Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Sofre de ócio pelo ofício? Eles restauram tudo por si
isabel colher na oficina tardoz
Fotografia: Duarte Drago Isabel Colher na Tardoz

Sofre de ócio pelo ofício? Eles restauram tudo por si

Se ainda não percebeu o encanto do faça você mesmo, estes restauradores de Lisboa fazem o trabalhinho por si

Por Renata Lima Lobo
Publicidade

A moda do faça você mesmo, também conhecida pela sigla inglesa DIY (do it yourself), parece ter vindo para ficar, mas há quem não tenha grande apetência ou mesmo paciência para os trabalhos manuais. Para lhe poupar também trabalho na pesquisa, reunimos um conjunto de restauradores profissionais de Lisboa que dão uma segunda oportunidade a azulejos, móveis, candeeiros, estruturas em metal ou mesmo obras de arte. Agora relaxe, encoste-se nessa cadeira que está a precisar de uma almofada nova e descubra se algum destes mestres de ofícios o pode salvar. A si e à sua decoração.

Recomendado: A nova geração de artesãos de Lisboa

O ócio pelo ofício

tardoz
tardoz
Fotografia: Duarte Drago

Tardoz

Compras Arte, artesanato e passatempos Marvila

Em matéria de azulejos, Isabel Colher é uma das maiores especialistas da cidade. Na oficina da Tardoz concebe de raiz qualquer tipo de azulejo para qualquer tipo de função, seja para uma faixa bonita para a parede da cozinha ou para completar um painel centenário de um palácio público. Quer isto dizer que, além das colecções permanentes que tem à venda no site, também aceita encomendas com design e medidas personalizados, e se dedica ao restauro e produção de réplicas como as que moram no Palácio Nacional de Sintra.

Rua Padre António Ferreira, 34 (Marvila). tardoz.pt

Estúdio de Marcenaria, Akto, Restauro
Estúdio de Marcenaria, Akto, Restauro
©Arlindo Camacho

Akto

Compras Arte, artesanato e passatempos Chiado/Cais do Sodré

João Erse já restaurou quase tudo o que é possível ser restaurado: capelas, museus, igrejas, mobiliário centenário, pinturas e imagens sagradas. E também já construiu quase tudo o que é possível construir. Pense num móvel ao calhas: seja qual for, a Akto já o fez – e bem feito. O lema deste estúdio de marcenaria e design de produto é produzir, preservar e transformar, fazendo uso da inovação e tecnologia disponíveis. Mas o trabalho à mão é precioso e aqui há especialistas de diversas áreas. Mobiliário por medida, réplicas, restauro de pintura, transformações de peças: a oficina da Akto resolve.

Rua Marcos Portugal, 91C (Príncipe Real). Seg-Sex 09.30-13.00/14.00-18.30. aktostudio.com

Publicidade
Marcenaria, Design, Restauro, Marcenaria Artística Pereira
Marcenaria, Design, Restauro, Marcenaria Artística Pereira
©Facebook/Marcenaria Artística Pereira

Marcenaria Artística Pereira

Compras Designer Sintra

Esta marcenaria sintrense é perita em criar e restaurar peças únicas de mobiliário de madeira maciça, um saber artesanal que Tiago Pereira herdou do seu avô, o mestre Soares Pereira. Mas com a ajuda de uma equipa de especialistas é possível ir mais longe, e na Pereira também se fazem reabilitações e trabalhos de artes decorativas, como douramento, talha ou embutidos. Para melhorar o ambiente de sua casa, a loja está em modo stock-off, com descontos até 50% no catálogo.

