A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Phloemii
© Francisco Romão Pereira

Phloemii: no princípio, eram as plantas

E tudo o resto veio por arrasto: a cerâmica, a ilustração e os livros. Mais do que vender, a nova loja de Campo de Ourique promove um estilo de vida em torno das plantas.

Mauro Gonçalves
Escrito por
Mauro Gonçalves
Publicidade

Esta é uma loja de e sobre plantas. Marta Contreras, a pessoa atrás do balcão, pensou em cada detalhe – a começar pela localização. Nunca quis abrir a Phloemii numa "zona muito turística", começa por afirmar. Encontrou a morada ideal aqui, em Campo de Ourique, onde reaproveitou parte dos expositores de uma antiga loja de roupa e deu tudo no do it yourself.

Phloemii
© Francisco Romão Pereira

O resultado está à vista – as plantas são o cartão de visita (e também a nota de saída), mas pelo meio há muita coisa que não precisa de terra e vaso e lhes diz respeito. "Uma das grandes dificuldades que tive foi reunir este portefólio com um bocado de tudo, mantendo alguma coesão", explica Marta.

Sem ambições paisagistas, a selecção de espécimes botânicos centra-se no interior da casa. "Sempre adorei plantas, mas nunca passou disso. Quando ia a casa da minha avó, dava-lhe um beijinho e ia logo ver o que tinha rebentado e o que tinha morrido." A pandemia fê-la pôr a carreira em perspectiva. Deixou a gestão de produto em grandes multinacionais, tirou um curso de Garden Design e foi trabalhar para a loja do Horto do Campo Grande. No fim de 2022, abriu o seu próprio espaço.

Phloemii
© Francisco Romão Pereira

"Não havia lojas que falassem para um público mais urbano, mais jovem, também mais ligado ao design. O ponto de partida foram as plantas, mas também esta ideia de que é possível inspirar as pessoas sem ter uma floresta em casa, como eu tenho." A ilustração é a primeira a dar nas vistas. Depois de contactar galerias e autores, o rol de ilustradores começa finalmente a crescer – Joana Molho é um sucesso de vendas, Paulina Silva Chala e Eva Halfers destacam-se mesmo ao lado. Todas elas têm um elemento em comum: a botânica é um ingrediente fixo em tudo o que desenham.

Com plantas e ilustração no topo das preferências da clientela de Campo de Ourique, a cerâmica vem logo a seguir. A Phloemii já tem uma linha própria de olaria com peças produzidas na localidade alentejana de São Pedro do Corval. Mas há mais – O Cactuu e Otchipotchi completam a montra.

Phloemii
© Francisco Romão Pereira

A loja é pequena, mas consegue juntar também macramé e outros acessórios e ainda pequenos ramos de flores secas prontos a levar, especialmente convenientes para quem passa por aqui a caminho de um jantar. Também os livros brilham numa das paredes e vão da jardinagem contemporânea à exuberância natural das dálias.

Marta é a pessoa atrás do balcão, praticamente todos os dias. É de lá que faz planos para o futuro da Phloemii – serviços de design para quem quiser inserir umas quantas plantas na decoração lá de casa e, quem sabe, uma cafetaria dentro da loja.

Rua Correia Teles, 19C (Campo de Ourique). Ter-Sáb 10.30-19.30

+ Movida a ouro e sangue novo, a Bergue chegou ao Chiado

+ Maria Guedes anuncia quatro mercados para 2023

Últimas notícias

    Publicidade