A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
O Pátio das Antigas, Lisboa Antiga, Por-fí-ri-os Contraste
©DRPor-fí-ri-os Contraste

O Pátio das Antigas: A pioneira loja por-fí-ri-os

Coisas e loisas da Lisboa de outras eras

Por Eurico de Barros
Publicidade

Inaugurada no final de 1965, a por-fí-ri-os Contraste fez sensação e revolucionou a moda jovem em Lisboa. Encerrou em 2001, tal como a loja original do Porto.

Foi em Dezembro de 1965 que abriu em Lisboa, na Rua da Vitória, na Baixa, a loja por-fí-ri-os Contraste, da firma Porfírio de Araújo & Filhos, gerida pelos dois irmãos deste, António e Luís Porfírio, e especializada em roupa para jovens, adaptada ou copiada dos modelos ingleses que o seu dinâmico fundador trazia das viagens às grandes capitais europeias, em especial de Londres, onde estava em curso uma revolução na moda, simbolizada por Carnaby Street. (A por-fí-ri-os foi fundada no Porto, nos anos 50, e vendia meias originalmente, com porta aberta na Rua de Santa Catarina.)

Pelo seu aspecto inovador e moderno (luzes de discoteca, música pop ambiente, empregadas de minissaia) e pelas roupas, acessórios e adereços na berra, a ampla loja da por-fí-ri-os Contraste tornou-se numa referência para os jovens que queriam estar vestidos de acordo com aqueles tempos de rápida mudança na moda, nos costumes, na música e na forma de estar. Começaram a ver-se por todo o lado os sacos de plástico da loja, bem como autocolantes com o seu logótipo, simples e logo reconhecível. Era habitual, sobretudo ao sábado, a por-fí-ri-os Contraste ter filas à porta. A loja organizava muito concorridas passagens de modelos, e em 1967 promoveu, no Cine-Teatro Monumental, o concurso Miss Mini-Saia. As duas lojas fecharam em 2001. No lugar da de Lisboa está hoje uma pastelaria.

Lisboa de outras eras:

+ O Pátio das Antigas: Uma avenida a estrear

+ O Pátio das Antigas: vai graxa?

+ O Pátio das Antigas: Self-service de modernidade

+ O Pátio das Antigas: da batota à diplomacia

Últimas notícias

    Publicidade