Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Fortaleza do Guincho: no quentinho de um forte

Atenção, continuamos a tentar dar-lhe a informação mais actualizada. Mas os tempos são instáveis, por isso confirme sempre antes de sair de casa.

fortaleza do guincho
©Cátia Barbosa

Fortaleza do Guincho: no quentinho de um forte

Dentro desta fortaleza não há frio, nem sinal de ventania, e se quer dormir ao som das ondas vai ter de abrir as janelas

Por Catarina Moura
Publicidade

Antes de fazer check-in na Fortaleza do Guincho esteja seguro de quantos minutos são precisos para que os seus ovos quentes fiquem no ponto ideal. Ao pequeno-almoço – para muitos o ponto alto da experiência de um hotel – confrontaram-nos com esta pergunta e uma mera descrição da gema líquida não chegou.

O serviço de sala atencioso, tanto ao pequeno-almoço como ao almoço e jantar (quando entra em acção a carta de Miguel Rocha Vieira, o chef que tem uma estrela Michelin neste restaurante), é um dos pontos de maior conforto de toda a experiência do hotel. À boa maneira da fortaleza do século XVII em que estamos, não há serviços de spa ou piscina, mas antes uma grande relação com o mar.

 

fortaleza do guincho
fortaleza do guincho
CATIA BARBOSA

A ideia romântica de ir dormir a ouvir as ondas a bater e o vento a uivar não se vai necessariamente concretizar: dentro dos quartos não se ouve nada – há que abrir os vidros duplos e sofrer as consequências da temperatura exterior. Mas uma chaise longue numa espécie de pequena marquise existente em alguns quartos poderá compor o cenário, até porque tem por lá uma manta estrategicamente colocada.

De resto, todo o ambiente remete para o luxo de um forte antigo, com o chão de tijoleira escura, carpetes decoradas, cortinados pesados nas janelas. Mesmo as entradas dos quartos, reunidas numa espécie de claustro interior, têm um ar antigo – portas baixas em tábuas de madeira dão acesso a cada quarto, alguns de frente para um pátio onde há espreguiçadeiras.

 

fortaleza do guincho
fortaleza do guincho
Pedro Sampayo Ribeiro

O forte desta fortaleza está na cozinha com o mesmo nome. O restaurante ganhou uma estrela em 2001 e assim se mantém até hoje – na altura com uma poderosa influência da escola francesa, agora com uma grande inspiração no mar, mesmo ali a dois passos, nos produtos da zona – Gil Fernandes, sous-chef, costumava ir para as dunas apanhar ingredientes para fortalecerem o processo criativo da equipa, e a sobremesa Dunas do Guincho ganhou o seu lugar na ementa.

Não será surpreendente que o horário marcado para a refeição nesta sala forrada a carpete e com vista para o oceano seja para respeitar rigorosamente. Se falhar, é provável que perca o lugar, se chegar a tempo, o que o espera é uma viagem pela gastronomia portuguesa, dos snacks que imitam coisas como a popular secagem de peixe ao sol, à homenagem ao porco (na foto), ou à sopa da pedra reinterpretada, com duas mãos de puré de feijão “que representam a dádiva”, conta-nos a equipa de sala, sempre pronta a contar mais histórias sobre cada prato.

Publicidade
fortaleza do guincho
fortaleza do guincho
DR

Um serviço atencioso

Hotéis Cascais

Nas salas ao lado, para os que não conseguiram lugar no restaurante, serve-se a carta de bar, com tábuas, hambúrgueres, petiscos como choco frito ou o saboroso esparguete de lavagante.

Ao pequeno-almoço a atenção da equipa é semelhante, embora a refeição seja muito mais terra a terra. O cuidado vai ao ponto de confirmarem com o cliente em quantos minutos farão o seu ovo quente. Para que não haja indecisões, se gosta de uma gema a escorrer, quatro minutos farão o serviço.

Plano de Fuga

Monte da Estrela
©DR

Monte da Estrela: há estrelas no Grande Lago

Hotéis Hotéis de charme

O pote estava lá. Estava lá, à espera que Brites Pires e a família o encontrassem. Ficaria na casa recuperada, para decoração, decidiram em conjunto em 2010, muito antes de saber que aquele terreno de 10 hectares seria mais do que um voltar às raízes. Hoje, o pote está no escurinho da adega do Monte da Estrela – e é lá dentro que se produzem  artesanalmente 600 litros de vinho por ano.

Lucky's Guest House: dormir à campeão

Hotéis

Abriu há pouco mais de seis meses e fica a 400 metros da estação de São João do Estoril, numa moradia onde funcionou o Consulado do Luxemburgo e que agora foi transformada numa espécie de hotel de charme muito bem disfarçado por fora. Lá dentro, o improvável.

Publicidade

Aqua Village Health Resort & SPA: luxo em família

Viagens

A diferença está nos detalhes e depressa percebemos porque é que o Aqua Village Health Resort & SPA, a poucos quilómetros de Oliveira do Hospital, foi considerado este ano o melhor hotel de luxo para famílias pelos Luxury Travel Awards, entregues pelo guia de luxo britânico Luxury Travel Guide.

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade