Três ideias para lisboetas que gostam de desenhar

Se tem o bichinho da ilustração, se rabisca compulsivamente ou precisa de dar uso aos lápis de cor – porque um lápis usado ocupa menos espaço que um lápis novo – estas sugestões são para si.
Drink and Draw
Fotografia: Manuel Manso
Por Luís Leal Miranda |
Publicidade

Desenhar não tem de ser uma actividade solitária. Em Lisboa há grupos de desenhadores anónimos, pessoas que compreendem a sua necessidade de rabiscar, essa mania de maltratar as folhas em branco. Junte-se aos que desenham a andar, a beber ou a andar às voltas com o papel.

Recomendado: Galerias de arte em Lisboa: um roteiro alternativo

Três ideias para lisboetas que gostam de desenhar

Camera

Desenhe em andamento

A Lisboa Autêntica organiza Passeios para Desenhar. Voltas por Lisboa com um caderno na mão e um olho atento para os pormenores. O próximo périplo pelas ruas de Alfama é no dia 26 de Maio: a viagem começa no Miradouro das Portas do Sol e termina em Santa Apolónia. Pelo caminho vai ficando a conhecer os recantos de Lisboa e ouvir as dicas dos guias/desenhadores Pedro Cabral e Manuela Rolão, parte do colectivos Urban Sketchers Portugal. Para participar é preciso marcar lugar (info@lisboaautentica.com) e pagar 25€. Não se esqueça de levar o seu material de desenho – mas se se esquecer pode comprar antes da partida.

Camera
Notícias, Vida urbana

Desenhe com a ajuda de uns copos e garrafas

Não, não se trata de uma aula maçadora de desenho à vista. Estamos a falar das sessões do Drink & Draw, uma iniciativa global que junta os rabiscos ao convívio etilizado. Funciona assim: um grupo de pessoas que gosta de desenhar junta-se num local previamente combinado para rabiscar descontraidamente à volta de umas cervejas. A próxima sessão é no dia 15 às 19.00 no Espaço Santa Catarina – os antigos estábulos do Palácio Cabral que por si só valem uma visita. Quem quiser guardar um lugar pode fazê-lo através do site oficial do Drink & Draw. A entrada custa 15€ mas dá direito a bebidas e material de desenho.

Publicidade
Camera
Coisas para fazer, Eventos literários

Desenhe com os garotos

icon-location-pin Lisboa

Este sábado há Roda do Desenho na Leituria, a livraria mais animada da Estefânia. A roda joga-se em equipa (um adulto + uma criança) e numa folha que vai rodando entre os participantes. É uma experiência de desenho livre, um jogo que funciona como uma espécie de Cadáver Esquisito despretensioso. A Leituria empresta material de desenho, mas cada pessoa pode levar o seu – desde que esteja disponível para o partilhar com os outros. A Roda do Desenho anda às voltas das 11.30 às 13.00.

Arte em Lisboa

Tamara Alves
Fotografia: Manuel Manso
Coisas para fazer

Roteiro de arte urbana em Lisboa

Nos últimos anos, Lisboa tornou-se uma das capitais mundiais da arte urbana Vhils, Bordalo II, Aka Corleone, Tamara Alves ou Mário Belém são alguns dos nomes mais sonantes neste roteiro de arte urbana em Lisboa. Embarque connosco num passeio alternativo pela cidade. 

Museu do Oriente
©Museu do Oriente
Museus

Os melhores museus em Lisboa

Edifícios relativamente novos, com linhas que são uma perdição para a fotografia, e clássicos da cidade que patrocinam autênticas viagens no tempo. Destaque-se ainda os inúmeros e regulares workshops e eventos que promovem para adultos e crianças, ou mesmo as cafetarias e brunches que também são pequenas obras de arte. Deixamo-lo com uma visita guiada aos melhores museus em Lisboa, dando razões para redescobrir endereços obrigatórios e ideias para explorar colecções surpreendentes.

Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com