Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Uma piscina à beira-mar na Casa Xyza

Uma piscina à beira-mar na Casa Xyza

O nome da casa rima com Ibiza e não é por acaso. Fomos a Ferragudo, no Algarve, conhecer a história desta mansão de luxo

Casa Xyza
Casa Xyza
Por Ágata Xavier |
Publicidade

As filhas queriam reviver as férias em Ibiza. Os pais, Irene e Geurt Kets, acharam que melhor do que estar numa ilha dançante no meio do Mediterrâneo era estar com um pé em terra e outro no mar, em Ferragudo, zona piscatória que conheceram em 2015. A Casa Xyza é, no fundo, uma casa de família – quando calha a família ser numerosa, abastada e com bom gosto – que prima pela luminosidade, pelos apontamentos de bom design e linhas arquitectónicas modernas, e onde predominam o branco, o azul e os materiais naturais, numa decoração a cargo da designer de interiores Georgia de Vlieger. A sala de estar tem vista de praia – e tem também vista para a sala de jantar e para a cozinha, toda ela equipada (e tão luxuosamente que não vai conseguir evitar pegar nos tachos e panelas).

Recomendado: Os novos hotéis e renovados no Algarve

Casa Xyza

Os cinco quartos, cada um com uma casa de banho privativa, chegam bem para dez pessoas e uma criança, e todos têm acesso directo à escada que conduz à piscina. No exterior, há ainda espaço para um bar com um “balcão” em cimento simples e elegante, e uma lareira, ambos a convidar para um serão nocturno de copo de vinho na mão e céu estrelado a pairar sobre a cabeça. Há mais uma divisão exterior que se abre noutro terraço (estas tipologias são típicas da arquitectura algarvia), que tem a praia Grande no horizonte – o areal estende-se a 150 metros da Casa. É lá que irá ver, com toda a certeza, pôres-do-sol dignos de ficar na memória (na sua e na da sua máquina fotográfica).

Casa Xyza

Esta luxuosa villa algarvia com 800 metros quadrados contou com o projecto do ateliê StudioArte, que se divide entre Portugal (construindo essencialmente na zona do Algarve) e a Holanda, assinado por Arnold Aarssen, Joana Dalmau Pinto e Catarina Oliveira – com a reabilitação a estar concluída em 2017.

Como nem só de férias vive esta casa, fique a saber que também recebe retiros wellness (o último, por exemplo, aconteceu de 5 a 9 de Novembro e integrou aulas de yoga, aromaterapia, meditação com taças tibetanas, um workshop de cerâmica e caminhadas pela praia). Também os praticantes do desporto oficial do Algarve, o golfe, acabam por aqui ficar alojados enquanto combinam estratégias e fazem uma pausa nas tacadas.

Publicidade
Casa Xyza

GPS
Para comer
Vá até Portimão e sente-se à beira do rio Arade para experimentar os pratos regionais que Ana e Emídio servem no Faina (Rua D. Carlos I. 282 461 163), junto ao Museu da Cidade. Papinhas de lingueirão com chouriço (9,50€), atum à algarvia (€5,50), tiborna de polvo (€9) e mista de fritos do mar (16€) são alguns dos petiscos em destaque. Depois pode optar por dois tipos de gastronomia distintos: a tradicional da Taberna da Maré (Travessa da Barca, 9. 282 414 614) onde o dono Zeca Pinhota lhe dá a provar carapaus alimados, amêijoas gordinhas do Alvor ou uma deliciosa, e muito generosa, sopa de conquilhas; ou apostar na cozinha de fine dining de João Oliveira no Vista (Avenida Tomás Cabreira, Praia da Rocha. 282 460 280). Do Algarve, o chef usa as amêijoas, os crustáceos e a laranja; as lulas são dos Açores; o leitão vem da Bairrada: 95% da carta usa produtos nacionais. O Vista integra a edição de 2018 do Guia Michelin com o seu primeiro astro.

Para fazer
Visite a Quinta dos Vales, em Estômbar (Sítio dos Vales. 282 431 036), e fique a conhecer melhor esta família de origem alemã que combina vinho com arte. As provas começam nos três vinhos (por 13,35€ por pessoa) e podem culminar com um almoço ou jantar (a partir dos 35€ por pessoa). Não muito longe da Casa Xyza fica a praia de Benagil, com o algar mais famoso do país.

Hotéis

Casa Xyza

Como chegar
Siga pela A2 e apanhe a saída 6 da A22. Em Silves, vá pela N124-1 até Lagoa.

Preços
Casa a partir dos 1950€ por semana

Outras escapadinhas

Hotéis

Seis escapadinhas no interior de Portugal

Passeios pelas serras, trilhos para seguir (ou por descobrir), doses individuais servidas para saciar uma família de quatro pessoas e até praias fluviais para quem não consegue viver sem água, há de tudo na faixa do território nacional que mais se encosta a Espanha. Sugerimos seis escapadinhas que passam por Viseu, Travancinha, Portalegre, Vouzela, Sabugueiro e Elvas, entre turismos rurais, hotéis de charme, pousadas seculares ou casas no meio do nada. 

Herdade do Esporão
©DR
Coisas para fazer

Escapadinhas: sete sugestões de enoturismo no Alentejo

É sobretudo na planície dourada (mais seca e quente), mas também nos declives das serras (mais húmidos) que crescem as vinhas alentejanas — e cada terroir garante um sabor distinto aos vinhos. Com a região a ser demarcada em 1988, o Alentejo tornou-se numa das zonas mais ricas e interessantes em enoturismo. Conheça as nossas sugestões de enoturismo no Alentejo.

Publicidade
Quinta dos Murças
Rodrigo Simões Cardoso
Viagens

Sete sugestões de escapadinhas por Portugal

A Equipa Time Out adora a sua cidade do fundo do coração, mas às vezes sabe-lhe bem ir dar uma volta. Vai daí e fez uma selecção de sete hotéis onde a palavra de ordem é descansar. Seja em quartos com vista para o Douro, em casas nas árvores ou em tendas de luxo, seja para entrar em casas modernas de inspiração nórdica, num spa desenhado por Álvaro Siza ou provar um menu de Ljubomir Stanisic, são várias as sugestões que encontrámos para que possa passar uns dias longe de tudo.

Publicidade