O Dia dos Museus para crianças

Oficinas, visitas guiadas e jogos. Reúna a família para celebrar o Dia dos Museus em Lisboa
atelier berardo
Fotografia: Ana Luzia
Por Maria Ramos Silva |
Publicidade

A hiper-conectividade é uma das palavras-chave quando o assunto é celebrar o Dia Internaiconal dos Museus e a Noite dos Museus. E se a sexta-feira e o sábado são os dias oficiais da efeméride, não pense que a festa e o menu de actividades disponíveis se esgota a 18 e 19 de Maio. Boa parte do calendário dos museus prolonga-se até domingo para que as famílias possam desfrutar das datas. Há muito mais a descobrir na rede de museus da cidade, mas aqui ficam alguns destaques para se poder orientar. 

Recomendado:

+ Museus para crianças em Lisboa? São mais que as mães e bem divertidos

+ 19 ideias para celebrar o Dia e a Noite dos Museus em Lisboa

Museus em Lisboa

Museu do Oriente
©Museu do Oriente
Museus

20 museus que tem mesmo de visitar em Lisboa

Edifícios relativamente novos, com linhas que são uma perdição para a fotografia, e clássicos da cidade que patrocinam autênticas viagens no tempo. Destaque-se ainda os inúmeros e regulares workshops e eventos que promovem para adultos e crianças, ou mesmo as cafetarias e brunches que também são pequenas obras de arte. Deixamo-lo com uma visita guiada aos melhores museus em Lisboa, dando razões para redescobrir endereços obrigatórios e ideias para explorar colecções surpreendentes.

white afrodisiac telephone dali
©Jose Manuel Costa Alves/Berardo
Museus

Museus em Lisboa: as obras de arte que tem mesmo de ver

Conhece as propriedas do pó de múmia? E o nome da imagem do arcanjo que seguiu nas naus portuguesas em jeito de protecção? Não imagina as histórias que guardam os museus em Lisboa, com peças para todos os gostos. É obrigatório conhecer estas obras de arte.  + Museus em Lisboa: 20 que tem mesmo de visitar

Publicidade
Museu Nacional de Arte Antiga
© Lydia Evans / Time Out
Arte, Arte renascentista

Seis obras essenciais no Museu Nacional de Arte Antiga

Foi graças a si, e à sua provável contribuição, que conseguimos pôr "O Sequeira no lugar certo". A inédita campanha de angariação de fundos foi bem sucedida e é por isso que actualizamos esta lista de obras essenciais para ver no Museu Nacional de Arte Antiga (MNAA), adicionando-lhe a belíssima "A Adoração dos Magos". Não tem a dimensão de um Louvre ou de um Museu do Prado, mas como estes, a histórica morada da Rua das Janelas Verdes não se vê num dia. É um bom sítio para flanar sem rumo nem propósito e aproveitar as vistas, uma e outra vez, até porque ele não sai de Lisboa. É visitá-lo várias vezes – os primeiros domingos do mês são de entrada livre – e ir vendo. Não se esqueça de dar uma espreitadela nestas seis obras, cheias de histórias para contar. 

Coisas para fazer

Paragens obrigatórias no Bairro dos Museus em Cascais

Cascais criou um verdadeiro microclima cultural com a implementação daquilo a que chamou Bairro dos Museus. O conceito é simples e só requer que dê umas voltinhas pelo perímetro que concentra um conjunto de equipamentos dedicados à cultura na vila. Concebido pela Câmara Municipal de Cascais e pela Fundação D. Luís I, o Bairro dos Museus em Cascais distingue-se pela forte componente de inovação e coerência cultural. Para entrar nos edifícios pode optar (vá por nós, que compensa) por comprar o bilhete único. Custa 8€ e dá acesso a todos os equipamentos do Bairro dos Museus. Preparado para a maratona? O Centro Cultural de Cascais, a Casa Sommer, o Museu Conde Castro Guimarães, a Casa das Histórias de Paula Rego e a Casa de Santa Maria são os pontos de paragem obrigatória neste roteiro cultural. Prometida para breve, está a abertura do Museu de Arte Urbana, a próxima grande atracção da zona. 

Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com