Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Três passeios grátis em Lisboa

Três passeios grátis em Lisboa

Devagar ou em passo apressado, não faltam caminhadas em Lisboa. O melhor de tudo? Há vários passeios grátis

Baixa
Arlindo Camacho
Por Editores da Time Out Lisboa |
Publicidade

Todos sabem que quem anda por gosto não cansa. A ementa de sugestões grátis na cidade cresce de semana para semana, com oportunidades únicas para quem não quer gastar um cêntimo. Isto quer dizer que se acabaram todas as desculpas. Partilhamos algumas propostas a custo zero. São caminhadas e passeios grátis para fazer em Lisboa, seja para conhecer melhor as ruas da cidade (ou o interior de edifícios), seja para descobrir os cantos à residência oficial do primeiro-ministro. Estes são os melhores passeios grátis para fazer nos próximos meses e mais além.

Recomendado: Os melhores parques e jardins em Lisboa 

Passeios grátis em Lisboa

CAPA TORTA TOL 542 - Reconquista da Baixa

Adira à recriação histórica que já foi capa da Time Out

Talvez já tenha visto um mouro e um cruzado numa capa Time Out e o facto é que uma recriação histórica a preceito nunca fez mal a ninguém. As personagens Mendo Domingues e Wasim Fahad mostram que a relação entre cristãos e mouros pode ser pacífica – apesar de revisitarem toda uma relação tortuosa e de até poderem simular um breve duelo pelo caminho. Ah, já lhe dissemos que tudo isto é gratuito? Bom, na realidade é simpático deixar gratificação no final do périplo pelas ruas de Alfama e Mouraria.

www.livehistory.pt

Assembleia da República
DR

Espreite São Bento

A Assembleia da República organiza visitas guiadas ao Palácio de São Bento, mediante marcação, com a duração aproximada de hora e meia, sendo que o palácio também está aberto ao público no último sábado de cada mês. Pode participar individualmente ou em grupo (às 15.00 e 16.00) e à margem das visitas guiadas pode sempre assistir às reuniões plenárias desta casa da democracia.

Publicidade
 Mausoléu Palmela no cemitério dos prazeres
©CML/DGC
Atracções

Conheça o maior jazigo privado da Europa

icon-location-pin Campo de Ourique

Tem capacidade para 200 restos mortais, mas ainda há espaço neste condomínio, onde descansam em paz 140 alminhas. Chama-se Palmela, mas fica em Lisboa. Mais precisamente no Cemitério dos Prazeres. Foi uma encomenda de D. Pedro de Sousa Hostein 1º Duque de Palmela ao arquitecto maçon Giuseppe Cinatti, o que justifica inúmeros símbolos maçónicos ao longo da estrutura, como colunas que evocam o Templo de Salomão ou o número três no livro do Anjo da Morte (ou da Boa Morte) que encima a pirâmide do jazigo, uma obra da autoria do escultor Araújo Cerqueira. Pode fazer o percurso pelo cemitério por sua conta com a ajuda deste mapa, ou demonstrar o seu interesse à Câmara Municipal de Lisboa que costuma organizar visitas guiadas gratuitas. As informações moram aqui.

Mais passeios em Lisboa

avenidas novas, ciclovia
Fotografia: Manuel Manso
Coisas para fazer

Ciclovias em Lisboa. Só precisa de pedalada para percorrer a cidade

Até 2018 a cidade de Lisboa deverá atingir os 200 quilómetros de vias cicláveis. Enquanto nos ficamos pelos cerca de 60 já disponíveis não faltam opções para recorrer à bicicleta como meio de transporte, para que cada vez mais as duas rodas não sejam apenas um plano B. Venha daí pedalar.     

Publicidade