Estas novas marcas portuguesas são um refresco de Verão

Frescas, airosas e acabadas de chegar ao mercado. São 10 novas marcas portuguesas e estão a deixar-nos com os calores
alice
©Leonor Fonseca Alice 1930
Por Mauro Gonçalves |
Publicidade

Nem só de moda feminina vive o Verão. Esta é a nossa selecção de novas marcas portuguesas e, entre elas, há umas quantas sugestões para eles e até para os mais pequenos. Seja para apanhar banhos de sol na praia ou para seguir com a vida na cidade (só que com uns bons graus a mais), estas 10 marcas nasceram em 2017 e merecem estar no guarda-roupa.

Estas novas marcas portuguesas são um refresco de Verão

one of us
©DR

One of Us

Acaba de chegar e é uma perdição daquelas. Mais uma vez, a tendência parece ser banir os modelitos tradicionais do guarda-roupa dos mais pequenos. A super-sustentável One of Us aposta em peças simples, mas brilha à distância através das ilustrações estampadas. São baleias, cactos, formas geométricas e sim, não nos importávamos de vestir algumas destas roupas.

38 graus
©DR
Compras

38 graus

Aos 23 anos, Marta Oliveira lançou-se na sua própria aventura de Verão. Afinal, ainda havia espaço para mais uma marca de swimwear nacional, só tinha de encontrar quem, como ela, ainda não tivesse encontrado nenhuma que lhe enchesse as medidas. A receita, sabia-a de cor e não era de agora. Tinha de ser simples, com modelos que perdurassem no tempo, mas com a ousadia necessária para conquistar a garotada da sua geração. A primeira colecção da 38 Graus saiu do forno e junta tudo isso.

Publicidade
uila

Uila

Esta é outra marca que chegou decidida a fazer subir as temperaturas do Verão. A inspiração chega directamente de África, se bem que com um toque europeu. A proposta da Uila é um guarda-roupa feminino sofisticado, mas com os detalhes do continente selvagem a espreitarem nos estampados e na escolha das cores. E se isto já lhe agrada aos ouvidos, espere so até tocar nas peças.

alice
©Leonor Fonseca

Alice 1930

Não, a criadora desta marca não se chama Alice, tão pouco nasceu em 1930. Mas Teresa tem a sua musa, a avó, e tudo na Alice nos remete para o guarda-roupa dela, a começar pelos cortes dos vestidos e blusas. Uma viagem no tempo que só fica mais interessante à medida que vamos descobrindo a proveniência dos materiais. Os tecidos são antigos stocks de retrosarias lisboetas, tal como os botões, preciosidades cada vez mais raras de encontrar.

Publicidade
jay
©DR

JAY

Numa altura em que todas as palhinhas e cordéis do mundo estão a voltar em força, a JAY dedica-se aos acessórios de moda inteiramente feitos à mão. A marca nasce da vontade de quem já provou ter bom gosto, pelo menos para a decoração (loja June), e o difícil é mesmo escolher entre os sacos de pele e os sapatos de ráfia.

a corda
©DR

A-corda

Não é qualquer pessoa que se lembraria de criar uma marca só de acessórios em corda para homens. Pois bem, cá está ela, resultado de uma aventura entre amigos, sempre com o surf no horizonte. Das pulseiras meramente decorativas às fitas para os óculos, todas as peças da A-corda têm aquele toque náutico, mesmo que seja para usar longe do mar.

Publicidade
pecegueiro
©DR
Compras, Vestuário de criança

Pecegueiro & F.os

icon-location-pin Estrela/Lapa/Santos

A Pecegueiro & F.os pegou em tecidos portugueses, tratou de garantir que toda a produção era feita por cá e recuperou o encanto das coisas simples. Anita e Tom Sawyer foram as musas de serviço e as jardineiras são as peças estrela. Existem em 10 cores, sem contar com os modelos às riscas, que estampam a loja de uma ponta à outra. A lógica do menino e menina é reduzida ao essencial, o género fica-se pelas saias e vestidos.

misci
©DR

Misci

Nada aqui é tão simples como parece. Apesar das silhuetas minimais, o trabalho minucioso exigido por cada peça faz da Misci uma das marcas mais especiais que vimos nascer na primeira metade do ano. Os materiais são portugueses e de primeira, não há peles nem plumas pelo meio e a mão-de-obra segue os preceitos artesanais de uma equipa de costureiras. O resultado está à vista e é das coisas mais sofisticadas que vimos nos últimos tempos.

Publicidade
imauve
©DR

Imauve

Quando pensamos em vestidos e tops para a estação quente, é disto que falamos. A leveza da Imauve percebe-se à distância e, para a colecção de estreia, a designer Inês de Oliveira deixou-se inspirar pela obra do artista plástico Frank Stella. Depois das primeiras pinceladas, parte da tela ainda está em branco, até porque a marca quer apostar em força na internacionalização.

Molkot
©Salvador Colaço
Compras, Vestuário masculino

Molkot

icon-location-pin Chiado

Lisboa tem uma nova marca de calções de banho. A Molkot estreou-se em grande com uma loja em pleno Chiado. Afinal, quem está à frente do negócio percebe bem de roupa para ir a banhos. Mariana Delgado e Rita Soares, as mentes criativas da Cantê participaram no projecto. Tomás Toulson e Diogo Castro juntaram-se à equipa e juntos fizeram nascer a marca de calções com que, há muitos, todos sonhavam. A primeira colecção foi desenhada a pensar no conforto das peças, nos detalhes e, claro, no design. Os estampados são exclusivos e arriscam q.b.. Os calções existem em dois comprimentos, uns são mais curtos do que outros, mas, felizmente, não há nenhuns que cheguem aos joelhos.

Compras com sabor a férias

Compras, Roupa interior e fatos de banho

100 biquínis e fatos de banho para arrasar neste Verão

Este Verão vai ter espaço para tudo: para marcas portuguesas, para biquínis brasileiros, para fatos de banho recatados e para flores e frutas exóticas. Haja sol e calor para poder experimentá-los todos. Porque os preparativos para a época balnear já começaram, escolhemos os nossos 100 modelos favoritos, entre biquínis, triquínis e fatos de banho. Prepare-se para ir a banhos e, de caminho, espreite o que as marcas portuguesas de fatos de banho andaram a preparar na revista desta semana. 

Compras

Agora eles: 50 calções de banho para este Verão

Pelo joelho, à italiana ou a bela da sunga carioca – no que toca a calções de banho, estamos abertos a todas as possibilidades, por isso, preparámos uma selecção de 50 modelos para que todos os homens pisem o areal em grande estilo. Pelo meio, há luxos, marcas portuguesas e autênticas propostas antitédio.

Publicidade
Compras

As bóias para a praia que vai querer ter por perto

Bóias de flamingo, bóias de unicórnio, melancia e lagosta. Bóias para a praia, bóias para a piscina, para pousar os cocktails ou para se enfiar todo lá dentro. Bóias, bóias e mais bóias. Porque nunca são de mais, junte novas aquisições às que já fizeram sucesso no Verão passado. Passámos várias lojas a pente fino e chegámos a esta lista, com as nossas favoritas. Divirta-se, mas sempre a flutuar.

Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com