Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Guitarra de Phil Mendrix inspira memorial de homenagem no Alto de Santo Amaro
Notícias / Vida urbana

Guitarra de Phil Mendrix inspira memorial de homenagem no Alto de Santo Amaro

Phil Mendrix
©Rui M Leal

A Junta de Freguesia de Alcântara e a Mendrix Associação inauguram este domingo um memorial de homenagem ao guitarrista português Phil Mendrix, que morreu em Agosto do ano passado.

É no Jardim do Alto de Santo Amaro que vai passar a viver o monumento de homenagem a Filipe Alberto de Oliveira Mendes, guitarrista solista e fundador do grupo de rock psicadélico Chinchilas (1964-1971), tendo passado por outras bandas como os Roxigénio ou o Grupo 5 e feito colaborações com os Irmãos Catita, de Manuel João Vieira.

Os Irmãos Catita vão estar, aliás, na inauguração do memorial a partir das 15.30, onde actuarão juntamente com Katia Guerreiro, A. Bagorro, Gimba, Fast Eddie Nelson, AlCante Coral Alentejano, Mokuna Lagarto e João Madeira. Segundo a organização, cada músico ou banda toca apenas um tema.

A data escolhida para a inauguração assinala o nascimento do músico. O memorial, composto por um bloco de betão forrado a azulejos, terá a forma de uma réplica de guitarra muito especia: uma “Gibson Les Paul Deluxe Gold Top”, importada em 1968 e a primeira desse modelo a entrar em Portugal.

Edificado pela Mendrix Associação, criada em Setembro, o memorial terá ainda dois painéis de azulejos executados pela Fábrica Sant’Anna, com preenchimento oferecido pela Viúva Lamego: um com a cara do músico estilizada e o outro com a assinatura de Mendrix.

+ Monumentos de Lisboa: estátuas de A a bronze

+ Onde param as esculturas gigantes de Harry Potter em Lisboa? É preciso descobri-las

Publicidade
Publicidade