Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Plantar uma árvore, escrever um livro e fazer um filho em Lisboa

Plantar uma árvore, escrever um livro e fazer um filho em Lisboa

A 21 de Março a Primavera está definitivamente consolidada. Com a desculpa do Dia Mundial da Árvore siga estas dicas e... olhe, eternize-se

Jardim da Estrela
Fotografia: Ana Luzia Jardim da Estrela
Por Renata Lima Lobo |
Publicidade

Dizem que são estas as três coisas que devemos fazer em vida, sem falta. As sementes também se plantam em livros e em, enfim, óvulos. No Dia Mundial da Árvore imortalizemos a nossa breve passagem pelo planeta Terra. De preferência, sem sair de Lisboa. 

Plantar uma árvore, escrever um livro e fazer um filho em Lisboa

Alameda Keil do Amaral, em Monsanto
Fotografia: Arlindo Camacho

Plantar Uma Árvore

Diz que é para fregueses, mas a rua é de todos e pode ser que lhe saia a sorte grande e lhe vá parar uma semente às mãos. A Junta de Freguesia de Campolide abraça ao Dia Mundial da Árvore com a plantação de seis espécimes na freguesia, com ponto de partida marcado para este sábado às 10.00 da manhã. Mas a iniciativa vai além do plantar de sementes e à tarde está agendada a pintura de canteiros feitos com pneus reciclados pelos vizinhos mais pequenos. Estes canteiros, no largo da Rua Reinaldo Manuel dos Santos, vão ser depois preenchidos com terra e ocupados com diversas plantas.

Ponto de encontro: Em frente à Junta de Freguesia de Campolide – Rua da Campolide, 24B. Sáb 10.00

Por outro lado, embora muitos associem os engenheiros ao betão e não aos espaços verdes, a verdade é que são pessoas muito dadas à natureza. Prova disso é o evento criado pelo ISEL – Instituto Superior de Engenharia de Lisboa que se associa ao Dia Mundial da Árvore com três palestras de entrada livre, no Auditório Chagas Gomes. Além de conversas sobre construções em madeira, metais tóxicos em folhas de choupo e solos da cidade de Lisboa e ainda sobre cortiça, todos os participantes estão convidados a arregaçar as mangas e plantar matéria-prima no Campus do ISEL.

Campus do ISEL - Rua Conselheiro Emído Navarro, 1 (Chelas). Ter 14.00

E já pensou em tornar-se guerrilheiro? Esta é a sua grande oportunidade, mas a causa pela qual vai lutar não implica a utilização de, por exemplo, pólvora ou urânio enriquecido. Há bombas, sim, mas são verdes. A associação Plantar Uma Árvore, sob o mote que a caracteriza “1 Pessoa, 1 Árvore” planeou o evento “Bombas de sementes para uma revolução verde” para este Domingo no Parque Florestal de Monsanto, o terceiro pulmão de todos os lisboetas. E a iniciativa divide-se em dois momentos: durante a manhã será dada formação aos recrutas com a Oficina de Bombas de Sementes, que versará sobre como fazer bombas de sementes com espécies nativas. Segue-se o bombardeamento em equipa de todos os recantos que precisem. O evento é gratuito, mas recomenda-se inscrição.

Ponto de encontro: Centro de Interpretação de Monsanto – Estrada do Barcal. Inscrições: plantarumaarvore.org/inscricao-iniciativas.aspx. Dom a partir das 09.30

Pilha de Livros
©DR

Escrever um livro

Está com um bloqueio de escritor? A página em branco não está a comunicar consigo? Acontece aos melhores, não desista já. Pelo menos antes de dar uma chance a um curso de escrita criativa e afins.

A Escrever Escrever tem sempre formação a bombar e até ao final do mês pode-se inscrever nos cursos Mapa Mundi – Escrita de Viagens (138€), de 28 a 30 de Março, para escritores em potência mais viajados ou Escrever a Gastronomia (107€), a 25 de Março, para quem gosta de palavras mais temperadas, ambos com a duração de sete horas.

Escrever Escrever – Rua do Alecrim, 47 – 4ºA. 91 119 7797

Já a Palavras Ditas, uma escola de conteúdos especializados para várias plataformas, também lhe dá um empurrão para o mundo da literatura com o curso “Escrever: a arte de contar uma história”, que tem como formador um dos vencedores do Prémio Literário João Saramago. O escritor João Tordo vai analisar obras de Dostoievski a Hemingway, pontos de partida para dar asas à imaginação em vários exercícios de escrita. As datas do próximo curso ainda não estão definidas, mas têm sempre 12 horas e fica-se pelos 150€. Fique atento.

Palavras Ditas – Avenida Casal Ribeiro, 15 – 3º andar (Estefânia). 21 354 0542

Publicidade
AlmaLusa Hotel
Fotografia: Diana Tinoco
Hotéis

Fazer um filho

Que Lisboa é a cidade mais romântica já nós sabíamos, mas que tinha tantos hotéis para levar as escapadinhas românticas a um novo nível foi uma surpresa. Seja com pequenos-almoços na cama ou vistas de cortar a respiração, os melhores hotéis românticos em Lisboa não desiludem.

Quer apimentar a coisa? Espreite aqui os melhores móteis em Lisboa.

Viva a Primavera em Lisboa

esplanada noobai
Fotografia: Manuel Manso
Coisas para fazer

Actividades ao ar livre em Lisboa

A preguiça fica dentro de casa – é uma ordem. O convite para aproveitar o melhor que a cidade tem para oferecer é nosso, só precisa de o aceitar e encarar a natureza como a premissa principal para estas actividades ao ar livre. Sim, até porque Lisboa não se faz só de museus, restaurantes ou lojas. A lista com sugestões de actividades ao ar livre não o vai deixar ficar curvado sobre si mesmo no sofá. Só precisa de saber conjugar os verbos caminhar, pedalar, descobrir ou esplanadar – depois fica com a agenda preenchida, em qualquer estação do ano.

Paredão do estoril
Fotografia: Manuel Manso
Coisas para fazer

Odeia ginásios? Experimente treinar ao ar livre em Lisboa

O treino ao ar livre e em grupo deixou ser uma moda para passar a ser parte do cenário lisboeta. Depois de ler as nossas propostas, se vir um pelotão à beira-rio ou gente a subir e descer bancos de jardim, já sabe de onde vêm. Praticar exercício físico fora de quatro paredes pode ser a solução perfeita para quem não gosta de treinar enfiado dentro de um ginásio. À beira-mar ou tirando partido dos altos e baixos de Lisboa, conheça mais de dez grupos para treinar ao ar livre e aproveite para fazer amigos. Mas sem pressas, porque a amizade é um músculo que tem de se treinar.

Publicidade
Mata da Machada
Mata Nacional da Machada
Coisas para fazer

Seja um naturalista: passeios e workshops para respirar ar puro

A vida na cidade não tem de se resumir às manhãs com brunches da moda, a tardes intelectuais de roteiro literário ou a jantares prolongados com banda sonora. Para além da beleza celestial, também a natureza está disponível durante o ano inteiro, para meter as mãos na terra ou os olhos no céu. Respire fundo (onde o ar for mais puro) e prepare a lista para o fim-de-semana ou para as próximas férias em família.

Publicidade