A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Prémio Nacional de Reabilitação Urbana
©DRCastilho 203, Prémio Nacional de Reabilitação Urbana

Prémio Nacional de Reabilitação Urbana distingue quatro projectos em Lisboa

A 9.ª edição do Prémio Nacional de Reabilitação Urbana premiou dez projectos de cinco cidades portuguesas.

Por
Renata Lima Lobo
Publicidade

O Prémio Nacional de Reabilitação Urbana (PNRU), que todos os anos distingue os melhores projectos de reabilitação e requalificação do país, destacou este ano dez obras, incluindo quatro em Lisboa. Estiveram a concurso 87 projectos vindos de 23 concelhos portugueses, mas apenas os candidatos de Lisboa, Porto, Braga, Guimarães e São Pedro do Sul convenceram o júri.

Prémio Nacional de Reabilitação Urbana
©DR266 Liberdade, Prémio Nacional de Reabilitação Urbana

Em Lisboa, o destaque vai para o 266 Liberdade, o projecto que transformou o edifício do Diário de Notícias, classificado como Imóvel de Interesse Público, num condomínio de luxo. Assinado pela Contacto Atlântico Arquitectos, preservou elementos originais, como os frescos de Almada Negreiros do piso térreo ou o famoso letreiro no topo do edifício, vencendo nas categorias Residencial e Cidade de Lisboa.

Na Avenida da Liberdade há outro edifício premiado, o Liberdade 12, do arquitecto Aires Mateus, que foi distinguido com o prémio Sustentabilidade. O projecto consistiu na reabilitação de dois edifícios dos finais do século XIX, inícios do século XX, mantendo a sua função original de habitação e um desenho próximo do original, fiel ao espírito da época.

Prémio Nacional de Reabilitação Urbana
©DRLiberdade 12, Prémio Nacional de Reabilitação Urbana

O prémio Reabilitação Estrutural foi atribuído ao projecto Castilho 203, desenhado pelo arquitecto José Mateus, do ARX Arquitectos. Cristiano Ronaldo pagou 7,2 milhões de euros pela penthouse deste antigo edifício de escritórios, o apartamento mais caro do país. E sim, foi aqui que ergueu a famosa marquise, indignando meio mundo, incluindo o arquitecto agora premiado.

Prémio Nacional de Reabilitação Urbana
©DRCastilho 203, Prémio Nacional de Reabilitação Urbana

Por último, mas não menos importante, o prémio na categoria Intervenção de Restauro foi para o projecto Casa dos 24 - Igreja de São José dos Carpinteiros, do atelier Rebelo de Andrade. Promovida pela Irmandade de Ofícios da Antiga Casa dos Vinte e Quatro, a reabilitação devolveu à cidade o espaço da antecessora da Assembleia Municipal à cidade, a chamada Casa dos 24, que agora pode ser visitada.

Prémio Nacional de Reabilitação Urbana
©DRIgreja de São José dos Carpinteiros, Prémio Nacional de Reabilitação Urbana

Numa edição que registou um número recorde de candidaturas, foram ainda premiados projectos nas categorias Cidade do Porto, Impacto Social, Turismo, Comercial e Serviços e Intervenção inferior a 1000. Pode conhecê-los no site oficial do PNRU

+ Orçamento Participativo: da Reviravolta às árvores na Morais Soares

+ Leia grátis a Time Out Portugal desta semana: Tudo o que vem à rede é marisco

Últimas notícias

    Publicidade