FeelViana Hotel: havemos de ir a Viana

Em Viana do Castelo há um hotel que tanto nos desperta a vontade de nos pôr a mexer como de não fazer nada. Estivemos por lá e não nos aventurámos no mar, mas não resistimos ao spa.
feel viana hotel
©DR
Por Cláudia Lima Carvalho |
Publicidade

O mar fica de um lado, o rio do outro e a montanha é a paisagem de fundo. No novo hotel de Viana do Castelo, há tanto de aventura e desporto, como de tranquilidade e paz. Parece antagónico, mas é mesmo verdade. No FeelViana Hotel, apetece tanto pegar numa bicicleta, ou numa prancha, como ficar na sala, ou no quarto, a ler uma revista. É o melhor dos dois mundos.

FeelViana Hotel

feel viana hotel
©DR

As praias do Norte têm fama de serem frias e estarem sempre na mira do vento, mas há quem veja nisso uma mais-valia. Para qualquer praticante de kitesurf ou windsurf, a Praia do Cabedelo não é desconhecida. “É uma das melhores”, diz-nos José Sampaio, o CEO do hotel. E sabe do que fala: sempre passou férias na zona para poder exactamente aproveitar o que a praia lhe oferece. Natural de Guimarães, José Sampaio percebeu o potencial da zona e daquele espaço em específico, um pinhal com acesso à praia, mas também perto do rio, da montanha e do centro de Viana do Castelo. “Há melhor?”

Na zona não havia, de facto, nada do género e no país, com estas condições, provavelmente também não. Não é de estranhar por isso que desde que abriu portas em Maio, este hotel tenha tido sempre uma taxa de ocupação acima da média na região.

Para José este é o primeiro “sport hotel” do país e percebemos isso mal chegamos. As muitas bicicletas e pranchas expostas no Sports Center, no piso térreo do hotel, saltam à vista.

Há material para todos os gostos: bicicletas de montanha, de cidade e de praia, atrelados para os miúdos, gps e até câmaras para registar o passeio. Há kites, pranchas, velas e tudo o que possa imaginar, como por exemplo uma prancha de stand up paddle para dez pessoas. Enfim, é só escolher, sem medo, até porque se nunca fez nada disto, esta pode bem ser a oportunidade de experimentar. O hotel não só aluga todo o material, “das melhores marcas do mercado”, como disponibiliza aulas.

feel viana hotel
©DR

Publicidade
feel viana hotel
©DR

Se por acaso o seu tipo de desporto é outro, fique a saber que o hotel também tem aulas de pilates e yoga, além de um pequeno ginásio com personal trainers disponíveis.

Mas se nem para estes desportos está virado e o que pretende é não fazer rigorosamente nada, também está no sítio certo. Todo em madeira, o hotel é bastante acolhedor. É daqueles onde apetece simplesmente estar. A sala, logo à entrada, convida a ficar – é tão aconchegante que damos por nós a esticarnos num dos sofás como se em casa estivéssemos. E depois há ainda pequenos cantinhos mais reservados com sofás e até um baloiço, com apontamentos artísticos, uma pintura ou uma escultura, aqui e ali. Sempre com grandes janelas para o mar, que se avista entre o pinhal. A mesma vista que temos no bar e no restaurante, onde também é servido o pequenoalmoço. Sem correrias ou pretensiosismos.

feel viana hotel
©DR
Viagens

Um spa de suspirar

E ainda nem lhe falámos do spa, com uma piscina interior aquecida e diferentes tipos de tratamento, no qual destacamos as massagens de 90 minutos. Fizemos uma massagem tranquilizante que ainda hoje faz efeito e regressamos com Amália Rodrigues na cabeça: “Se meu sangue não me engana/ como engana a fantasia/ havemos de ir a Viana/ó meu amor de algum dia”.

Publicidade

Como chegar 
A1 até ao Porto e depois seguir pela A28/IC1 em direcção a Viana do Castelo.

Preços
Quartos a partir dos 115€

GPS

Camera

Para comer

Se quiser ficar por aqui, o que compreendemos, não ficará mal servido. No bar tem petiscos para partilhar de fazer lamber os dedos como é o caso da tempura de polvo, e no restaurante não faltam opções de prato cheio, tanto de carne como de peixe. Provámos um lombo com molho de cogumelos delicioso. Já José Sampaio recomenda o arroz de bacalhau com filetes de pescada. Fora daqui, recomendamos a Tasquinha da Linda (R. dos Mariantes A8. Seg-Sab 12.15-15.00, 19.15- 22.30), um antigo armazém de pesca em pleno porto de mar de Viana do Castelo. Claro está que há sempre marisco e peixe fresco. Para pratos típicos da região, como um bom cabrito ou uns rojões à moda do Minho, pare no restaurante O Vasco (Rua Grande 21. SegDom 11.00-23.30). Guarde espaço para a sobremesa e não deixe de provar as “bolas do Natário”, afinal estas bolas de Berlim da Confeitaria Natario (Rua Manuel Espregueira 37. Qua-Sab 09.00-21.00. Dom 09.00- 13.00. Seg 09.00-21.00) são famosas por alguma razão.

Camera

Para fazer

Suba a Santa Luzia e deslumbre-se com a vista. A viagem de funicular (3€ ida e volta) leva cerca de seis a sete minutos, a mais longa de todos os funiculares do país. Descendo à cidade, conheça o Museu do Traje e descubra toda a história dos trajes populares (de domingar, de festa, de trabalho, de dó e de noiva) que tão bem identificamos no Alto Minho.

Planos de Fuga

puralã hotel
©Luis Dias
Viagens, Escapadas

Puralã Wool Valley & Spa: ninho de lã

“Covilhã, cidade neve, fiandeira, alegre e contente.” As palavras saíram, em tempos, da boca de Amália Rodrigues num fado que imortalizou a Covilhã com base nos seus artifícios mais puros. Hoje, ainda que noutros modos, passa-se o mesmo com o Puralã Wool Valley & Spa, o hotel que não quer deixar morrer o passado da cidade dos lanifícios e que quer ser mais do que uma porta de entrada para a Serra da Estrela.

Publicidade
Viagens

Aqua Village Health Resort & SPA: luxo em família

A diferença está nos detalhes e depressa percebemos porque é que o Aqua Village Health Resort & SPA, a poucos quilómetros de Oliveira do Hospital, foi considerado este ano o melhor hotel de luxo para famílias pelos Luxury Travel Awards, entregues pelo guia de luxo britânico Luxury Travel Guide.

Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com