Rua da Cruz,75. Elos Park, Armazém 3 (Algueirão-Mem Martins). marcenaria-artistica.pt

Compras, Restauro, Hospital dos Candeeiros
Compras, Restauro, Hospital dos Candeeiros
©Facebook/Hospital dos Candeeiros

Hospital dos Candeeiros

Compras Lisboa

Desde os anos 60 que este negócio familiar dá mais luz à vida dos lisboetas. Fundado por Maximiliano Rola (1924-2008), ex-ciclista português, está hoje nas mãos dos filhos Maria Eugénia e Messias Rola que fazem abat-jours por medida, candeeiros, restauros e reparações. E são requisitados ao mais alto nível, tendo restaurado os lustres do Ministério dos Negócios Estrangeiros no Palácio das Necessidades ou os candeeiros do Palácio Pimenta. Até um candeeiro a petróleo do designer de moda Louboutin já por aqui passou. Mas não se iniba de entrar com o lustre que herdou da avó ou com uma peça mais contemporânea. No Hospital dos Candeeiros são todos tratados por igual.

Rua Palmira 35C (Anjos). Seg-Sex 09.00-13.00/15.00-19.00, Sáb 09.00-13.00. facebook.com/pg/hospitalcandeeiros

Publicidade
Conservação, Restauro, M.A.P. - Metalúrgica Artística da Penha
Conservação, Restauro, M.A.P. - Metalúrgica Artística da Penha
©Facebook/M.A.P. - Metalúrgica Artística da Penha

M.A.P. – Metalúrgica Artística da Penha

Compras Beato

Se tiver uma peça para restaurar, pequena ou grande, ou uma ideia para o novo design lá de casa, aqui está em boas mãos. Fundada em 1957, a M.A.P orgulha-se de ser uma oficina que ainda trabalha à antiga. Num espaço de 200 m2 fazem-se restauros, reproduções ou mobiliário, tendo sempre por base os metais. E se for artista plástico, aqui também o ajudam a erguer a sua próxima escultura. Portas em latão, puxadores, lanternas, candeeiros ou até reproduções para caixas de correio de alumínio de início do século são algumas das criações que já saíram desta oficina familiar.

Rua Morais Soares, 17AB. Seg-Sex 08.30-13.00/14.00-17.30. mapenha.pt.

Agora faça você mesmo

Cores, Pintura, Pinceladas
©Design by Freepin

As melhores lojas para os maluquinhos do DIY

Coisas para fazer

A sigla DIY – para do it yourself, ou faça você mesmo – generalizou-se e ficou na berra. Ganhou vídeos e canais de Youtube, ganhou gurus e livros e, como não podia deixar de ser, ganhou também lojas especializadas para abastecer quem gosta de trabalhos manuais. Da costura à pintura, do restauro à olaria e cerâmica, o que não falta é material para fazer as suas obras de arte de trazer por casa. E mesmo quem não tem jeitinho, vai gostar de conhecer o admirável mundo destas lojas, físicas ou online.

Brinquedos, DIY, Lego Dots
©DR

Brinquedos DIY – quando parte da brincadeira é construir o brinquedo

Miúdos

A sigla DIY – para do it yourself, ou faça você mesmo – generalizou-se e ficou na berra. Ganhou vídeos e canais de Youtube, ganhou gurus, livros e loja especializadas. Os mais novos não foram esquecidos e para eles não faltam brinquedos dentro da mesma filosofia: que é preciso construir antes de desatar a brincar. Ou melhor – cuja construção é a melhor parte da brincadeira. Se os mais pequenos lá de casa têm queda para a costura, a carpintaria, a pintura ou o origami, deixe-os fazer magia com as próprias mãos.

Publicidade
Margarida Garcia, DIY
©Grão a Grão

DIY: Os Macgyvers dos tempos modernos

Coisas para fazer

Têm bicho carpinteiro ou um enorme talento natural, gente que faz das mãos a sua ferramenta principal para transformar este mundo e o outro. Falámos com sete pessoas com jeitinho para trabalhos manuais de todos os géneros – Madalena Villalobos, Margarida Garcia, Filipa Bibe, da Maria Modista, Mariana Costa Afonso, da Costa Atelier, Mariana Sousa, da Sous, Sofia Cotrim, autora do blog O Mundo de Sofia, e Sara Morais Pinto, da Zero Waste Lab – e lançámos-lhes um desafio: entreter os nossos leitores com um projecto de DIY. Chegou a sua vez.

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade