Os melhores passeios em Lisboa por céu e mar

Para conhecer a cidade pintada em tons de azul, embarque num destes passeios em Lisboa por céu e mar.
Lisbon Helicopters
©Andre Garcez Lisbon Helicopters
Por Editores da Time Out Lisboa |
Publicidade

Nas alturas, Atlântico fora, ou apenas a encurtar caminho para alcançar a outra margem. Por céu ou por mar, e sempre tom sobre tom. Azulinho, claro. Este ssão os melhores passeios em Lisboa por céu e mar – com os pés nada assentes na terra. 

Os melhores passeios em Lisboa por céu e mar

Lisbon Helicopters
©Andre Garcez

Helicóptero

O conceito de “vista panorâmica sobre a cidade” nunca mais será o mesmo depois deste passeio a bordo de um Robinson R44. Ao longo de 15 minutos (sabe a pouco), descobrimos uma nova perspectiva da cidade: os telhados da Fundação Champalimaud e do MAAT, o topo da Torre de Belém, os cabos mais altos da Ponte 25 de Abril, a expressão facial do Cristo Rei, a praias da Costa da Caparica e Farol do Bugio vistos de cima…

A Cláudia, da Lisbon Helicopters, com os seus óculos escuros à aviador, foi a responsável por pilotar o helicóptero que nos levou pela rota dos Descobrimentos (297€/voo), mas há outras disponíveis para quem quer passear pelo céu de Lisboa – ou mesmo ir até Sintra, Cascais ou à Lagoa de Albufeira. Os preços começam nos 73€ por pessoa e chegam aos 209€. Uma rapidinha que não sai propriamente barata, mas que vale cada segundo sobre a cidade.

Lisbon Helicopters, 21 301 1794/ 91 722 5995. wwwlisbonhelicopters.com

Passeio e dia de pesca no Atlântico

Portugal, terra de pescadores e marinheiros, e ainda de bons contadores de histórias (vai apelar a esta veia se regressar da aventura de mãos a abanar). Um dia de pesca entre amigos é o que se propõe por aqui, portanto toca a reunir a tropa (até 12 pessoas) para passar um dia no mar rodeado de equipamento à altura. Desfrute de meio dia (4h) ou dia inteiro (8h) depois de se encontrar com o capitão na Marina de Cascais e de se despedir de Cascais, Atlântico fora. Na opção dia inteiro, conte com churrasco a bordo e bebidas e snacks. Se escolher a opção de meio dia pode trazer os seus próprios petiscos.

www.insidelisbon.com. 450 a 900€.

Publicidade
teleférico parque das nações
©DR

Teleférico

É uma das heranças da Expo 98 e uma daquelas atracções capazes de conquistar a família em peso. O teleférico do Parque das Nações é um meio de transporte por cabo que oferece vistas para mais tarde recordar. (Se procura alternativa, tem também o teleférico do Zoo, uma atracção que permite sobrevoar a fauna durante cerca de 20 minutos, incluída no preço do bilhete de acesso – até 21,50€).

www.telecabinelisboa.pt. 11.00-19.00 (até 1 de Junho, e 10.30-20.30 até Setembro). 5,90 € (adultos), 3,35€ (crianças).

Cruzeiro ao pôr-do-sol

Um passeio de barco em embarcação típica do Tejo, ao largo de Lisboa, com a duração de duas horas e regresso ao ponto de encontro, o Jardim de Roque Gameiro, no Cais do Sodré. Falta acrescentar que a magia acontece ao final do dia, para poder apanhar o pôr-do-sol

26 Mai. www.caminhando.pt. 35€.

Publicidade
Hippotrip
© Arlindo Camacho

Hippotrip

Não é carne nem peixe, nem barco nem autocarro. Define-se como um anfíbio e diz que deve comprar bilhetes com antecedência porque apesar de ser uma espécie estranha (ou por isso mesmo) toda a gente a procura. O Hippotrip circula pelas ruas de Lisboa, debita histórias e lendas engraçadas, e encerra as andanças com um mergulho no Tejo adentro.

Doca de Santo Amaro, Edifício Hippotrip. 15€ (crianças) e 25€ (adultos).

DR

Speedboat

Ir e voltar da Margem Sul sem apanhar trânsito na ponte, parece um sonho. A Seaview tem uma série de embarcações em carteira, e recentemente fechou uma parceria com o restaurante-cacilheiro Lisboa à Vista, instalado na Baía do Seixal. Portanto, a experiência aqui faz-se em dose dupla – uma volta de speedboat pelo Tejo até ao restaurante, onde se pode consolar com um almoço (inclui welcome drink, entrada, prato principal, bebida à discrição e sobremesa) e regressar novamente a Lisboa a toda a velocidade com o estômago cheio e colado às costas. O speedboat sai de Alcântara e segue para Belém, com direito a dar uma curva junto à Fundação Champalimaud, passando depois para a outra margem com tempo para contemplar o Cristo Rei. A experiência tem o valor de 60€. 

Seaview. Doca de Recreio de Santo Amaro. Seg-Dom info@seaview.pt 96 244 4919.

Publicidade
Golfinhos

Para ver golfinhos

Uma ronda pelo Estuário do rio Sado ou pela costa da Serra da Arrábida (o circuito exacto, alertam-nos e bem, depende da localização dos grandes protagonistas deste dia: os golfinhos, ou roazes-corvineiros da Europa, com uma população que ronda os 30 elementos.

Sábado, 5 de Maio, alinhe numa boat tour pelas águas calmas da zona, apure a visão e mantenha a máquina fotográfica sempre a postos.

5 Maio. Discover All Nature. disallnat@discoverallnature.pt. 30€.

Olha o balão

Andar nas nuvens pode ser incrível. Os passeios de balão de ar quente da WindPassenger, uma empresa de Coruche, são realizados sempre ao nascer do sol e existem vários percursos e preços. Há um que permite ver a capital lá do alto: não passa exactamente por Lisboa devido às rotas dos aviões, mas anda ali na zona da Expo, em direcção a Alcochete. É exclusivo, para duas pessoas, e tem direito a pequeno-almoço antes do embarque. Quanto a roupa e calçado adequado, a empresa indica que a temperatura a 5000 pés (1524 m) não é tão diferente da sentida no solo.

www.windpassenger.pt. A partir de 99€.

Publicidade

Pela Arrábida e Anicha

Das duas uma: ou reserva esta sugestão para uma temporada mais cálida ou aproveita os estados de alma de São Pedro para vasculhar a região longe das multidões estivais. Este é um passeio de barco entre o Porto de Abrigo em Sesimbra e a Praia da Figueirinha, já bem perto de Setúbal, e não faltam na agenda baías e areais premiados mundo fora, como as famosas praias dos Coelhos ou de Galapinhos.

Ponto de encontro: Clube Naval de Sesimbra. 29 Abr. 10.20. caminhando. pt. 28€

vertente natural
Fotografia: Arlindo Camacho

Coastering

Se levar à letra a definição do verbo “passear” do dicionário Priberam – “caminhar passo a passo; andar vagarosamente a pé, a cavalo ou em carruagem, para fazer exercício ou para distracção” –, não vai perceber o que está a fazer o coasteering nesta lista. É que este passeio de uma manhã ou tarde pela costa da Arrábida vai muito além da caminhada, incluindo natação, escalada, rapel e saltos para a água de uma altura máxima de oito metros. Não bastam uns bons ténis: é preciso vestir fato de surf e usar capacete. As luvas não são obrigatórias, mas dão jeito na altura de andar como os lagartos, agarrado às rochas.

A Vertente Natural tem vários percursos disponíveis, com diferentes níveis de dificuldade. Todos prometem vistas inesquecíveis.

Vertente Natural, Porto de Abrigo de Sesimbra. 21 084 89 19. www.vertentenatural.com. A partir de 35€ por pessoa.

Vá passear

Baixa
Arlindo Camacho
Coisas para fazer

Quatro passeios grátis em Lisboa

A ementa de sugestões grátis na cidade cresce de semana para semana, com oportunidades únicas para quem não quer gastar um cêntimo – acabaram-se todas as desculpas. Partilhamos algumas propostas a custo zero. São passeios e caminhadas grátis para fazer em Lisboa. 

Rua das lisboa com movimento
Fotografia: Arlindo Camacho
Coisas para fazer

Os melhores passeios em transportes públicos

Se tiver passe pode viajar em modo "entra e sai e não paga mais nada por isso". Senão pode sempre optar pelo bilhete diário, entre os 6€ e os 10€. Seja como for, ponha estes passeios na sua lista de coisas a fazer na cidade.

Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com