Nos lençóis de Fernando Pessoa

Não é um hotel mas é um apartamento que merece um check-in. Dormimos na casa onde Fernando Pessoa viveu, ainda que por pouco tempo.
apartamento fernando pessoa
©Constantino Leite
Por Catarina Moura |
Publicidade

Ao entrar no segundo esquerdo do número 17 da Rua de São Bento até custa a crer que neste casarão viveu Fernando Pessoa. Nem o metro quadrado lisboeta era um luxo no início do século, nem ele há-de ter tido esta casa toda só para si. São dois quartos – um de casal, outro duplo – uma cozinha que preserva os azulejos da chaminé, uma sala de jantar e outra de estar que pode bem servir de salão a uma soirée literária – não menos que isso.

O apartamento onde Pessoa morou

apartamento fernando pessoa
©Constantino Leite

Aqui viveu Fernando Pessoa, lê-se na fachada do prédio.Foram escassos meses, entre 1905 e 1906, mas conta. Tinha 17 anos e estava acabado de chegar de Durban para estudar diplomacia.

Entrar nesta casa gerida pela Stay With Us, que faz a manutenção e trata do aluguer dos seus clientes, é como entrar no airbnb de um estudioso obcecado pelo poeta: na parede da sala há páginas do diário, nas mesas há livros de Fernando Pessoa e dos seus heterónimos (ou sobre eles) marcados com post-its . Adicione-se a isso pormenores que dão um certo ar da época – uma escrivaninha antiga, um aparador a condizer, uma máquina de escrever e uns óculos redondos emoldurados.

Ana ou Bernardo Seabra, os dois irmãos da Stay With Us, fazem o check in (as reservas são feitas pelo airbnb, booking ou homeaway) e tentam apresentar a figura aos hóspedes, embora a maioria destes esteja mais interessado na luz que entra apartamento adentro do que no poeta

apartamento fernando pessoa
©Constantino Leite
Hotéis

Casa onde morou Fernando Pessoa

icon-location-pin Chiado/Cais do Sodré

Esta “casa de Fernando Pessoa” é como a casa de quem lá fica. A missão do hóspede é fazer desta casa a sua, especialmente no que toca à cozinha. Está lá a bíblia de Maria de Lourdes Modesto. Na mesa, apenas umas laranjas que se podem acompanhar com uma garrafa de vinho, que também lá está. Pode pedir um serviço de chef personalizado, para pequeno-almoço ou outras refeições, e, no que toca a alimento para o espírito, pode marcar um passeio personalizado sobre o poeta, por Lisboa, com o especialista António Cardiello, da Universidade de Lisboa (50€ a 100€).

Quanto à cama, óptima. E já agora, por favor não tome este título como um exemplar do jornalismo sensacionalista. Estes lençóis têm as iniciais do poeta bordadas, portanto, em última análise, são dele. 

Faça o check-in

pestana cr7 lisboa
Fotografia: Arlindo Camacho
Hotéis

Pestana CR7 Lisboa: uma noite à Ronaldo

Abrir as pernas à distância dos ombros, talvez um pouco mais. Inspirar fundo e ganhar balanço para bater o livre à entrada da área. Foi só nisto que pensámos quando chegámos à recepção do Pestana CR7.

Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com