Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Os dez melhores filmes de Denzel Washington
Denzel Washington em Vendações
© MMXVI Paramount Pictures Corporation.

Os dez melhores filmes de Denzel Washington

Malcom X ou Frank Lucas? Recuperamos os dez melhores filmes de Denzel Washington, nomeado para Melhor Actor com 'Fences'

Por Miguel Branco
Publicidade

Fences é de Denzel Washington com Denzel Washington. E não nos parece demais. Quanto mais Denzel, melhor. É por isso que a lista que pode encontrar já aqui em baixo inclui os seus dez melhores filmes. Dez para não serem vinte. Seja em versão bandido, como em Gangster Americano (2007), seja como detective, em Dia de Treino (2001), este senhor tem o nosso carinho. Assim dita a história.

Os dez melhores filmes de Denzel Washington

Tempo de Glória (1989)

Se há homem que interpretou a luta da comunidade afro-americana no cinema, esse homem foi Denzel Washington. Num dos seus primeiros filmes, este Tempo de Glória, ele é Private Silas Trip, um escravo em fuga que acaba por se juntar ao primeiro regimento negro das Forças Armadas americanas na Guerra Civil Americana. O seu primeiro Óscar, como Melhor Actor Secundário, vem daqui.

Malcom X (1992)

Dizem que a prisão transforma qualquer homem. Malcom X não foge à regra. Começou por ser bandido de profissão, só que o heroísmo, nesse aspecto, fica por aí. É condenado a dez anos por roubo e durante esse período familiariza-se com o Islão, que começa a pregar entusiasticamente. É um filme e peras. 

Publicidade

Filadélfia (1993)

Clássico que é clássico está em todas as listas. Beckett (Tom Hanks) é um advogado homossexual que contrai sida e se vê despedido pela sua firma respeitada. O nosso Denzel Washington é um advogado homofóbico que acaba por dar a mão a Beckett. Mais uma prova de que é bom companheiro. 

O Coleccionador de Ossos (1999)

É somar os clássicos de Denzel. Aqui, o investigador forense Lincoln Rhyme, tetraplégico devido a um acidente, faz equipa com Amelia Donaghy (Angelina Jolie), uma polícia nova-iorquina, para travar os intuitos de um assassino em série. A sua assinatura é simples e macabra: leva sempre um pequeno osso das suas vítimas para casa.

Publicidade

O Furacão (1999)

Rubin Carter é um pugilista com futuro até que a justiça lhe decide cortar as vazas. É acusado de triplo homicídio injustamente. O Furacão segue a luta interior de Carter na prisão, no seu confronto com a dura realidade de se estar confinado a quatro paredes quando nada se fez. Denzel soma e segue.

Dia de Treino (2001)

Alguém falou em Óscar? Dia de Treino é igual à segunda estatueta para Denzel. Como se não bastasse ter Denzel, ainda tem Ethan Hawke no papel do oficial da polícia de LA Jake Hoyt. Washington é o detective Alonzo Harris, que, durante um dia, avalia a performance de Hoyt no terreno. Salve-se quem puder.

Publicidade

John Q (2002)

Um pai em desespero. No fundo, é isso, e ai de quem diga que não faria tudo por um filho. Michael (Daniel E. Smith) tem que receber um transplante de coração e quando o seu pai John (Denzel Washington) percebe que o seu seguro de saúde não cobre essa possibilidade – e que assim não tem dinheiro para salvar a situação – decide fazer reféns no hospital.

Infiltrado

Provavelmente, já está farto de ver este filme na televisão. Mas – injustiças é que não – não é por isso que deixa de ser um belo filme. Clive Owen é Dalton Russell, líder e arquitecto do plano perfeito para roubar um banco. O detective que o persegue é Keith Frazier (Denzel), que só dá pela artimanha uns tempos depois.

Publicidade

Gangster Americano

Uma das obras-primas de Denzel Washington. Frank Lucas torna-se um barão da droga (e de tudo aquilo que é preciso para fundar um império de dinheiro e domínio territorial) do Harlem depois da morte de Bumpy Johnson. Estamos no final da década de 60 e a heroína importada do Vietname parece demasiado agressiva para alguns consumidores, que morrem de overdose. O detective Richie Roberts (Russell Crowe) só vai parar quando descobrir o culpado.

Flight

Whip Whitaker é um daqueles pilotos de avião meio estrela rock. É o único que consegue fazer uma aterragem de emergência onde quase ninguém morre, no entanto é viciado em cocaína. Afinal em que é que ficamos? Ficamos na interpretação de Denzel, cheio de pinta a bordo.

A caminho dos Óscares

Titanic
©DR

Os filmes que ganharam mais Óscares

Filmes

Antes da cerimónia de entrega dos Óscares, que se realiza a 9 de Fevereiro, em Los Angeles, recordamos alguns dos filmes com o maior número de estatuetas no currículo. O clássico Ben-Hur, realizado em 1959 por William Wyler, Titanic (1997), de James Cameron, e a terceira parte da trilogia O Senhor dos Anéis, rodada por Peter Jackson e estreada em 2003, lideram a lista dos recordistas de Óscares na história do cinema, com 11 prémios.

Meryl Streep nos Globos de Ouro 2017
©Image Group LA/HFPA

As actrizes e os actores com mais Óscares

Filmes

Foram muitos os actores e actrizes que, desde 1929, ganharam um Óscar. Pouco mais de 40 conseguiram levar para casa duas estatuetas da Academia ao longo da sua carreira. Mas mais do que isso? Quase nenhuns. Estes foram os actores e actrizes que ganharam mais Óscares até hoje.

Publicidade
Hitchcock Truffaut
©DR

Grandes realizadores que nunca ganharam o Óscar

Filmes

Já se sabe que nem sempre os melhores realizadores (e os melhores actores e os melhores filmes) são aqueles que ganham os Óscares, e já por muitas ocasiões as estatuetas de Hollywood foram parar às pessoas erradas, deixando de mãos a abanar quem as merecia. Conheça os grandes realizadores que nunca ganharam o Óscar (de melhor realizador).

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade