A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Chef, João Rodrigues, Matéria, Feitoria
©Manuel MansoChef João Rodrigues

Feitoria, Prado e O Velho Eurico são os vencedores dos prémios Mesa Marcada

João Rodrigues e o seu Feitoria figuram em primeiro lugar na lista de chefs e restaurantes mais votados. O Velho Eurico recebeu o prémio "Mesa diária".

Por
Sebastião Almeida
Publicidade

Este ano, a cerimónia de entrega dos prémios Mesa Marcada foi transmitida online, a partir do Brasil, onde se encontra Miguel Pires, um dos fundadores, juntamente com Duarte Galvão, do blogue dedicado à gastronomia. João Rodrigues e o seu Feitoria venceram pela quinta vez consecutiva a categoria de chef e restaurante mais votados. Mas no segundo lugar de ambas as listas há uma novidade: o Prado, de António Galapito. A finalizar o pódio da lista de chefs e de restaurantes mais votados no site figura o Ocean, do austríaco Hans Neur.

Digno de nota é também a subida de dez lugares,para a quarta posição, do Essencial de André Lança Cordeiro (o chef ocupa a quinta posição na lista dos melhores chefs). O prémio "Mesa Diária", que distingue um restaurante com qualidade e preços acessíveis, foi entregue ao restaurante O Velho Eurico, na Mouraria. Em virtude do ano extraordinário que foi 2020, o Mesa Marcada criou um novo prémio de take-away, entregue a André Lança Cordeiro (Essencial).

O prémio especial de carreira foi atribuído a Vítor Sobral, enquanto que o de produtor/fornecedor foi endereçado a Adolfo Henriques, produtor do conhecido queijo chevre da Granja dos Moinhos. Em matéria de sustentabilidade, o galardão foi entregue ao restaurante Herdade do Esporão. A completar o top cinco de restaurantes está o Euskalduna, de Vasco Coelho Santos (quarto lugar na lista de chefs). Outra novidade foi a entrada para o nono lugar do Arkhe, restaurante vegetariano de João Ricardo Alves.

Consulte a lista completa de vencedores:

Prémios Mesa Marcada

Feitoria – Lisboa
Prado – Lisboa
Ocean – Porches (Armação de Pêra)
Essencial – Lisboa
Euskalduna – Porto
Belcanto – Lisboa
Fifty Seconds – Lisboa
Loco – Lisboa
Arkhe – Lisboa
The Yeatman – Vila Nova de Gaia

Top 10 Chefes 2020

João Rodrigues – Feitoria/Altis Belém
António Galapito – Prado
Hans Neuner – Ocean
Vasco Coelho Santos – Euskalduna
André Lança Cordeiro – Essencial
José Avillez – Belcanto
Alexandre Silva – Loco
Filipe Carvalho – Fifty Seconds
Henrique Sá Pessoa – Alma
Vincent Farges – Epur

Prémios Especiais 2020

Prémio César Castro Mesa Diária: O Velho Eurico
Prémio Bom Sucesso Take-Away: Essencial
Prémio Maria José Macedo – Produtor/Fornecedor do Ano: Adolfo Henriques/Granja dos Moinhos
Prémio Especial Carreira Cutipol: Vítor Sobral
Prémio Especial Sustentabilidade Studioneves: Restaurante Herdade do Esporão
Prémio Especial Estrela Damm Destaque do Ano: Arkhe
Prémio Especial Graham’s Restaurante Novo do Ano: Cura
Prémio Especial Makro Chefe Revelação do Ano: Marlene Vieira (Zunzum Gastrobar)
Prémio Especial Chefe de Pastelaria do Ano: Américo Santos (Belcanto)
Prémio Especial S. Pellegrino/Aqua Panna Escanção do Ano: Marc Pinto (Fifty Seconds)
Prémio Especial Quinta dos Carvalhais Serviço de Sala do Ano: Ocean

+ A nova geração de chefs lisboetas

+ A luta pela sobrevivência dos restaurantes

Últimas notícias

    Publicidade