A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar

Okah: um restaurante de inspiração asiática no topo do LACS

Por
Ines Garcia
Publicidade

A zona ribeirinha da cidade está novamente a crescer. Subimos ao topo do LACS Communitivity of Creators e descobrimos um novo restaurante e um bar com pista de dança no meio dos contentores. A inauguração é esta quinta-feira, dia 26.

Subir até ao último piso deste novo pólo criativo da cidade garante uma surpresa: a vista 360 sobre a cidade, quase como se estivéssemos suspensos em cima do Cais da Rocha Conde de Óbidos, por cima dos contentores que entretanto se tornaram parte da paisagem. Isto valeu uma epifania a Sidnei Gonzalez, sócio do restaurante do Príncipe Real Zazah, que foi convidado por Ricardo Acto para explorar a parte das comidas e bebidas deste terraço. A primeira ideia foi replicar esse espaço, mas a vista merecia mais e duplicaram conceitos: de um lado está um restaurante asiático, o Okah, do outro um bar e lounge com petiscos, o Zazah Good View.

Arlindo Camacho

Do lado direito de quem entra está o Okah. “É um restaurante inspirado na Ásia, não se pode dizer que é um asiático tradicional”, começa por explicar o chef Moisés Franco, que deu a conhecer a sua cozinha no restaurante do Príncipe Real, e reforça que este espaço nada tem a ver com o outro Zazah. “Lá há obras de arte, é uma galeria. Aqui a obra de arte é a vista, é outra história.” A decoração, muito crua e enquadrada com a envolvente, dá destaque à vista sobre o Tejo: há 15 contentores laranja, cada um com mesas, cada um a lembrar uma oca, as habitações indígenas brasileiras que deram nome ao restaurante – o H vem por padrão de marca.

A carta veio aos poucos, já com a ideia fixa de que seria um espaço para mostrar vários pratos asiáticos, “mas não apenas da Tailândia ou do Médio Oriente”, e nem sequer há a pretensão de ter especificamente um prato de cada país da Ásia, há antes um “apanhado geral” fruto de um estudo das gastronomias de cada zona. Há, por exemplo, uma massa soba com quiabo, molho de garam masala e raíz de flor de lótus (10,50€), que junta Coreia do Sul e China no prato, ou o ceviche filipino kinilaw, com robalo marinado, que leva uma pimenta nepalesa a finalizar (13,50€).

Ceviche filipino kinilaw
Arlindo Camacho

Ao longo de toda a carta essas “inspirações asiáticas” são facilmente identificáveis. Nas entradas há umas amêijoas garam masala, feitas à Bulhão Pato mas com a mistura de especiarias indianas acrescentada no fim (12,50€), uma espetada satay com cortes do bife da vazia em molho de amendoim (8,50€) ou as pequenas panquecas russas blini com creme de queijo artesanal e ovas de salmão selvagem (7,50€).

Amêijoas garam masala
Arlindo Camacho

Nos pratos principais continua a viagem, com um borrego neozelandês com puré de batata e molho de hortelã (18,50€), um pica-pau asiático com lombo de novilho mal passado e cubinhos de ananás (21,50€) ou o prato que “mais reacções de amor-ódio vai suscitar”, antevê o chef, um peito de galinha salteado e caramelizado com canela, cominhos, pimenta preta, cebola e leite de coco (15,50€). Nos peixes há uma dourada grelhada com molho de tamarindo (16,50€) e de marisco uns senhores camarões tigres escalados com um molho especial aromático (19,50€ a unidade). Para tudo isto há guarnições extra, do simples basmati à salada cambojana com pimentos vermelhos, gambas brancas, cebola roxa, couve pak choi e tomate (12,50€).

Camarão tigre escalado
Arlindo Camacho

Quando chegou a altura de começar a pensar doces, certo seria que iria haver uns pequenos cones semelhantes ao do Zazah, esses recheados com brigadeiro. Aqui têm recheio de creme de coco queimado doce. Mas há mais opções, como o ananás grelhado e caramelizado com canela e gelado de yuzu, o cítrico japonês (7,50€), uma banana flambada com saké sobre uma base de tapioca infusionada com hibisco (7,50€) ou um pudim de leite cambojana com erva príncipe (6,50€).

Edifício LACS - Cais da Rocha Conde de Óbidos. Dom-Sáb 12.00-15.00/19.00-00.00.

Grupo Zazah vai ter um rooftop e um restaurante asiático em Alcântara

+ Três novos pratos para provar no Zazah este Verão

Últimas notícias

    Publicidade