Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Cata Vassalo: quem casa quer toucado
Notícias / Compras e estilo de vida

Cata Vassalo: quem casa quer toucado

Cata Vassalo
Fotografia: Francisco Santos

Catarina Vassalo anima a cabeça das noivas com acessórios onde não faltam pétalas e pedras coloridas. Fomos conhecer o showroom e ficámos com vontade de renovar os votos.

29 de Abril de 2011. Em Londres, o príncipe William casa com Kate Middleton. Em Valência, Catarina Vassalo vende o seu primeiro toucado. Quase sete anos depois, com passagem por Espanha e Inglaterra, a marca Cata Vassalo ganha um showroom em Cascais, um paraíso de acessórios para noivas e convidadas que funciona apenas por marcação.

 

O showroom de Catarina Vassalo em Cascais.
Fotografia: Francisco Santos

 

 

À entrada, sob um lustre clássico, estão ganchos, coroas, bandoletes, pregadeiras, chapéus e canotiers de todas as cores, com flores desidratadas, folhas, veludos, pedras, missangas e metais. As paredes estão forradas com molduras com fotografias da campanha da nova colecção, que se chama Vintage is the New Black e que juntou os toucados de Catarina a vestidos de noivas com mais de 30 anos. “Não tive de me associar a nenhuma marca. Comecei com o vestido da minha sogra e da irmã dela e depois pedi ajuda num grupo de Facebook para arranjar todos os outros. Também transformo peças antigas. É aliás o que mais gosto de fazer: transformar. Daí nasceu a ideia do vintage para esta colecção”, descreve a criadora, formada em restauro.

 

Catarina Vassalo na zona de criação dos toucados.
Fotografia: Francisco Santos

 

 

É na cave, com um ambiente menos romântico, que tudo acontece. Catarina não desenha as peças. Nem sequer na sua cabeça. “Vou comprando todos os materiais ao longo do ano e um dia decido criar. Espalho tudo numa mesa e começo a compor cada peça, a separar as coisas em caixinhas. Há toucados que faço e que sei que nunca vou vender. Outros percebo logo que vão ser um sucesso”, explica entre caixas de botões, frascos de missangas e rolos de fitas.

Todas as peças, com valores que vão dos 60 aos 300 euros, são únicas. A maior parte das noivas já chega com uma ideia do que quer, mas mesmo quando lhe pedem para replicar, não o faz. “É impossível. Há sempre qualquer coisa que muda.” Atenção que deve fazer o pedido com dois meses de antecedência.

Fotografia: Francisco Santos

 

As noivas portuguesas estão cada vez mais ousadas e já consideram o toucado tão importante quanto os sapatos, os brincos ou o vestido. “Está na moda, já faz parte da lista de coisas obrigatórias. Há um ano não era assim.” Mas há muito mais para descobrir no novo showroom: este ano Catarina personalizou clutchs para as convidadas, desenhou brincos e desenvolveu uma colecção para as meninas das alianças.

Rua Cesaltina Fialho Gouveia, 713, Alcabideche. 93 487 6807. info@catavassalo.com

+ As melhores lojas de vestidos de casamentos

+ Oito marcas portuguesas para noivas

Publicidade
Publicidade