Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Preso em casa? Liberte-se nestas escape rooms virtuais

Preso em casa? Liberte-se nestas escape rooms virtuais

Durante este período de distanciamento social, há cada vez mais escape rooms virtuais e gratuitas. Destacamos dez propostas.

Escape room
Photograph: Shutterstock
Por Raquel Dias da Silva, Sebastião Almeida e Francisca Dias Real |
Publicidade

Os jogos de fuga começaram nos computadores e só depois foram transportados para a vida real, chegando timidamente a Lisboa em 2014. Anos depois, é fácil perder a conta a todas as salas da cidade, cada vez maiores, mais diversificadas e difíceis. Temporariamente fechadas, as empresas especializadas em escape rooms  como as portuguesas Enigmind, Mission to Escape, Puzzle Room e Timeless Lisbon  reinventam-se e lançam missões virtuais. É uma nova forma de entretenimento, num período de distanciamento social, que se quer naturalmente caseiro. E, além de propostas nacionais, há também escape rooms em inglês e espanhol, criadas precisamente para ajudar a descomprimir durante esta quarentena. São mais rudimentares do que os clássicos escape games, com salas verdadeiramente interactivas, mas prometem uma boa dose de diversão.

Recomendado: Leia aqui a Time In desta semana

Uma foto da Time Out Magazine

A Time In Portugal já está disponível

Pode ler a última edição no conforto do seu sofá

Ler a revista

Fuja de casa nestas escape rooms virtuais

1
escape room
Fotografia: Chris Panas/ Unsplash

Can You Escape

A Can You Escape, em Albergaria-a-Velha, continua a levar os jogos de fuga e enigmas a quem está em casa – seja com escape games online, seja em formato jogo de tabuleiro, que pode comprar e encomendar no site. Nesta última modalidade, tem o A Prisão (15€), que pode ser jogado em grupo e onde tem de se libertar da prisão. Este jogo pode ser enviado por correio, mas também tem a versão virtual (8€). A Can You Escape disponibiliza ainda mais quatro jogos online: A Volta ao Mundo, O Charadas, O Baú Perdido e Célula Terrorista (3€). 

2
papel higiénico
Fotografia: Claire Mueller/ Unsplash

Apocalipsis Higiénico

Imagine-se em casa, sozinho, com amigos ou família, num futuro pós-apocalíptico, onde há uma nova ordem planetária e a moeda de troca é o papel higiénico. “Esse elemento de higiene pessoal é apenas uma mercadoria acessível às pessoas mais poderosas da Terra. Um Ferrari agora pode ser trocado por dois pacotes de seis rolos no Wallapop. De dupla camada, é claro”, lê-se no site da empresa espanhola The Paradox Room, que assina este escape room virtual e completamente gratuito, em parceria com a também espanhola Exit Room Escape. Para jogar, basta aceder ao site e estar preparado para se fazer passar por um dos descendentes do príncipe africano Jones Dimka, que deixou aos seus herdeiros uma fortuna incalculável: uma palete de papel higiénico. Como? Resolvendo vários enigmas.

Publicidade
3
escape room
Fotografia: Aron Visuals/ Unsplash

Enigmas

Especialista em jogos de fuga ao ar livre e em enredos baseados em acontecimentos caricatos da história de Lisboa, a Timeless Lisbon está a funcionar temporariamente em formato virtual, através de vários enigmas gratuitos, com um enredo comum, para resolver a partir de casa. A resolução de uns depende da resolução de outros e o objectivo final é encontrar a agente Timeless, presa num paradeiro desconhecido, mas capaz de enviar pistas. Até ao final da primeira parte desta narrativa terá de resolver meia dúzia de enigmas. Para começar, é preciso descodificar uma mensagem encriptada. 

4
Escape Game Magig Kingdom
Escape Game Magig Kingdom

Escape Room Disney - Magic Kingdom

Faltava esta peça do puzzle: um escape game da Disney. Está em inglês, por isso precisa de algum jogo de cintura nos idiomas, mas é um belo jogo para jogar em família, com cada um a atirar hipóteses para o ar. O jogo começa consigo a acordar no Country Bear Jamboree, uma atracção do Walt Disney World Resort, quando se apercebe que está completamente sozinho no parque. A partir daí desenrola-se uma aventura para encontrar toda a gente, com paragens em várias atracções da Disney, desde a Casa Assombrada ao barco dos Piratas das Caraíbas.

Publicidade
5
prisão
Fotografia: Ye Jinghan/ Unsplash

Lockdown

O prisioneiro 1027 escapou e a agente Sofia está no terreno a tentar apanhá-lo. Mas não precisa de estar sozinha. Cada um de nós, em sua casa, pode apoiar esta investigação. O pedido de ajuda é feito pela Enigmind, uma empresa de Vila Nova de Famalicão, que desenvolve “jogos da vida real”, como escape rooms, jantares-mistério e até caças ao tesouro. Neste novo desafio, apropriadamente chamado Lockdown, o objectivo dos participantes é decifrar informações ocultas através da resolução de enigmas, que recebem diariamente, durante 14 dias, via e-mail.

6
prison escape, escape room
Fotografia: Grant Durr/ Unsplash

Prison Escape

A Mission to Escape fechou os seus 1.000 de desafios entre Lisboa e Porto, mas não desistiu de levar mistérios a todas as famílias. Com o lançamento da primeira missão virtual, inspirada na aclamada série Prison Break, a marca portuguesa de jogos de fuga convida todos os cidadãos a guiarem o protagonista na fuga da penitenciária estadual mais rígida dos EUA. Cada desafio tem aproximadamente 20 minutos, existe apenas um caminho e as decisões são todas do jogador. Para jogar, basta aceder ao site e ajudar Scofield a preparar a fuga mais ambiciosa e enigmática de sempre.

Publicidade
7
Harry Potter
Manuel Manso

Hogwarts Digital Escape Room

Já perdeu a conta a quantas vezes leu a saga de livros e filmes do Harry Potter? Se sim, está na hora de testar o seu conhecimento através de uma série de quebra-cabeças. A proposta é da bibliotecária Sydney Krawiec, da Biblioteca Pública de Peters Township, em McMurray, Pensilvânia, que criou uma sala de fuga virtual inspirada no universo mágico do nosso jovem feiticeiro preferido. Tudo começa no primeiro ano da Escola de Magia e Feitiçaria de Hogwarts, depois da cerimónia com o Chapéu Seleccionador. De volta à Sala Comum das respectivas casas, os prefeitos anunciam um exercício em equipa, mas de repente tudo fica escuro, as portas fecham-se e ninguém encontra as suas varinhas. Para escapar é preciso responder a uma série de perguntas de escolha múltipla, ilustradas por imagens. 

8
Puzzle Room virtual
Puzzle Room
Coisas para fazer, Jogos e passatempos

Puzzle Room

Avenida da Liberdade/Príncipe Real

Na hora de se reinventar, a lisboeta Puzzle Room lançou A Vingança, o primeiro Live Video Escape Room, jogado em tempo real no online. Forme uma equipa e, através do Zoom, seja o cérebro do Agente Mocho ao longo de uma hora. É o grupo que dá as instruções do que fazer durante toda a experiência para descobrir as encomendas mistério do agente.  Mas a adição mais recente é mesmo O Assalto Virtual, uma sessão de 60 minutos em vídeo, em que os jogadores têm de dar indicações em tempo real ao funcionário na sala. Antes, a Puzzle Room já tinha lançado o Lágrima Mortífera, em que durante 45 minutos o grupo (até sete jogadores), com a ajuda da agente Raposa e do Game Master, vai ter de descobrir o paradeiro do contentor marítimo desaparecido do porto de Lisboa. As inscrições são feitas no site e os horários dos jogos são de segunda a sexta entre as 14.30 e as 22.00, e sábado e domingo entre as 11.30 e as 22.00 (20€-60€). 

Publicidade
9
E60
E60

E60PLAY

A empresa de escape rooms brasileira Escape 60 não baixou os braços durante a pandemia e criou um escape game digital: o EscapePlay. A experiência não tem limite de tempo, e até pode recorrer a ajuda externa (vale fazer perguntas ao Google), mas lembre-se de que está a competir por um lugar no ranking. Também disponível está o jogo Operação Cyber-Twins, em que dois agentes da CIA e da MI foram sequestrados e clonados antes de serem assassinados, sendo que os clones irão servir organizações terroristas. O objectivo é impedir a produção de mais clones e localizar os que andam pelo mundo. Pode ainda juntar à lista o Cyber-Hack, um dos lançamentos mais recentes da Escape 60. Todos os jogos são gratuitos. 

 

10

Kidnap

Está em casa, na sua vida, quando recebe um telefonema anónimo. Alguém está preso, não sabe onde, e precisa da sua ajuda para escapar. Será o herói desta história ou um espectador na primeira fila de um crime hediondo? É esta a premissa do novo jogo de fuga da Escape2Win, uma escape room de Algés, que criou uma nova experiência de propósito para o mundo virtual. Com recurso à plataforma Zoom é possível jogar com até quatro dispositivos ligados em simultâneo. “O game master, que estará dentro de uma sala, será a vítima de rapto. Os jogadores devem ajudá-lo a escapar da sala, dando-lhe indicações para explorar o espaço e os diferentes objectos”, esclarece ao telefone Sílvia Lobo, da Escape2Win. “Atrás de um computador podem estar duas pessoas ou quatro, mas o pagamento é apenas feito por dispositivo.” Os jogadores têm 1h30 para ajudar o game master a escapar da sala. O preço varia entre os 40€ (um a dois dispositivos) e os 60€ (máximo de quatro dispositivos em simultâneo). 

Desafios Time In

desafio time in: uma app por dia
DR
Coisas para fazer

Desafio Time In: uma app por dia

Todos temos aquele amigo que perante uma dúvida existencial ou um problema do quotidiano responde que “há uma app para isso”. Há sempre uma app que soluciona os problemas de gestão de tempo, de arrumação, de fitness, de meditação, de comédia, de streaming, de jogos, de ciência, de pintura, de comida, enfim. Poderíamos ficar aqui durante algum tempo a discorrer sobre categorias de aplicações que teríamos pano para mangas. Pano esse que vai alimentar este desafio ao longo de 30 dias.

Desafio Time in: uma marca portuguesa por dia
DR
Compras

Desafio Time In: uma marca portuguesa por dia

Apoiar os pequenos negócios é uma missão que todos devemos abraçar por estes tempos difíceis, fazer com que, depois de tudo isto, eles ainda estejam lá para nós quando precisarmos de despachar aquele presente especial ou para nos valorizarmos de vez em quando. Do calçado à cosmética, da roupa à joalharia, compre português e orgulhe-se de levar ao peito o que de melhor se faz por cá. 

Publicidade
Desafio - Filme
DR
Filmes

Desafio Time In: um filme por dia

Aproveite estes dias para fazer coisas que sempre quis fazer. Por exemplo, ver ou rever aqueles filmes fundamentais que há muito lhe despertam a curiosidade ou de que tem saudades, mas que normalmente não tem tempo para ver – ninguém o está a julgar; sabemos que o tempo não chega para tudo, e todas as semanas havia filmes novos a estrearem-se e mais séries para ver na Netflix, na HBO, na Amazon, e mais restaurantes para conhecer e mais uma vida para viver. 

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade