Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Sente-se sozinho? Estas apps sociais são uma festa em família e entre amigos

Atenção, continuamos a tentar dar-lhe a informação mais actualizada. Mas os tempos são instáveis, por isso confirme sempre antes de sair de casa.

apps
MariusMB/Pixabay

Sente-se sozinho? Estas apps sociais são uma festa em família e entre amigos

Pode jogar trivia, cartas ou fazer um DJ set – estas apps sociais são uma festa em família. Mesmo em casas diferentes.

Por Francisca Dias Real
Publicidade

Nos tempos em que ficar em casa é recomendado e manter a distância também, parece que somos invadidos por aquela vontade repentina de sair de casa, abraçar os que nos são mais próximos, estar com eles, tomar café, marcar jantares e idas ao cinema, enfim, um sem-número de coisas que, em situações normais, provavelmente adiaríamos. Hoje em dia, é mais fácil encurtar distâncias e matar saudades, nem que seja virtualmente. As videochamadas não são novidade e há uma série de redes sociais e apps que o permitem – mas e temperar essas chamadas com algum divertimento? Estas apps sociais são uma festa em família ou com amigos. Pode jogar trivia, cartas, ver um episódio em conjunto mas em casas diferentes, fazer um DJ set ou adivinhar letras de canções. Sempre ligado a alguém que pode estar noutro lar. Não vale sentir-se sozinho. 

Recomendado: Os eventos que pode ver na internet, em streaming

Estas apps sociais são uma festa em família e entre amigos

Clubhouse
Clubhouse
DR

Clubhouse

É a app do momento, é certo, e apesar de ainda não estar disponível para toda a gente (apenas para utilizadores de iPhone) o FOMO e a exclusividade da coisa fazem com que muito boa gente queira fazer parte do clube. Mas bem, o que é afinal o Clubhouse? Nesta nova rede social não há texto, não há chats, não há imagens, não há vídeos, não há nada do que é convencional haver – há, apenas e só, voz. A voz de todos os que querem ser ouvidos. O Clubhouse acaba a combinar conceitos da rádio, dos podcasts e dos debates, tudo em áudio ao vivo, para ouvir e intervir. Funciona por convite, ou seja, alguém que conhece já tem de estar registado para o poder convidar, e a navegação é feita através de salas de conversação onde se discutem tanto frivolidades como temas sérios em debates ordeiros. Sejam eles moderados por caras mais conhecidas ou completos anónimos. Nesta rede social, todos podem ser líderes de opinião, e aí é que está a magia da coisa - é uma forma de todos serem ouvidos, não só pelo grupo de amigos, mas por perfeitos desconhecidos.

iOS

Backyard
Backyard
Backyard

Backyard

O Backyard é aquele lugar da Internet onde as grupetas de amigos podem passar uns bons pares de horas entretidos. A logística de escolher um jogo, fazer uma chamada de vídeo e garantir que o ecrã está a ser partilhado acabou. Com o Backyard é fácil os grupos se juntarem em chamada e com uma variedade de jogos online, tudo numa só plataforma. Existe o Bingo, uma espécie de Cards Against Humanity, o Doodle (semelhante ao Pictionary) e muitos outros. É simples: uma pessoa cria o seu "espaço" e convida os amigos através de um link. Têm apenas de entrar, escolher o jogo, tentar que haja consenso e começar a jogar. As regras estão aqui.

Descarregar aqui.

Publicidade
Cartas contra tugas
Cartas contra tugas
Cartas contra tugas

Cartas Contra Tugas

Então, imagine uma versão portuguesa do famoso e polémico jogo Cards Against Humanity. Pronto, agora vamos mais longe: essa versão mas com a possibilidade de a jogar online e com os seus amigos do outro lado da cidade ou do país. Parece um bom plano para matar as horas mortas em casa, um jogo onde a imaginação e a perversidade da mente não têm limites. Cada jogador tem dez cartas claras, com palavras ou frases absurdas (absurdas é um eufemismo) e em cada ronda há um jogador jurado que lê uma carta escura com uma frase incompleta – esta tem de ser completada por cada jogador com uma das suas cartas. A composição final mais trágica e polémica ganha. Basta criar uma sala, enviar o link aos seus amigos (que têm de se registar) e começar a jogar.

Jogar aqui.

netflix party
netflix party
netflix party

Teleparty

Começou como Netflix Party, mas a coisa expandiu-se para a Disney Plus, Hulu e HBO, passando a chamar-se Teleparty. Ora bem, a Teleparty é uma extensão, ainda que apenas para o Google Chrome, que permite uma experiência de visualização comunitária destas plataformas de streaming. Além de estar sintonizado com família e amigos enquanto vê este ou aquele episódio, há ainda uma barra lateral com um chat para poder reagir em tempo real e partilhar aquelas teorias sobre esta ou aquela personagem. Ah, mais uma coisa, todos os utilizadores têm de ter conta nas plataformas escolhidas. 

Descarregar aqui

Publicidade
houseparty
houseparty

Houseparty

É possível que as suas redes sociais já tenha sido invadidas por capturas de ecrã desta app que permite tornar a quarentena mais divertida. As videochamadas em grupo não são uma novidade, é certo, mas nesta essas videochamadas são uma festa onde junta amigos e família (até oito pessoas) para uma maratona de jogos. Agora, vamos ao que interessa: depois de convidar quem de direito para se juntar à chamada pode escolher qual o jogo: dos quizzes de cultura geral aos de letras de música, dos de Harry Potter aos do calão da internet. Ainda podem jogar Heads Up e uma espécie de Pictionary. 

Android e IOS

plato
plato

Plato

São mais de 30 os jogos que pode jogar em grupo, seja com pessoas conhecidas ou não - tem a possibilidade de entrar em salas de chat públicas e conhecer pessoas jogando uma série de jogos. Matraquilhos, mini golf, conspiracy, batalha naval, xadrez, dominó ou jogos de cartas e mais um sem-número de jogos multiplayer estão disponíveis para o entreter a si e a outros comparsas noutra casa. Joga-se em tempo real, por isso dá para ver as jogadas dos amigos e falar no chat se quiser dar dicas. Há ainda torneios aleatórios, caso não tenha ninguém do outro lado com quem jogar.

Android e IOS

Publicidade

Evil Apples

Já alguma vez jogou Cards Against Humanity (CAH) – aquele jogo com bolinha vermelha em que cada ronda há um jogador que lê uma carta escura com uma frase incompleta e esta tem de ser completada com palavras ou frases absurdas por cada jogador com uma das suas cartas. Pois bem, isto é tudo muito giro em papel, mas também dá para jogar uma versão semelhante no telemóvel e com os amigos à distância (se tiver muito à vontade com a sua família, força). Pode jogar com grupos de pessoas aleatórias ou convidar os seus amigos através das redes sociais ou SMS. Depois de estarem conectados no mesmo jogo, dispõem de cartas digitais para completar ou responder à carta principal (tal e qual como no CAH). 

Android e IOS

rave
rave
rave

Rave

Juntar quem está longe - é este o mote da Rave. Quer seja a fazer binge-watching na Netflix ou a fazer uma rave através do YouTube, os amigos podem juntar-se através da aplicação e criar um grupo de visualização, ou uma rave, literalmente. Há ainda a opção RaveDJ para os mais festivos, que permite escolher músicas e com elas criar um DJ Set. Tudo é possível, tal como enviar mensagens de áudio e ter um chat para comentar as melhores séries ou músicas com os amigos.

Android e IOS

Publicidade

Facebook Messenger

Antes que diga que é banal, talvez não saiba que além de videochamadas, o Messenger permite que jogue alguns jogos mais básicos com outra pessoa do lado de lá. Pode seleccionar o que quer jogar no mesmo botão dos efeitos. É la que aparece a opção com “Actividades” – aí há todo um rol de actividades interactivas para se entreter, sobretudo se tiver crianças, desde “comer” hambúrgueres a encestar bolas de basquetebol. 

Android e IOS

Apps que precisa de conhecer

exercício
Kelly Sikkema/Unslapsh

Mexa-se: apps para ficar em forma

Coisas para fazer

Uma boa forma de começar a ficar em forma pode ser através de uma aplicação que o vai obrigando a fazer certos exercícios, até porque o telemóvel já quase que se tornou numa extensão do nosso próprio corpo. E não, não precisa de sair de casa para ser um aluno exemplar. O que também não precisa (nem pode) é de inventar a desculpa de que não tem tempo ou que não gosta de treinar com outros à sua volta, enfim nada serve desta vez. 

produtividade, apps para ser produtivo, apps, aplicações, teletrabalho
Fotografia: Mia Baker/ Unsplash

Apps de produtividade para dias bem aproveitados

Coisas para fazer

Se não está habituado a trabalhar em casa, é provável que tudo seja fonte de distracção. Nós percebemos. É que já não é apenas a televisão, a repetir os filmes de sempre, a que, não sabe explicar porquê, continua sem conseguir resistir. Nem sequer tem a mania das limpezas, mas de repente aspirar o pó, organizar a gaveta das cuecas por cores e até mudar as lâmpadas lhe parece mais urgente. Não se preocupe, porque fomos à procura de apps de produtividade. 

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade