Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Oito séries para ver na Apple TV+
Ted Lasso
DR 'Ted Lass' é protagonizada por Jason Sudeikis

Oito séries para ver na Apple TV+

Há cada vez mais séries e serviços de streaming. Se não sabe para onde se virar, esta lista de séries para ver na Apple TV+ pode ser usada como uma bússola.

Por Sebastião Almeida, Cláudia Lima Carvalho e Eurico de Barros
Publicidade

O streaming já nos é algo tão natural, que nem pensamos na quantidade de oferta disponível. Ele está por toda a parte, nos telemóveis, nas televisões – não há como lhe fugir. A verdade é que as plataformas de streaming se tornaram o entretém de muita gente em todo o mundo. A Apple, claro, não quis ficar de fora, e lançou um serviço próprio, com produções originais que começam a dar que falar. Ainda que a oferta seja reduzida em comparação a outros gigantes do streaming, há conteúdos que merecem a nossa atenção. Eis as melhores séries para ver na Apple TV+.

Recomendado: séries para ver em Fevereiro

As séries que tem de ver na Apple TV+

For All Mankind

Os apreciadores de histórias alternativas de ficção científica vão chamar um figo a esta série. For All Mankind passa-se num mundo em que foi a URSS a primeira a chegar à Lua e não os EUA, e a corrida ao espaço entre estas duas superpotências nunca terminou, tal como a Guerra Fria. Ambos os países continuam a apostar a fundo na exploração do cosmos, envolvendo as mulheres e as minorias étnicas no processo.

Little America

A produção original da Apple criada por Lee Eisenberg (The Office), Alan Yang (Master of None),  Emily V. Gordon e Kumail Nanjiani (The Big Sick) baseia-se num conjunto de artigos publicados na Epic Magazine, sobre as vidas de imigrantes nos Estados Unidos e a forma como o país os recebe. Em episódios de meia hora, conhecemos as histórias de personagens ora fascinados ora desiludidos com a América – desde os ano 1960 até à última década.

Publicidade

O Mundo do Snoopy

Protagonizada pelos míticos personagens de Charles M. Schulz, a nova série de animação leva-nos ao mundo imaginado do beagle mais famoso do mundo, no qual tão depressa pode ser um piloto britânico da Primeira Guerra Mundial como um escritor. A série original da Apple dá vida às aventuras de Snoopy e de Charlie Brown, o seu dono, de quem nunca Snoopy se lembra do nome.

Servant

M. Night Shyamalan produziu e realizou os primeiros episódios desta série de mistério e terror. Dorothy e Sean Turner são um casal de Filadélfia enlutado após uma tragédia indescritível que os atingiu e que, além de corroer o seu casamento, abre a porta a uma força misteriosa que lhes entra casa adentro, na pessoa de uma jovem ama seca. Com Lauren Ambrose, Toby Kebbell, Nell Tiger Free e Rupert Grint.

Publicidade

Ted Lasso

Tudo começou quando, em 2013, a NBC Sports lançou uma campanha televisiva a anunciar a compra dos direitos de transmissão da Premier League nos Estados Unidos. Jason Sudeikis encarnava o personagem de Ted Lasso, um treinador de futebol americano que, de repente, se via a braços com o comando técnico do Tottenham. Passado uns anos, a Apple decidiu pegar em Lasso e desenvolver a história. Criada pelo próprio Sudeikis e por Bill Lawrence (Médicos e Estagiários), a série mostra-nos as aventuras e desventuras de Lasso, quando este assume o cargo de treinador principal do AFC Richmond, uma equipa fictícia (inspirada no Crystal Palace, diz-se) da principal divisão do futebol inglês.

The Morning Show

Com Reese Witherspoon, Jennifer Aniston e Steve Carell,  a série lançada em 2019 tem por base o livro homónimo de Brian Stelter sobre um daqueles programas televisivos matinais que em tempos dominou as audiências, mas que agora tenta sobreviver depois de um dos pivôs (Carell) ser afastado, acusado de assédio sexual. Aniston mantém-se como apresentadora e para o lugar de Carell entra Witherspoon. The Morning Show leva-nos aos bastidores da televisão, ao mesmo tempo que traz o movimento #MeToo para a conversa. Sempre actual, portanto.

Publicidade

Truth Be Told

Criada por Nichelle D. Tramble e baseada no livro homónimo de Kathleen Barber, a série protagonizada por Octavia Spencer, Aaron Paul e Lizzy Caplan providencia um olhar sobre o mundo dos podcasts de true crime nos Estados Unidos. Poppy Parnell (Octavia Spencer), uma podcaster, é chamada para investigar o caso de Warren Cave (Aaron Paul), acusado de matar um homem. À medida que a investigação avança, Parnell é obrigada a pôr em causa a inocência ou a culpa desse homem. Cave afirma, contudo, que foi incriminado.

Visible: Out on Television

A minissérie documental original da Apple debate a representação da comunidade LGBTQ+ na  televisão, quer seja à frente ou atrás das câmaras. Ryan White divide a narrativa em momentos-chaves, recorrendo a arquivos e a entrevistas de elementos desta comunidade no mundo da TV. Um testemunho vibrante de uma comunidade que se sente invisível numa indústria repleta de telhados de vidro.

Mais streaming

'Gambito de dama'
Foto: Netflix

As 46 melhores séries na Netflix

Filmes

Chegou timidamente aos nossos ecrãs mas hoje seria difícil imaginarmo-nos sem ela. Entre conteúdos originais de grande qualidade e outros que foram aproveitados (ou mesmo ressuscitados), a Netflix parece não querer abrandar no número de entretenimento disponibilizado e está, continuamente, a trazer-nos apostas dignas de binge watching.

The cast of Stan show It's a Sin applauding in '80s attire
Photograph: Supplied/Stan

As 34 séries da HBO que tem de ver

Filmes

Desde que chegou a HBO (para não falar nos outros serviços de streaming que apareceram entretanto) ficou ainda mais complicado gerir a agenda – e não falamos apenas da vida social, mas do calendário de estreias de séries. A pensar nisso, fizemos-lhe uma selecção das séries na HBO que vale a pena ver e que nunca o farão perder tempo. Recuperamos os clássicos que não pode perder e as novidades que têm dado que falar.

Publicidade
Fleabag
Amazon

As melhores séries originais da Amazon Prime

Filmes

No mundo das plataformas de streaming e da criação de conteúdos originais, há muitas opções por onde escolher. A Amazon lançou o seu serviço pago de streaming de séries e filmes em Portugal, em 2016, e continua a conquistar novos assinantes e a apostar na criação de conteúdos originais feitos e protagonizados por nomes sonantes. 

Recomendado

    Também poderá gostar

      Também poderá gostar

        Publicidade