Dora and the Lost City of Gold (2019)
©DRDora and the Lost City of Gold de James Bobin

Filmes para jovens ou para quem ainda vive na adolescência

As fitas de super-heróis e de animação não esgotam os filmes para jovens. Como se prova por este septeto de filmes que se estreiam no Verão

Publicidade

Encontramos todo o tipo de jovens nos filmes desta lista de estreias estivais, feitos a pensar numa faixa de espectadores entre os 10 e os 20 anos: bem-comportados ou estouvados, sobredotados, aventureiros, ignorantes quanto às suas origens e desejosos de as conhecer, traumatizados por acontecimentos trágicos, ou às voltas com os problemas e as dores característicos desta fase da vida. São produções americanas e europeias, que desmentem a ideia que existe no espírito de muitos segundo a qual os filmes para jovens se resumem às grandes produções de super-heróis e às longas-metragens de animação.

Recomendado: As estreias de cinema que não pode perder até ao fim do Verão

Filmes para jovens ou para quem ainda vive na adolescência

'Booksmart', de Olivia Wilde

A actriz americana Olivia Wilde estreia-se a realizar longas-metragens com esta comédia sobre duas melhores amigas, Amy e Molly, finalistas do liceu, que são consideradas marronas e pretensiosas pelos seus restantes colegas e não fazem parte do grupo dos alunos populares. No último dia de aulas, Amy e Molly decidem que é tempo de infringir as regras que respeitaram durante muito tempo e encaixarem quatro anos de divertimento numa só noite. (Estreia dia 11 de Julho)

'Jim Knopf e Lucas, o Maquinista', de Dennis Gansel

Este filme do alemão Dennis Gansel baseia-se num livro juvenil do escritor Michael Ende, o autor do mundialmente popular História Interminável, levado ao cinema em 1984 por Wolfgang Petersen. Em Jim Knopf e Lucas, o Maquinista, um rapaz órfão tenta descobrir a sua origem, ajudado por um amigo maquinista e acabam por ir dar a uma terra fantástica, onde descobrem uma jovam princesa que está prisioneira na Cidade do Dragão. (Estreia dia 26 de Julho)

Publicidade

'Tudo Bons Meninos', de Gene Stupnitsky

Max, Thor e Lucas são três rapazes de 12 anos que pensam que a melhor maneira de impressionar as raparigas e cair nas boas graças dos colegas mais velhos, é faltar às aulas e ir a festas. Quando perdem o drone do pai de Max, que utilizaram sem autorização deste, os três amigos vão meter-se numa aventura que envolve drogas roubadas por acidente, um jogo de paintball que corre muito mal, serem perseguidos pela polícia e aterrorizar as raparigas que queriam impressionar. (Estreia dia 15 de Agosto)

'Artemis Fowl', de Kenneth Branagh

Herói de uma série de oito livros do escritor irlandês Eoin Coifer, Artemis Fowl é um rapaz de 12 anos, milionário e genial, que vive aventuras fantásticas e policiais acompanhado pela fada Holy Short, capitã do LEPrecon, a unidade policial e de defesa do Mundo das Fadas. Este primeiro filme adaptado dos livros de Coifer é realizado por Kenneth Branagh e conta com os jovens Ferdia Shaw e Lara McDonnell nos papéis de Artemis e Holy. (Estreia dia 22 de Agosto)

Publicidade

'Dora e a Cidade Perdida', de James Bobin

Dora, a heroína da série de animação Dora the Explorer, passa agora para o cinema, e em imagem real, interpretada por Isabela Moner, e sempre acompanhada pelo seu fiel amigo, o macaquinho Boots. Tendo passado a maior parte do tempo em explorações com os pais, nada preparou Dora para o desafio da sua vida – o liceu. Mas logo ela vai ter que ir salvar o pai e a mãe, desaparecidos na selva, acompanhada por Boots e um grupo de adolescentes desajustados. E para isso, Dora terá que descobrir a lendária Cidade Perdida. (Estreia dia 29 de Agosto)

'Blinded by the Light – O Poder da Música', de Gurinder Chadha

Estamos em Luton, na Inglaterra, no final da década de 80. Javed é um adolescente, filho de pais paquistaneses que emigraram para o Reino Unido em busca de uma vida melhor, que está a viver todos os problemas típicos de um rapaz da sua idade. E é graças à música de Bruce Springsteen que Javed vai aprender a perceber a sua família, a lidar com o mundo em seu redor e a encontrar a sua própria voz. O filme inspira-se na vida do jornalista Safraz Mansoor, co-autor do argumento. (Estreia dia 29 de Agosto)

Publicidade

'The Goldfinch', de John Crowley

Baseado no livro homónimo da escritora Donna Tartt, que ganhou o Prémio Pulitzer em 2014, este filme centra-se em Theodore Decker, um rapaz de 13 anos cuja mãe morre num atentado terrorista num museu de Nova Iorque. Recolhido por uma família muito rica, Theodore leva consigo um pequeno quadro holandês do século XVII, que representa o pássaro do título, e que salvou dos escombros do museu. Ansel Egort interpreta o protagonista, acompanhado por Nicole Kidman, Sarah Paulson, Luke Wilson e Jeffrey Wright. (Estreia dia 12 de Setembro)

Cinema em família

  • Miúdos
Os melhores filmes para toda a família
Os melhores filmes para toda a família

Estes filmes não são para crianças. São filmes para toda a família. Seja pequena ou numerosa, toda a família tem de ver (ou rever) estes 18 títulos obrigatórios para filhos, pais e até avós. Há filmes para todos os gostos e muitas décadas: do "fabuloso" technicolor de O Feiticeiro de Oz à recortada animação de Coco, passando por clássicos como Música No Coração ou Sozinho Em Casa.

  • Filmes

Será que os filmes da Disney são sensatos, divertidos e visualmente interessantes – perfeitos para toda a família? Ou são uma lamechice que só serve para fazer lavagem cerebral às crianças? Todas a gente tem uma opinião sobre os mais de 50 filmes de animação que foram lançados ao longo dos anos pela empresa fundada por Walt Disney, a começar pela Branca de Neve, em 1937, até à galinha dos ovos de ouro que foi Frozen: O Reino do Gelo.

Publicidade
  • Filmes

Por muito que a gente adore o Homem-Aranha de Sam Raimi (e até ache alguma piada a O Incrível Hulk de Ang Lee), o universo cinematográfico da Marvel só começou a ganhar forma em 2008, com o Homem de Ferro de Jon Favreau. E passados mais de dez anos encontra-se em grande, com filmes como Black Panther, de Ryan Coogler, a ganharem Óscares. Mas não foi fácil chegar aqui. 

Recomendado
    Também poderá gostar
    Também poderá gostar
    Publicidade