A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

Festival da Máscara Ibérica regressa a Belém este mês

Por
Francisca Dias Real
Publicidade

O FIMI (Festival Internacional da Máscara Ibérica) mudou de morada o ano passado. Deixou para trás a Praça do Rossio, para juntar toda a gente no Jardim da Praça do Império, junto ao Mosteiro dos Jerónimos e ao Centro Cultural de Belém (CCB). O festival decorre de 17 a 20 de Maio.

Prepare-se para quatro dias de muita farra e animação, como o conceito deste festival exige. Todos os dias do FIMI pode contar com dança, artesanato, literatura, workshops, debates ou degustações gastronómicas. O ponto alto é, como sempre, o desfile da Máscara Ibérica, com 30 grupos de máscaras e centenas de participantes. O corso acontece no dia 19, às 16.30, e conta com o Boi Tinga, do Brasil, e os The Mummers, da Irlanda, que se juntam aos grupos estreantes Gigantones e Cabeçudos, de Viana do Castelo, Mazcaritos d’Uviéu (Astúrias), Entroido de Samede (Galiza), Merdeiros de Vigo (Vigo) e El Carnaval del Toro Morales de Valverde (Zamora).

No Palco Ibérico é onde a música tradicional acontece. Dos ritmos folk de raiz tradicional europeia às combinações com outros elementos de fusão, desta vez com as actuações, no dia 18, dos Bregia (Irlanda) e Oscar Ibáñez & Tribo (Espanha). Durante o fim-de-semana é a vez dos concertos dos grupos Toques do Caramulo (Portugal), no dia 19, e Realejo (Portugal), que encerram o cartaz na tarde de dia 20.

Em paralelo com o festival, nos jardins da Praça do Império realizam-se pela primeira vez ciclos de debates no Museu Nacional de Arqueologia e um de cinema na Casa da América Latina.

Pode consultar todo o programa aqui.

Praça do Império. 18 a 20 de Maio. 

+ O Festival da Tailândia aterra este fim-de-semana em Belém

+ O melhor de Belém

Últimas notícias

    Publicidade