Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Os melhores sítios para comer cabrito no Porto e arredores

Os melhores sítios para comer cabrito no Porto e arredores

Se há prato que condiz com a Páscoa, é este. Conheça os melhores sítios para comer cabrito no Porto e arredores

A Cozinha do Manel
© João Saramago Cabrito assado no forno d'A Cozinha do Manel
Por Teresa Castro Viana e Marta Costa |
Publicidade

Há alguns pratos típicos de épocas festivas em Portugal. E o cabrito está para a Páscoa como o bacalhau para o Natal. Nesta lista, onde a comida tradicional é a estrela da companhia, vai encontrar várias sugestões de restaurantes onde cozinham o cabrito como deve ser. Assado em forno a lenha ou até servido num saboroso arroz, se é um apreciador do bicho, vale a pena ler o que se segue.

Mas se não o quiser cozinhar em casa, então conheça os melhores sítios para comer cabrito, no Porto e arredores, com a família. Depois, atire-se aos ovos de chocolate e às amêndoas

Recomendado: Três novos doces para comer na Páscoa

Os melhores sítios para comer cabrito no Porto e arredores

gaveto
© Cláudia Paiva
Restaurantes

Restaurante O Gaveto

icon-location-pin Matosinhos

Domingo é dia de cabrito assado no forno n’O Gaveto. O animal vem de Mogadouro, em Bragança, e fica 12 horas a marinar em vinho branco, cebola, cenoura, salsa, louro, pimenta, azeite e sal. É assado no forno durante uma hora e meia a 180 graus e servido com batata assada, arroz de forno e esparregado.

Preço: 24,50€/dose

Casa Aleixo
© Marco Duarte
Restaurantes, Português

Casa Aleixo

icon-location-pin Campanhã

Nem só de filetes de polvo se faz a fama da Casa Aleixo. O cabrito assado no forno tem o merecido destaque todas as sextas-feiras à noite e aos sábados durante todo o dia. Vem de Barroso, região formada pelos concelhos de Montalegre e Boticas, e vem para a mesa com batata assada, grelos salteados e um arroz de açafrão feito com os miúdos do bicho.

Preço: 16€/pessoa

Publicidade
Cozinha do Manel
© João Saramago
Restaurantes, Português

A Cozinha do Manel

icon-location-pin Bonfim

Quando o assunto é cabrito, A Cozinha do Manel é um dos locais de eleição. Criado em Montalegre e cozinhado por encomenda de quarta a sábado, é marinado em azeite, cebola, alho, louro, ervas e whiskey e cozinhado num forno a lenha nas traseiras do restaurante. É acompanhado com batatas assadas, arroz de miúdos e esparregado.

Preço: 150€/inteiro; 75€/metade

A Time Out diz
ÉleBê
© João Saramago
Restaurantes, Cozinha contemporânea

éLeBê Baixa

icon-location-pin Santa Catarina

Pedro Torres, dono do éLeBê, faz parte de uma família com queda para os tachos. Não é, portanto, de estranhar que tenha trazido a receita de família do cabrito assado para o restaurante. Vem do Gerês, é assado no forno e servido com grelos, arroz de miúdos e batata assada.

Preço: 18,90€/meia dose; 35,90€/dose

Publicidade
manuel alves
© João Saramago
Restaurantes, Português

Manuel Alves

icon-location-pin Bonfim

Às sextas, sábados e domingos há cabrito assado no forno no Manuel Alves, um restaurante tradicional entre as Antas e Campanhã. Vem de Mogadouro, em Trás-os-Montes, e o peso anda sempre à volta dos cinco quilos. É servido com batata assada, arroz de carqueja (uma erva com um sabor amargo), e esparregado.

Preço: 20€/dose

Adega São Nicolau
© Cláudia Paiva
Restaurantes, Português

Adega São Nicolau

icon-location-pin Ribeira

Na Adega São Nicolau, um dos melhores restaurantes tradicionais da cidade, o cabrito é servido com batatinha assada e grelos. Mas, se andar com vontade de devorar este prato, saiba que tem que ser encomendado antecipadamente, e com uma quantidade mínima de duas doses.

Preço: 26,50€/dose

A Time Out diz
Publicidade
Casa Nanda
© Cláudia Paiva
Restaurantes, Português

Casa Nanda

icon-location-pin Bonfim

O almoço de domingo pede sempre comida de sustento, de preferência para partilhar à mesa com os mais próximos. E é neste dia que o cabrito assado no forno é servido na Casa Nanda. Acompanhado com couve lombarda, batatinha assada e laranja, é uma óptima alternativa para esta época.

Preço: 26€/dose

Rogério do Redondo
© Marco Duarte
Restaurantes, Português

Rogério do Redondo

icon-location-pin Bonfim

Com décadas de história na cidade, este restaurante, que estava fechado desde 2015, reabriu com a mesma cozinheira e os mesmos pratos caseiros. E isso signfica que aos sábados há cabrito assado no forno, servido com batata assada e grelos.

Preço: 17,50€/meia dose; 33,50€ /dose

Publicidade
O Rápido
© Cláudia Paiva
Restaurantes, Mediterrâneo

O Rápido

icon-location-pin São Bento

Neste restaurante ao lado da estação de São Bento, pode comer cabrito assado no fornos às sextas e sábados ao almoço. Servido com batata assada, grelos, cenoura e arroz de açafrão, é feito com sabedoria e muita prática. Por encomenda, também pode provar noutros dias da semana.

 Preço: 12.50€/dose; 120€/cabrito inteiro

sãogião, braga
©João Saramago
Restaurantes, Português

São Gião

icon-location-pin Grande Porto

Um dos restaurantes mais famosos do Norte, comandado pelo chef Pedro Nunes, tem cabrito assado todos os domingos. Vem de Trás-os-Montes e fica a marinar de noite até ser assado no forno a lenha, no dia seguinte. Acompanha com batata assada, arroz de forno e grelos.

Preço: 22€/pessoa

Outras sugestões

Terminal 4450 - Black Angus
© João Saramago
Restaurantes, Steakhouse

Os melhores restaurantes de carne no Porto

Seja para quem não vive sem um bom naco ou para quem só devora uma posta de vez em quando, na cidade não faltam alternativas para lhe satisfazer o apetite. Aqui estão os melhores restaurantes de carne no Porto.

Confeitaria da Ponte - São Gonçalos
©João Saramago
Restaurantes, Confeitarias

Os melhores doces tradicionais do Porto

Não há quem resista à nossa doçaria, isso é certo. Por isso, passámos uma rasteira à diabetes e qualquer tipo de dieta, e percorremos o distrito em busca dos melhores doces tradicionais do Porto.

Publicidade
Armazém do Queijo
© Marco Duarte
Restaurantes, Petiscos

Os melhores sítios para comer queijo no Porto

É um tema nada consensual, é um facto. E um assunto da máxima seriedade, para quem gosta verdadeiramente de queijo. De Portugal, Espanha, França ou Itália, há vários exemplares para conhecer. Tome nota dos melhores sítios para comer queijo no Porto.

Publicidade