos Rebeldes da Base Echo no planeta Hoth.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque enquanto toda a gente está a correr de um lado para o outro, a entrar em pânico porque os soldados imperiais estão praticamente em cima deles, Rieekan mantém-se firme e consegue aguentar os seus soldados à custa de um grande risco pessoal. Ele é basicamente o último a ir embora, mas embora pareça que sobrevive à invasão não o voltamos a ver n’O Regresso do Jedi. Ah! E também gostamos dele porque tem um fraquinho pelo Han Solo.
 
Frase-chave: “Não é fácil viver com uma máscara de morte.”
 
Publicidade
34
Count Dooku, best Star Wars characters

Count Dooku

Quem é ele?
 
Também conhecido como Saruman, desculpem, Darth Tyranus, o lorde Sith que mais importância tem para ajudar Palpatine a derrubar o Senado.
 
Porque é que gostamos dele?

Porque o seu papel é desempenhado pela lenda dos filmes de terror, pelo padre pagão e pelo pioneiro de death-metal Christopher Lee. E também porque ele começa uma entusiasmante, intermitente e hilariante luta de sabres de luz contra Yoda, que tem aproximadamente um quarto da sua idade. Temos de admitir que ficámos ligeiramente desiludidos quando ele foi derrubado no início de A Vingança dos Sith.
 
Frase-chave: “É óbvio que este confronto não pode ser decidido pelo nosso conhecimento de a Força… mas pela nossa habilidade com o sabre de luz.”
 
33
Mon Mothma, best Star Wars characters

Mon Mothma

Quem é ela?
 
A orgulhosamente fria donzela da saga, que pela altura da batalha final é já líder da Aliança Rebelde – imaginem a Margaret Thatcher, caso não tivesse cedido ao lado negro da força.
 
Porque é que gostamos dela?
 
Porque é fria e carismática, mas é essencialmente uma lutadora. Aquela vez em que se dirigiu às forças rebeldes antes da batalha de Endor é a calma congelante antes da tempestade, embora pareça que a actriz Caroline Blakiston tenha acabado de sair de um episódio de A Família Bellamy (na verdade, fazia parte do elenco de Midsomer Murders). 
 
Frase-chave: “Muitos Bothans morreram para obtermos esta informação.”
 
Publicidade
32
Nien Nunb, best Star Wars characters

Nien Nunb

Quem é ele?
 
O co-piloto de Lando Calrissian, a pessoa que controla a Millennium Falcon aquando da batalha de Endor – um brigão entusiasta com um colete elegante e uma cara com sushi às camadas. 
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque enquanto toda a gente está a ir pelos ares e a gritar que fora tudo uma armadilha, Nien parece estar a gozar o momento, saltando para cima e para baixo no seu lugar e balbuciando como um louco num dialecto da língua Kenyan. No argumento original, era suposto Lando e Nien terem morrido com a bola-de-fogo flamejante da Estrela da Morte. Ainda bem que os produtores mudaram de ideias.
 
Frase-chave: Perguntem a um Kenyan. Vamos esperar que não seja nada ofensivo.
 
31
Biggs Darklighter, best Star Wars characters

Biggs Darklighter

Quem é ele?
 
É o amigo de infância de Luke Skywalker, um piloto popular com uma bigodaça fabulosa e o estilo despreocupado de uma estrela de Hollywood.  
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque o vínculo entre Biggs e Luke representa a ligação entre a própria infância de George Lucas e a sua galáxia muito, muito distante. Luke e Biggs são essencialmente personagens de American Graffiti que desapareceram em acção e a decisão de cortar muitas das suas cenas juntos, embora justificável em termos de ritmo, retira grande parte do coração ao primeiro filme. Encorajamos os nossos leitores a ver as cenas que não entraram na versão final a descobrir o herói que foi deixado para trás na sala de edição. Ver também: Deak, Windy, Camie e Fixer.
 
Frase-chave: “A rebelião está a dispersar-se e eu quero estar do lado em que acredito.”
 

As melhores personagens de Star Wars

30
Star Wars - Captain Phasma
TM & © Lucasfilm Ltd. All Rights Reserved

Phasma

Quem é ela?

Comandante dos Stormtroopers da Primeira Ordem, Phasma (Gwendoline Christie) é fiel ao Lado Negro da Força como um cão ao seu dono, má como as cobras e nunca larga a sua presa.

Porque é que gostamos dela?

Apesar de combater do lado dos maus e de não ser flor que se cheire nem empurrado, Phasma é igual a si mesma até ao último segundo da sua existência. Uma mulher de armas, embora defenda a causa errada.

Frase-chave: “Sou Phasma, e sou a maior guerreira de Parnassos!”

29
The 50 best Star Wars characters, põe daemon

Poe Dameron

Quem é ele?
 
É o piloto com charme de ídolo em O Despertar da Força e Os Últimos Jedi, o emissário de confiança da (agora) General Leia que consegue fugir à Primeira Ordem, escapar de forma milagrosa à morte e regressar para liderar o ataque X-Wing contra a Base Starkiller.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque tem um charme old-school e porque é o herdeiro devido de Biggs Darklighter e Lando Calrissian – a única coisa que lhe falta é um bigode com pinta (vamos esperar que ele deixe crescer um para o próximo filme). Ainda não sabemos bem como é que Poe escapou ao despenhamento do Fighter em Jakku (o enredo não é necessariamente o ponto mais forte de O Despertar da Força), mas agrada-nos que ele tenha regressado para o excitante final, para não falar do escaldante reencontro entre ele e Finn – e deste, meus caros, nasceu um meme - e para ainda assim crescer durante Os Últimos Jedi - depois de levar uma bofetada da General Leia.
 
Frase-chave: “Eu consigo pilotar qualquer coisa.”
 
Publicidade
28
Admiral Motti, best Star Wars characters

Almirante Motti

Quem é ele?
 
É o pretensioso imperialista que se atreve a desafiar Darth Vader e até a existência da própria Força. Mas não por muito tempo…
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque ele não é apenas um engraxador que se limita a dizer que sim enquanto sabe que vai ser estrangulado fatalmente, como toda a gente da chefia do Exército Imperial faz. Bolas! Motti é um realista e ele acredita na capacidade das armas e na superioridade dos números, não em magia e em cenas místicas. E também porque ele tem o melhor sorriso de desdenho de sempre.
 
Frase-chave: “Não tente assustar-nos com as suas manhas de feiticeiro, Lord Vader.”
 
27
Padmé Amidala, best Star Wars characters

Padmé Amidala

Quem é ela?
 
É a condenada Rainha dos Naboo, membro do Senado Galáctico, mulher do traidor Anakin Skywalker, mãe de dois filhos que nunca verá e dona da maquilhagem mais estranha do universo.
 
Porque é que gostamos dela?
 
O.K., Amidala não é a durona respondona e implacável que a sua filha acabou por ser, mas continua a ser uma personagem fascinante, criada segundo a tradição, mas que não ficou completamente presa a esta, e que se apaixona por um homem que deveria ter desconfiado que iria eventualmente descarrilar. A performance de Natalie Portman é limitada por diálogos meio primitivos, mas existem momentos em que a força de Amidala transparece. 
 
Frase-chave: “Eu não fui eleita para ver o meu povo sofrer e morrer enquanto vocês discutem esta invasão num comité!”
 
Publicidade
26
Admiral Ackbar, best Star Wars characters

Almirante Ackbar

Quem é ele?
 
É o comandante da armada rebelde durante a batalha de Endor e membro da espécie aquática idioticamente denominada Mon Calamari – é também ele que diz uma das melhores falas da saga.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque parece uma truta gigante de cabedal com olhos esbugalhados, a sua indumentária tem um estilo ligeiramente monocromático e fala como se tivesse engolido uma garrafa de Coca-Cola de uma vezada. No entanto, continua a ser um dos peixes mais espectaculares de toda a frota. Além do mais, tem uma cadeira extensível meio estranha, que lhe permite ligar-se ao comando central como aquela marioneta antiga de sci-fi, o Joe 90.
 
Frase-chave: Todos juntos: “É uma armadilha!”
 
25
Porkins, best Star Wars characters

Porkins

Quem é ele?
 
O piloto condenado que se recusa a ejectar (para onde iria ele ejectar também?) e acaba espatifado na Estrela da Morte.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Vamos enumerar todas as razões. Primeiro, ele é o único tipo gordo que não é mau em todo o universo de A Guerra das Estrelas, o que quer dizer muito quando temos 12 anos. Depois, ele dá cobertura a Biggs, arriscando e muito a sua própria segurança. Em último lugar, quem lhe dá vida é o eternamente subestimado William Hootkins, um actor notável e que deixou muitas saudades, cuja carreira vai de filmes como Blackadder a Batman.
 
Frase-chave: “Não, eu estou b… aaaaahhhhhh!”
 
Publicidade
24
Grand Moff Tarkin, best Star Wars characters

Governador Moff Tarkin

Quem é ele?
 
É o big boss da Estrela da Morte, a pessoa que segura na trela de Darth Vader e um homem que está disposto a destruir um planeta inteiro só para provar que tem razão.

Porque é que gostamos dele?
 
Bem, o facto de ele ser protagonizado pelo lendário Peter Cushing não faz mossa. Mas pondo isto de lado, Tarkin tem muita pinta: parece que fuma 50 cigarros por dia e tem um peito cheio de medalhas. E aquele ar antes da sua amada estação explodir é simplesmente impagável.  
 
Frase-chave: “Acabem com ela! Imediatamente!”
 
23
Qui-Gon Jinn, best Star Wars characters

Qui-Gon Jinn

Quem é ele?
 
O tutor de Obi-Wan Kenobi e a única pessoa do Concelho Jedi que acredita que Anakin Skywalker é mais do que um monte de problemas à espera de acontecer.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Essencialmente por causa das suas habilidades com o sabre de luz, da sua classe e da forma mística como diz as suas falas. Ah, e a semelhança facial que tem com aquele actor brutal, o Liam Neeson. Também porque foi aqui que as pessoas começaram a reparar no fenómeno da barba Jedi – bem aparada, apresentável e exactamente igual à de George Lucas. Ainda não estamos convencidos com aquela cena dos midi-chlorians (uma espécie de micróbio microscópico), mas vamos deixar passar.
 
Frase-chave: “Lembra-te: a tua concentração é que determina a tua realidade.” Han?
 
Publicidade
22
Greedo, best Star Wars characters

Greedo

Quem é ele?
 
O calmo réptil caçador de recompensas que Han Solo executa de forma abrupta e sem cerimónias no cantina-bar de Mos Eisley, em Tatooine – e não deixem que ninguém vos diga o contrário.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Pelo menos em parte por causa de toda a controvérsia sobre a sua morte, depois de George Lucas ter acrescentado prematuramente uma explosão laser, a fim de suavizar o carácter irascível de Han Solo. Mas muito porque ele tem olhos verdes de vidro enormes, uma voz de insecto sobrenatural e porque é um dos clientes mais convincentes daquele tasco cheio de escumalha.

Frase-chave: “Há muito tempo que estava à espera disto.” As famosas últimas palavras.
 
21
Wedge Antilles, best Star Wars characters

Wedge Antilles

Quem é ele?
 
É o melhor piloto da frota rebelde, apesar do seu superior Luke Skywalker ter tendência para ficar com os créditos.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque é um sobrevivente. Enquanto os seus pilotos de apoio estão todos a ir pelos ares, não conseguindo ejectar-se a tempo e indo, como é óbvio, contra todo o tipo de coisas, Wedge consegue manter-se calmo e pura e simplesmente limita-se a rebentar com coisas, sobrevivendo a três grandes batalhas quase sem um arranhão. Além do mais, o nome dele é Wedge Antilles.
 
Frase-chave: “Vira à esquerda. Eu fico com o líder.”
 

As melhores personagens de Star Wars

20
Kelly Marie Tran is Rose and John Boyega is Finn in THE LAST JEDI.
Photograph: Jonathan Olley

Rose Tico

Quem é ela?

Anónima funcionária da manutenção da Resistência, Rose (Kelly Marie Tran) viu a irmã, Paige, morrer em combate durante uma batalha com as forças da Primeira Ordem. Depois de ajudar Poe Dameron, Rose mergulha em cheio na acção juntando-se a Fin e ao droide BB-8 numa arriscada missão na cidade-casino do planeta Cantonica e torna-se numa figura decisiva na luta contra o inimigo.

Porque é que gostamos dela?

É uma daquelas pessoas que surge de repente do nada e que mostra todo o seu valor de forma corajosa, decidida e abnegada. Age, em vez de ficar só a dar opiniões no fundo da sala (ou da nave).

Frase-chave: “É assim que vamos ganhar, não combatendo aquilo que odiamos mas salvando aquilo que amamos.”

19
Star Wars - Snoke
IMDB

Supremo Líder Snoke

Quem é ele?

Um vilão sinistramente cadavérico e muito convencido, que tutela a Primeira Ordem, a junta militar saída das cinzas do Império Galáctico. Snoke conseguiu a proeza de seduzir Kylo Ren (ou Ben Solo, filho de Han Solo e da princesa Leia) para o Lado Negro da Força prometendo-lhe ser o novo Darth Vader.

Porque é que gostamos dele?

Porque debaixo daquele desprezível e repugnante criatura está o grande Andy Serkis, em mais uma das suas interpretações em sistema de motion capture.

Frase-Chave: “Esmagaremos a Resistência, de uma vez por todas!”

Publicidade
18
Hammerhead, best Star Wars characters

Hammerhead

Quem é ele?
 
É um dos frequentadores da cantina-bar, no planeta Tatooine, cuja cabeça abatatada se assemelha a um tubarão-martelo – ou, na verdade, apenas um martelo.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Hammerhead terá de tomar o lugar de todos os pequenos monstros escondidos no escuro, sem nome, cujas figuras nós coleccionamos avidamente, mesmo que mal apareçam nos filmes: Snaggletooth, Walrus Man, Squidhead, Bossk, Zuckuss, Ree-Yees, Weequay, Klaatu, Barada, Nikto, Prune Face e todos os outros que não vamos enumerar. Também gostamos dele porque é um dos protagonistas do melhor sketch de comédia de A Guerra das Estrelas
 
Frase-chave: “Porque a minha cabeça é como um martelo e o martelo é como a minha cabeça!”
 
17
star wars the force awakens

Kylo Ren

Quem é ele?
 
O vilão de O Despertar da Força – e (alerta spoiler) o filho de Han Solo e da princesa Leia que se juntou, ou foi conduzido, ao lado negro da Força depois de ter recebido o seu treino de Jedi com Luke Skywalker. Ele é agora um poderoso adolescente que está chateado com basicamente tudo o que se passa no universo.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque é apenas um puto rabugento – embora seja um que tem ao seu dispor 1000 legiões armadas e um laser de morte capaz de destruir planetas inteiros. Além do mais, JJ Abrams ainda não o afirmou publicamente, mas desconfiamos que ele está a tentar aproximar-se dos groupies de Star Wars ao mostrar-nos um Kylo Ren obcecado com o capacete chamuscado de Darth Vader. As cenas entre Kylo, papel desempenhado por Adam Driver, e Rey, papel de Daisy Ridley, são quase dramáticas neste filme, primeiro devido à sua tentativa falhada de a torturar com a Força, depois por se aperceber do seu poder ainda por explorar e, claro, por causa do entusiasmante confronto entre os dois. Esta é uma personagem que definitivamente queremos ver mais vezes.
 
Frase-chave: “Espera! Eu posso mostrar-te o poder do lado negro da Força!”
 
Publicidade
16
Darth Maul, best Star Wars characters

Darth Maul

Quem é ele?
 
Um lorde Sith que é, no fundo, a única personagem nova verdadeiramente entusiasmante da primeira prequela, em grande parte graças à pintura facial à Cirque du Soleil, aos olhos amarelos cor-de-ácido e ao sabre de luz de duas extremidades.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Não é apenas por causa da sua aparência, embora seja espectacular. Segundo o especialista de artes marciais Ray Park – e sem menosprezar o arrepiante trabalho de voz do grande Peter Serafinowicz – Darth Maul é um sádico sinistro e não conseguimos deixar de pensar como as prequelas só iriam beneficiar se ele não tivesse morrido logo.
 
Frase-chave: “Morre, Jedi, morre!”
 
15
C-3PO, best Star Wars characters

C-3PO

Quem é ele?
 
Um Deus brilhante e dourado, um desmancha-prazeres irritante, um droid Threepio de protocolo que sabe cerca de seis milhões línguas e/ou dialectos e, meu Deus, como ele adora falar sobre isso!
 
Porque é que gostamos dele?
 
Se Threepio o tivesse restringido à trilogia original de A Guerra das Estrelas, ele talvez ocupasse uma posição mais elevada na nossa lista: a sua presença nesses filmes, seja por estar a repreender R2-D2 pela sua determinação, a dar uma palmadinha nas costas de Han Solo ou a tentar ser amigo de Jabba, the Hutt são – de forma consistente – agradáveis e divertidas. Mas a prequela à trilogia utilizou-o como a personagem que consegue arrancar o riso fácil de forma recorrente, interrompendo a acção com apartes desnecessários (como “Que chatice!”). Além do mais, como é que um rapaz que era escravo, no meio de um deserto árido, iria conseguir construir um droid que soubesse seis milhões de línguas? De qualquer maneira, vamos esperar que os novos filmes venham restaurar a glória do nosso herói cibernético.
 
Frase-chave: “Estamos condenados.”
 
Publicidade
14
Boba Fett, best Star Wars characters

Boba Fett

Quem é ele?
 
É o derradeiro caçador de recompensas, um fora-da-lei impiedoso e de poucas palavras que vagueia pelos destroços galácticos na sua nave em forma de caixão.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Na história do cinema, raramente foi dada tanta atenção a uma personagem que aparece tão poucas vezes e que não diz quase nada. É difícil dizer o que este homem misterioso e taciturno tem de especial para ter conseguido cativar a atenção de tantos fãs, mas terá provavelmente qualquer coisa que ver o seu disfarce todo almofadado e com protecções. Ele também é das poucas personagens que dá respostas à altura a Darth Vader. Mesmo assim, quanto menos se disser sobre a sua aparição surpresa em Ataque dos Clones melhor.
 
Frase-chave: “Ele não me vale de nada morto.”
 
13
Star Wars: The Force Awakens

Rey

Quem é ela?
 
É a heroína misteriosa de O Despertar da Força e Os Últimos Jedi, uma rapariga órfã com um passado secreto que sonha mudar a sua vida aborrecida e solitária – mas quando tem essa oportunidade não tem a certeza se partir à aventura foi ou não uma grande ideia. 
 
Porque é que gostamos dela?
 
Porque ela parece uma daquelas crianças inglesas saídas de um romance de aventura: corajosa, orgulhosa e às vezes um bocado presunçosa, com nervos de aço e respostas à altura. Ver a actriz Daisy Ridley subir aqueles degraus de pedra no planeta Ahch-To nos momentos finais de O Despertar da Força relembrou-nos imediatamente as histórias de fantasia que víamos enquanto crianças. A maneira como ela lida com Finn, desempenhado por John Boyega, também – mal podemos esperar por ver como é que aquela relação vai evoluir.
 
Frase-chave: “Vais tirar-me estas algemas, sair desta cela e sair com a porta aberta.”
 
Publicidade
12
Lando Calrissian, best Star Wars characters

Lando Calrissian

Quem é ele?
 
É o derradeiro sedutor, um homem que diz adeus ao seu passado de vira-casacas para dar seguimento a uma carreira respeitável enquanto administrador de minas e, eventualmente, como general da Aliança Rebelde. 
 
Porque é que gostamos dele?
 
Sim, Lando foi inserido na saga depois de haver muitas queixas sobre a ausência de uma personagem de ascendência africana (a sua caracterização inicial enquanto traidor e mulherengo machista também não ajudou). Mas se conseguirmos ir além do contexto cultural, o charme de Calrissian e a complexidade moral pouco característica de A Guerra das Estrelas fazem com que seja uma das figuras mais intrigantes da saga. Billy Dee Williams tem uma performance magnífica, sendo incrivelmente enigmático, astuto e elegante. Esperemos que os produtores arranjem uma maneira de trazê-lo de volta à saga.
 
Frase-chave: “Aqui vai nada!”
 
11
Jabba the Hutt – The 50 best Star Wars characters

Jabba, the Hutt

Quem é ele?
 
É uma lesma verde gigante, com um apetite voraz para tudo o que inclua lambidelas, flautas hookah, hard funk e criaturas anfíbias semelhantes a aranhas. Jabba é o gangster mais poderoso de toda a galáxia – embora a forma como ele conseguiu atingir esta elevada posição sem sequer se conseguir mexer ou bater em pessoas (graças aos seus minúsculos braços de tiranossauro) ser uma questão de conjuntura.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque ele é realmente um bico de obra: corrupto, lascivo, grotesco, um monstro imoral para quem a execução de um subordinado é algo tão banal como fazer um chá (embora não consigamos imaginá-lo sequer a pôr a chaleira no forno). No que respeita a técnica, Jabba é um bela criatura  produzida pela equipa de design, que demorou três meses a ser concebida, custou meio milhão de dólares e precisava de três marionetistas para ser manuseada. É um repugnante produto de engenharia genuinamente impressionante, memorável e convincente, tão desagradável hoje quanto era em 1983. Tudo isto faz com que os comentários de George Lucas sobre o boneco original – e a sua decisão de usar uma substituição CGI meio labrega tanto em A Ameaça Fantasma como na Edição Especial Star Wars – sejam errados, e até um pouco insultuosos.
 
Frase-chave: “Em breve irás aprender a gostar de mim.” A não ser que o teu nome seja George Lucas, claro.
 

As melhores personagens de Star Wars

10
Star Wars: The Force Awakens, John Boyega

Finn

Quem é ele?
 
Sem nome e sem passado, é o stormtrooper da Primeira Ordem e também técnico de canalização em part-time – nascido sob o nome FN-2187 – que tem uma crise de consciência após os ataques a Jakku, salva o rebelde da Resistência Poe Dameron e vai à descoberta de quem é e qual o seu papel neste universo.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque ele é o nosso guia para as maravilhas cintilantes de O Despertar da Força, tentando ser fixe e ficar na dele mesmo estando permanentemente em pânico. E também porque quem lhe dá vida é John Boyega, um notável jovem actor que, de forma surpreendente, conseguiu chegar onde chegou através da combinação entre um charme nerd e uma dureza calma e forte – a combinação perfeita para a personagem de um jovem soldado que solta as suas amarras e se torna rebelde. Esperamos grandes coisas de Finn nos próximos filmes: se ele não for um general da Resistência com a sua própria frota de naves no final do Episódio IX vamos ficar seriamente desiludidos.
 
Frase-chave: “O meu nome é Finn. E sou eu que mando.”
 
9
Luke Skywalker – The 50 best Star Wars characters

Luke Skywalker

Quem é ele?
 
É o herói, claro! Luke é o típico rapaz de Tatooine: puro, trabalhador, respeitador dos mais velhos, com os dentes mais brancos de sempre e que adora beijar a sua irmã. As suas aventuras são o pilar da trilogia original de A Guerra das Estrelas. Enquanto rapaz simples de um lar despedaçado, Luke consegue mudar de sina utilizando apenas o seu cinto, chegando a ganhar medalhas brilhantes, a domar a Força e a salvar a galáxia inteira de todo o mal (pelo menos temporariamente). Um sucesso!
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque é o derradeiro herói desta aventura familiar: é amável tanto com animais quanto com droids, sabe pilotar naves espaciais, balançar-se em cordas por cima de abismos e distinguir o bem do mal. Existem muitos momentos em que Luke é tentado a mudar-se para o lado negro da Força, cedendo ao ódio e escolhendo o caminho mais fácil, mas nunca acreditamos que isso acontecerá: fogo, ele até salva o vilão mais temido da galáxia dele próprio. Nada do que foi dito é uma crítica: a performance de Mark Hamill é, de forma consistente, inteligente, sentida e divertida e Luke nunca chega a ultrapassar aquele limite em que o herói se torna irritante por ser tão certinho. Com mais experiência e com uma barba impressionante, Luke parece que foi até ao inferno e voltou.
 
Frase-chave: “Eu preocupo-me!”
 
Publicidade
8
R2-D2 – The 50 best Star Wars characters

R2-D2

Quem é ele?
 
É uma lixeira sensata e engraçada que tem pernas e que acaba por ficar completo quando adquire um monte de engenhocas à Inspector Gadjet. Pensem no cruzamento entre um aspirador com vida e um canivete suíço, mas com personalidade.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque é o verdadeiro herói dos filmes de A Guerra das Estrelas, safando consistentemente todas as pessoas quando as coisas correm mal. Desde manipular ligações numa nave inimiga para salvar a vida miserável de Anakin Skywalker a arranjar os estabilizadores de voo de Luke durante o primeiro ataque à Estrela da Morte (bem como o drive da Millenium Falcon), é basicamente R2-D2 que tem o trabalho de salvar a galáxia inteira e raramente recebe créditos por isso. Não é surpresa que ele tivesse sido o primeiro do elenco a ser confirmado para a terceira trilogia de A Guerra das Estrelas: sem ele, as forças imperais dominariam a galáxia e tanto Luke, como Leia, Han e Chewie não seriam mais do que esponjas humanas esmagadas pelas paredes daquele compactador de lixo. No entanto, o seu comportamento em O Despertar da Força preocupa-nos um bocado – foi mesmo necessário esperar tanto tempo para dizer a toda a gente que ele sabia quem era o Luke? Ou estava só a ser dramático?
 
Frase-chave: É aqui que fazemos aqueles sons de beeps para dizer “Cá vamos nós outra vez”.
 
7
Emperor Palpatine – The 50 best Star Wars characters

Imperador Palpatine

Quem é ele?
 
O maléfico e principal responsável pelo golpe de Estado das forças imperiais. Inicialmente, Palpatine é um senador que aparenta ser de confiança, mas que esconde um terrível segredo: é um lorde Sith, mestre de todo o mal. Mais tarde, torna-se mesmo um pequeno feiticeiro com a maior risada de sempre.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque é das poucas personagens que tem mais do que vista alcança e que se torna mais interessante na prequela da trilogia – e porque, vamos ser sinceros, dá pica ver os mauzões. A performance de Ian McDiarmid é uma das mais ricas da saga. Sim, há ali laivos de pantomima no vilão dele, mas é isso que também nos dá gozo.
A transição de Palpatine de político compreensivo para um desonesto, de louco de sabre de luz em punho para ditador galáctico dá-nos pica e o realizador George Lucas e McDiarmid trabalharam muito para nos darem cada laivo de alegria lunática. Escusado será dizer que aquando da batalha climática de O Regresso do Jedi ele já se tinha tornado um ser genuinamente assustador: um homem de pele enrugada e ar fantasmagórico, cuja malévola auto-confiança e a aparente capacidade ilimitada para odiar faz dele o mauzão mais memorável da saga – o único.
 
Frase-chave: “Estou sem qualquer defesa. Apanha a tua arma. Atinge-me com todo o teu ódio e a tua passagem para o lado negro da Força ficará completa!”
 
Publicidade
6
Yoda – The 50 best Star Wars characters

Yoda

Quem é ele?
 
É a marioneta pequena que fala para trás e cujo conhecimento da Força ninguém consegue igualar. Na trilogia original ele é uma maravilha do design: tangível, simpático e amável. A sua versão CGI em A Ameaça Fantasma parece ser um troll de borracha que de forma desconfortável ganhou vida, embora isso não tenha melhorado nos dois filmes seguintes.
 
Porque é que gostamos dele?
 
É mesmo preciso perguntar? Ele é o Yoda! Tem 800 anos e está aí para as curvas, é mestre de telecinesia e de Filosofia Oriental, é o maior com o sabre de luz, tem um excelente sentido de humor e um fascínio estranho por lanternas de bolso. Tudo sobre ele é icónico: aquela forma idiossincrática de falar (tanto de comediante idoso judeu como de guerreiro samurai enigmático), aquela voz rouca inconfundível (de Frank Oz, por isso a semelhança à Miss Piggy é compreensível), o excelente trabalho marionetista e até o CGI não tão mau das duas últimas prequelas (o modo como ele salta de parede em parede durante o confronto de sabres de luz é fantástica).
 
Frase-chave: “Do, or do not. There is no try.” Nem nos atrevemos a traduzir.
 
5
Chewbacca – The 50 best Star Wars characters

Chewbacca

Quem é ele?
 
Uma carpete de dois metros com pêlos ombreados naturais, o bandoleiro da Resistência com um reportório vocal que consiste em latidos, ruídos e rugidos difíceis de imitar. Co-piloto da Millenium Falcon, Chewie é outras das personagens de A Guerra das Estrelas que nos inspira uma devoção profunda, apesar da sua incapacidade para falar – inglês, pelo menos.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque ele é O homem, apesar de ser um Wookie. Chewbacca é alto, peludo, está sempre na moda, é forte, incrivelmente leal, um pouco brincalhão, um ás com a besta, um piloto experiente, óptimo a montar coisas espaciais do nada e cheira-nos que dá uns abraços inesquecíveis. Qualquer homem adoraria ser seu companheiro e que mulher não quereria alguém tão trabalhador, apaixonado e elegante? Sim, aquelas conversas mais sérias, emocionais, poderiam dar trabalho, mas talvez seja isso que as pessoas querem dizer quando falam em “doces nadas”. Também adoramos o Chewie porque quem lhe dá vida é o gigante encantador Peter Mayhew, que tem o melhor feed de Twitter de toda a turma original da saga (o username dele é @thewookieeroars, caso estejam interessados).
 
Frase-chave: O seu uivo desanimado quando as portas da base Echo se fecham aquando do anoitecer em Hoth é de partir o coração.
 
Publicidade
4
Obi-Wan Kenobi – The 50 best Star Wars characters

Obi-Wan Kenobi

Quem é ele?
 
De jovem herói Jedi para alguém que vagueia os desertos, chegando inclusive a transformar-se numa brilhante aparição azul, Obi-Wan é tanto o coração latejante e altruísta de toda a saga como é completamente inútil. Mesmo assim, como uma vez um grande homem disse, muitas das verdades às quais nos agarramos dependem muito da nossa perspectiva.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque é completamente implacável com o sabre de luz. Porque as suas vestes em tons de bege são tão funcionais quanto estilosas. Porque ele usa uma barba aparada com um entusiasmo sem fim. E porque quem lhe dá vida são dois grandes actores, um dos quais é talvez o maior actor dramático que saiu desta ilha perdida, Sir Alec Guinness. Mesmo assim, preocupa-nos que ele seja basicamente o único sistema de apoio para a família Skywalker, que, como bem sabemos, é propensa a acidentes. E onde é que isso o leva? É quase forçado a matar o seu melhor amigo (que, vamos admitir, é um grande parvalhão). Deixam-no a vaguear pelo deserto durante duas décadas para ser uma espécie de babysitter à distância. Depois, assim que a sua vida volta a ficar interessante, é subitamente derrubado pelo dito melhor amigo e forçado a passar a eternidade como um fantasma… na companhia do tipo que o matou! Isso sim é lealdade.
 
Frase-chave: “Se me atingires, tornar-me-ei mais poderoso do que possas imaginar.”
 
3
Princess Leia Organa – The 50 best Star Wars characters

Princess Leia Organa

Quem é ela?
 
É o rosto orgulhoso da Aliança Rebelde: um ícone bonito, sarcástico, lutador, que não aceita levar com tretas e que usa panteados como se fosse uma pasteleira holandesa – pelo menos durante dois filmes. Aquele incidente do biquíni dourado pode ter danificado um pouco as suas credenciais feministas, mas pelo menos ela teve a oportunidade de estrangular Jabba, the Hutt.
 
Porque é que gostamos dela?
 
Quando éramos pequenos, a princesa Leia era simplesmente irritante: era o último boneco que queríamos desembrulhar na manhã de Natal. Depois, enquanto adolescentes, ela tornou-se um pouco mais… interessante, mas continuava a ser uma personagem que dificilmente levávamos a sério, com ou sem biquíni dourado. Porém, agora que somos adultos, olhamos para trás e percebemos que Leia – seja ou não um ícone feminino – era das personagens complexas da saga inteira. Enquanto figura pública que trabalha por uma causa rebelde não só perdeu a sua família toda como o planeta de onde vem. Tem muito mais a perder do que qualquer um dos que a rodeiam. Como qualquer mulher num mundo só de homens, mantém-se firme em todas as circunstâncias – vejam como ela enfrenta tanto Tarkin como Vader sem hesitar – sem ficar uma figura aristocrática como Mon Mothma ou alguém que se contenta como a Tia Beru. Sendo a única mulher em anos-luz, ela tem gozo em pôr Han e Luke um contra o outro e recusa-se a ser sugada na lamechice que daí advém. Tem a mente mais ágil, a língua mais afiada e, não nos esqueçamos, quem tem mais dinheiro – mas à medida que as décadas vão passando, ela continua disposta a arriscar tudo pela causa em que acredita. Escolheram meter-se com o Skywalker errado!
 
Frase-chave: “Eu não sou um comité!”
 
Publicidade
2
Han Solo – The 50 best Star Wars characters

Han Solo

Quem é ele?
 
É o capitão do Millennium Falcon e o piloto espacial mais arrogante de toda a galáxia. Han Solo é o herói de todos os rapazes: viaja de sistema solar em sistema solar com o seu melhor amigo peludo, mete-se em alhadas, anda aos tiros, tem actos esporádicos de heroísmo e é malcriado com as mulheres até elas se apaixonarem perdidamente por ele.
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque é quase impossível não gostar – o seu cabelo é fantástico, a sua fatiota de cowboy espacial é lendária, ninguém arranja respostas melhores do que as dele e o seu sorriso já partiu os corações de milhões em milhares de mundos. 
 
Frase-chave: “Eu sei.”
 
1
Darth Vader – The 50 best Star Wars characters

Darth Vader

Quem é ele?
 
Não achamos que seja demais sugerir que ele é o vilão mais icónico do grande ecrã de todos os tempos: tem um aspecto assustador, a sua voz arrepia e as suas palavras estão carregadas de maldade. Mas o que faz de Darth Vader a imagem dos nossos pesadelos são as suas acções:está sempre a partir pescoços – tanto em pessoa como à distância – e corta o braço do próprio filho (vamos deixar que essa imagem fique na vossa cabeça por um instante). Este tipo é alguém com quem vocês não se devem mesmo meter. 
 
Porque é que gostamos dele?
 
Porque, por muito que gostemos deles, os filmes estão repletos de pilotos espaciais sarcásticos, princesas pistoleiras, heróis loiros que conseguem mudar a sua sina, robôs sidekicks e feiticeiros idosos e sábios, mas só existe um Darth Vader.
O seu contexto é problemático – o pré-adolescente Anakin é um pirralho irritante, enquanto que a personificação de Hayden Christensen não consegue ir alem daqueles diálogos horríveis. Posto isto, a forma como ele se transforma por completo naquela figura do mal é conseguida de forma cuidadosa e convincente e a batalha (que é quase o clímax) entre Anakin e Obi-Wan Kenobi é verdadeiramente magnífica. 
Mas isso não é nada em comparação com num dos maiores êxitos de Darth Vader: emergir de uma nuvem de fumo que surge quando uma porta automática se abre; sintonizando os controlos TIE como se fosse um jogador de snooker a pôr giz nos seus tacos; estragulando os seus subordinados um a um como os vermes insignificantes que são; revelando toda a verdade a Luke daquela maneira instável; voltando-se contra o seu antigo mestre enquanto uma electricidade fora do normal lhe queima até os ossos da cara; e, por último, quando de forma triste está deitado naquela pira medieval enquanto numa nuvem negra envolve o seu corpo. Ele é uma criação perfeita, sem precisar de melhorar. Darth, nós saudamos-te. A tremer, mas saudamos.
 
Frase-chave: “Se ao menos soubesses o poder do lado negro da Força.”
 

Tudo o que um fã de Star Wars precisa de saber

Filmes

'A Guerra das Estrelas' de A a Z

Desde que a Disney tomou conta de A Guerra das Estrelas, os novos filmes têm-se sucedido ao ritmo de um por ano. Han Solo: Uma História de Star Wars é o mais recente e, em preparação da estreia, corremos a mais popular saga de ficção científica (e galáxias circundantes) de A a Z.

Publicidade
Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com