Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Seis documentários sobre alterações climáticas
planet of the humans
DR Planet of the Humans

Seis documentários sobre alterações climáticas

Estes são os documentários sobre alterações climáticas que precisa de ver (e que o vão deixar a pensar).

Por Editores da Time Out Lisboa
Publicidade

Nos últimos anos a consciencialização das pessoas (e sobretudo dos mais novos) para os perigos das alterações climáticas e do aquecimento global aumentou exponencialmente. E os documentários sobre sobre o assunto têm-se multiplicado. Mas o problema vem de trás e figuras como o antigo vice-presidente norte-americano Al Gore que em 2006 protagonizou e escreveu Uma Verdade Inconveniente, um dos documentários mais rentáveis de sempre – andam a falar disto há anos. Estes seis documentários sobre as alterações climáticas dão uma ideia dos desafios que temos pela frente.

Recomendado: As lojas e marcas sustentáveis em Lisboa que tem de conhecer

Seis documentários sobre alterações climáticas

Uma Verdade Inconveniente (2006)

Depois de perder as eleições norte-americanas de 2000 para George W. Bush, o antigo vice-presidente Al Gore dedicou-se a chamar à atenção para o aquecimento global, uma preocupação antiga e um dos temas da sua campanha eleitoral, numa série de conferências e apresentações públicas. Quando o realizador Davis Guggenheim assistiu a uma dessas sessões, decidiu fazer um filme com ele. O resultado foi Uma Verdade Inconveniente, um dos documentários mais vistos de sempre, que colocou o aquecimento global no centro da cultura popular. Em 2007, o filme foi premiado com dois Óscares e Al Gore recebeu o Prémio Nobel da Paz.

A 11ª Hora (2007)

Um ano depois de Uma Verdade Inconveniente ter trazido o aquecimento global para o centro da imaginação e cultura popular, este filme de concebido, produzido, escrito (com as realizadoras Nadia Conners e Leila Conners Petersen) e narrado por Leonardo DiCaprio voltou a carregar na mesma tecla. O documentário estreou-se em Cannes e contou com a contribuição de mais de 50 cientistas, activistas e políticos, incluindo figuras como Mikhail Gorbachev e Stephen Hawking, entre outros.

Publicidade

A Inundação da Terra (2017)

O actor americano Leonardo DiCaprio volta a debruçar-se sobre as alterações climáticas e as suas consequências neste documentário de 2016, realizado por Fisher Stevens e com produção executiva de Martin Scorsese. O filme, que se estreou no Festival de Toronto e pouco depois foi exibido pelo National Geographic, dá a volta ao mundo e tem depoimentos de figuras como o Papa Francisco, Barack Obama, John Kerry, Elon Musk e Alejandro González Iñárritu, entre outros.

Perseguindo Corais (2017)

A maior parte dos documentários sobre o tema centram-se nas maneiras como o aquecimento global afecta (e vai afectar ainda mais) a humanidade. Perseguindo Corais, por outro lado, prefere olhar para o fundo do mar para ilustrar como o aquecimento global afecta os recifes de coral e está a contribuir para o seu desaparecimento. O filme, premiado em Sundance, foi realizado por Jeff Orlowski, que em 2012 já tinha alertado para o desaparecimento dos glaciares do Ártico noutro documentário muito recomendável, Chasing Ice.

Publicidade

Uma Sequela Inconveniente: A Verdade ao Poder (2017)

Passou mais de uma década sobre Uma Verdade Inconveniente e, vai-se a ver, apesar de Al Gore, do Óscar, dos carros eléctricos, de toda a exposição que o estado do planeta mereceu, está tudo praticamente na mesma. Não, está pior. Sobretudo desde a eleição de Donald Trump, argumentam Al Gore e os realizadores Bonni Cohen e Jon Shenk neste documentário de 2017 que, apesar de não ter tido o mesmo impacto do filme original, ainda vale a pena ver.

Planet of the Humans (2019)

Realizado por Jeff Gibs e produzido por Michael Moore, está a ser um dos filmes mais falados de 2020. Em pouco mais de hora e meia, a dupla debruça-se sobre a realidade americana no que diz respeito às energias renováveis e ao movimento ambientalista, abordando também questões da área da tecnologia e dos mercados económicos e capitalismo. A par disso, tece críticas a personalidades como Al Gore. Mas há quem lhe aponte falta de rigor jornalístico, acusando mesmo o realizador de usar dados desactualizados e promover a desinformação. O melhor é ver por si.

Lisboa verde

passeio de bicicleta
©Arlindo Camacho

Ciclovias em Lisboa. Só precisa de pedalada para percorrer a cidade

Coisas para fazer

A quarentena foi dura para todos e a vontade de sair de casa é mais que muita. Mas, pela sua saúde e dos que o rodeiam, não pegue no que aqui vai ver como uma desculpa para organizar uma excursão de ciclismo. Tenha em atenção as regras. Agora que já levou o sermão, deixamos-lhe aqui nove sugestões de percursos cicláveis que lhe vão fazer bem para arejar as ideias. 

Superbotânica
© Manuel Manso

Os melhores sítios para comprar plantas em Lisboa

Compras

Bonsais, cactos, árvores de fruto, arbustos, plantas rasteiras, trepadeiras, folhas grandes e miudinhas, tudo para compor as divisões lá de casa ou até mesmo para dar outra vida ao quintal – se for o caso. Estes sítios reúnem alguns dos mais raros exemplares da natureza aos mais simples e vulgares. É todo um novo harém de clorofila à espera de ganhar casa que vale a pena a visita.

Publicidade
Superbotânica
Manuel Manso

Sete plantas para ter em casa e como cuidar delas

Compras

“Ter plantas é como jogar um jogo de níveis, vai-se aumentando a dificuldade à medida que vai cuidando delas”, quem o diz é Roberta Gontijo, dona da loja Superbotânica juntamente com Márcio Orsi. A arquitecta paisagista ajudou-nos a perceber que espécies se devem ter em casa e como cuidar delas, e aponta o caminho para uma grande tendência de decoração e design: o urban jungle.

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade