Os melhores filmes portugueses de 2017

O ano de 2017 assistiu à estreia de vários filmes portugueses com muita qualidade. Estes foram os melhores
Fátima
©DR Fátima de João Canijo
Por Editores da Time Out Lisboa |
Publicidade

O ano de 2017 assistiu à estreia de vários filmes portugueses com muita qualidade. Na ficção, como Fátima, de João Canijo, São Jorge, de Marco Martins, ou Fábrica de Nada, de Pedro Pinho. E no campo do documentário, onde se destacaram Ama-San, de Cláudia Varejão, e Nos Interstícios da Realidade ou o Cinema de António de Macedo, de João Monteiro.

Os melhores filmes portugueses de 2017

Filmes

Fátima

O autor de Sangue do Meu Sangue filma os efeitos físicos, emocionais e psicológicos que a peregrinação a Fátima tem sobre um grupo de mulheres que se conhecem bem e têm as mesmas origens sociais. Com um sentido de encenação do real único no cinema português.

A Time Out diz
Filmes

São Jorge

Evocando os climas visuais e anímicos do policial de boxe americano e do cinema social europeu clássico, São Jorge é um filme sobre a crise que não resvala para o comício.

A Time Out diz
Publicidade
Filmes

Ama-San

A realizadora portuguesa Cláudia Varejão foi ao Japão filmar este magnífico e completo documento sobre um grupo de mulheres que perpetua uma tradição ancestral.

 

A Time Out diz
Filmes, Drama

A Fábrica de Nada

Fábrica de Nada tem muito que se lhe diga. É uma ficção chegadinha à realidade da crise, uma reflexão sobre o estado do movimento laboral e o futuro do capitalismo, uma interrogação sobre os tempos de transição que vivemos e até tem um interlúdio musical.

A Time Out diz
Publicidade
Filmes

Nos Interstícios da Realidade

Um dos directores do MOTELX faz justiça ao realizador António de Macedo, ostracizado pelo meio cinematográfico e pelos poderes que distribuem os apoios financeiros por ter optado por fazer cinema de género.

A Time Out diz

Best of 2017

Cinemas

Os melhores filmes de 2017

Cada final de ano, na altura dos habituais balanços, e no que ao cinema diz respeito, chegamos sempre à mesma conclusão. Começámos pouco optimistas em relação à qualidade dos filmes que íamos ver; e acabámos com a satisfação de que vimos suficientes bons filmes para elaborar uma lista com os dez melhores, e ainda ficam de fora uns quantos que também lá cabiam perfeitamente.

Pega monstro
©Sara Rafael
Música

Os melhores discos portugueses de 2017

A música portuguesa vive dias bons. Com bandas e artistas a falarem a sua língua e a produzirem canções que reflectem o país e o presente. Do indie rock português das Pega Monstro e Putas Bêbadas às batidas afromecânicas de Nídia e DJ Lycox, passando pela folk lisboeta de Éme e Luís Severo, o hip-hop de Slow J e os Orelha Negra ou o fado de Camané. Estes foram os melhores discos do ano.

Publicidade
Benjamin Clementine
Photograph: Courtesy the artist
Música

Os melhores discos internacionais de 2017

Mais um ano, mais uma remessa de grandes discos e músicas, para todos os gostos e feitios. Da frescura rock lo-fi de Mac DeMarco ao indie rock de Thurston Moore, passando pela pop vanguardista de Benjamin Clementine ou o hip-hop de Vince Staples, Young Thug ou Kendrick Lamar.

Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com