A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Beat Bugs
Beatles para miúdos? Sim, na Netflix infantil, com Beat Bugs

Netflix infantil: 18 filmes e séries para entreter os miúdos

Os adultos estão autorizados a sentar-se no sofá com os miúdos para ver estes filmes e séries infantis na Netflix.

https://media.timeout.com/images/105796494/image.jpg
Escrito por
Vera Moura
e
Raquel Dias da Silva
Publicidade

Um bocadinho de televisão nunca fez mal a ninguém, muito menos agora que temos todos de ficar em casa (o confinamento geral está de volta e é preciso ser forte). A Netflix tem uma secção dedicada aos mais novos com milhares de títulos para todas as idades. Desde os grandes êxitos de gigantes como a Dreamworks até produções próprias da plataforma de streaming e filmes e séries de produtoras mais pequenas e alternativas. Se a energia é tanta que a casa já está virada do avesso, passe-lhes o comando da televisão e deixe-os escolher entre estes filmes e séries.

Recomendado: Filmes de animação que ganharam um Óscar

Netflix infantil: 18 filmes e séries para entreter os miúdos

Nesta série inspirada nos livros de Jill Murphy, que já vai na quarta temporada, a protagonista é Mildred Hubble, uma menina de dez anos obcecada por fantasias imaginárias que, depois de ajudar uma bruxinha a voltar para a Academia Cackle, acaba por descobrir que também tem poderes especiais.

Nunca é cedo demais para os introduzir no admirável mundo dos Beatles. Esta série de animação australiano-canadiana já tem três temporadas, e alguns episódios especiais, e acompanha as aventuras de cinco adoráveis insectos que todos os episódios aprendem uma lição à boleia das canções inesquecíveis da banda britânica dos anos 60. Sempre com convidados como Eddie Vedder.

Publicidade

Nesta série de acção e aventura, Carmen Sandiego é uma orfã atrevida que entra na Academia VILE, uma escola para ladrões. E a rapidez com que faz amigos é praticamente a mesma com que cria inimigos. Mas não se deixem enganar: mestra na arte de roubar, a sua verdadeira missão é viajar pelo mundo para acabar com todos os planos maléficos.

Bali, Fani, Kiko e Lulu são um canguru, um elefante, um panda e uma chita – os protagonistas desta série americana para bebés. A ideia é ajudar os pequenotes a desenvolver competências sociais e o vocabulário de forma descontraída e divertida. A Netflix tem as quatro primeiras temporadas disponíveis.

Publicidade

Harry Potter chegou à Netflix no início de 2019. E chegou com tudo, que é como quem diz, com todos os filmes da saga. São oito e merecem uma maratona em família, para descobrir (ou relembrar) as aventuras do jovem feiticeiro mais famoso do planeta.

Esta é uma animação baseada no romance gráfico homónimo de Luke Pearson. Produzida pela Silvergate Media e a Mercury Filmworks, esta série exclusiva da Netflix conta a história da aventureira Hilda, uma miúda de cabelos azuis que, com a sua raposa Twig, viaja da sua casa, num vasto deserto mágico cheio de elfos e gigantes, para a agitada cidade de Trolburgo, onde encontra novos amigos e criaturas misteriosas. Vencedora de um prémio BAFTA de animação em 2019, a primeira temporada está disponível no original, em inglês, e na versão dobrada. A segunda temporada também já estreou.

Publicidade

Nomeada para um Óscar, esta é a primeira longa-metragem de animação original Netflix. Realizada pelo espanhol Sergio Pablos (Gru – O Maldisposto), com Carlos Martínez López, a partir de um argumento de Jim Mahoney e Zach Lewis, pretende reimaginar a origem do Pai Natal e conta com César Mourão, Mia Rose e Luís Mascarenhas na versão dobrada para português. Os protagonistas são um carteiro egoísta e um solitário fabricante de brinquedos que, através de uma amizade improvável, vão levar alegria e entusiasmo ao lugar mais frio, sombrio e infeliz do mundo.

Uma produção original da Netflix que adapta a famosa série de livros The End e conta a história de três irmãos órfãos, Violet, Klaus e Sunny Baudelaire, a tentar sobreviver à perseguição do Conde Olaf – interpretado por Neil Patrick Harris – que quer a fortuna das crianças. Vale muito a pena pelos cenários e guarda-roupa, que transportam a família inteira para um ambiente de sonho – neste caso, de pesadelo.

Publicidade

Nesta série muito actual e divertida, os protagonistas são Grizzly, Panda e Ice Bear, três ursos adoptados que têm de contrariar o seu instinto animal para se adaptarem ao mundo humano, moderno e civilizado.

Nem só de desenhos animados fofinhos vive a Netflix infantil. O Nosso Planeta é uma série de oito episódios para maiores de sete anos com paisagens de cortar a respiração e imagens incríveis de animais raros. A mensagem está lá e é bem séria: o impacto do Homem no habitat natural destas espécies é irrecuperável – e está nas mãos dos miúdos tornar o nosso planeta um lugar melhor para todos (sobre)viverem.

Publicidade

Esta série de fantasia de animação foi criada para a Netflix por Aaron Ehasz e Justin Richmond e produzida pela companhia Wonderstorm. Com três temporadas disponíveis, conta como os irmãos e príncipes humanos Callum e Ezran começam uma inesperada parceria com Rayla, uma elfa assassina enviada para matá-los, para encontrarem paz para os seus reinos em guerra.

Baseado na série de livros homónima, que conta com mais de um milhão de exemplares vendidos, este original da Netflix mostra como um aguerrido adolescente orfão sobrevive ao apocalipse com a ajuda dos seus amigos, depois de zombies e monstros invadirem a sua cidade. Com três temporadas, a primeira tem apenas um episódio com pouco mais de uma hora e as seguintes têm dez episódios com cerca de 23 a 24 minutos cada.

Publicidade

Nomeado para os prémios César, este filme de animação francês, realizado por Juan Antin, conta a história de um corajoso rapaz, que sonha ser xamã e parte numa arriscada missão para recuperar uma estátua sagrada que foi roubada da sua aldeia.

Como funciona um computador? Quantas espécies de animais há no mundo? Como se constipam as pessoas? Estas são algumas das perguntas (difíceis) que os miúdos têm a mania de fazer – e que nem sempre os pais sabem responder. Os pequenos Storybots estão cá para isso e tentam fazê-lo em apenas meia hora e sem dar secas às crianças. Esta série infantil mistura animação com pessoas reais – algumas delas bem conhecidas, como Snoop Dogg a interpretar um sistema operativo, Christina Applegate a fazer de dona de uma pastelaria, ou Edward Norton a encarnar um vendedor de equipamento eletrónico.
Publicidade

Esta aventura de animação da Dreamworks, nomeada para um Óscar de Melhor Filme de Animação em 2003, conta a história de Spirit, um cavalo selvagem nascido nas pradarias do Velho Oeste. Capturado por um grupo de oficiais de cavalaria cruéis, entra pela primeira vez em contacto com humanos, mas recusa-se a ser domado, mesmo depois de travar amizade com um jovem guerreiro Lakota. Continuando sempre a sonhar com a liberdade, o protagonista não perde a esperança de um dia regressar a casa e à sua manada. No final, se os miúdos ficarem com vontade de ver mais aventuras do Spirit, podem lançar-se às quatro temporadas da série Spirit: Riding Free.

Numa época em que ainda não são super-heroínas, estas super-adolescentes (Wonder Woman, Supergirl, Bumblebee, Batgirl, Zatanna e Jessica Cruz) lidam com a vida de estudantes do secundário, vivem paixonetas e, claro, combatem o crime. 

Publicidade

Esta série de animação acompanha a história de Steven, que vive com as guardiãs mágicas Crystal Gems. Enquanto elas o treinam para salvar o mundo, abordam-se questões importantes como a representatividade, o empoderamento feminino e a orientação sexual. Uma das séries mais progressivas da Netflix infantil, para ver com miúdos com mais de sete anos.

O filme mais colorido da Dreamworks, nomeado para os Óscares e os Globos de Ouro em 2017, já não está disponível na Netflix. Mas há esta série, com quatro temporadas de paz na Vila Troll, que a Rainha Poppy comemora com festas, competições e eventos especiais.

Especial Famílias

  • Miúdos

Ver televisão o dia inteiro está fora de questão – mas também não seja intransigente, um episódio por dia nem sabe o bem que lhes fazia (a eles e ao pais!). Entre leituras, pinturas, cozinhados e trabalhos manuais, o que não falta são coisas para fazer com os miúdos dentro de casa. Boa sorte!

  • Miúdos

 A frustração de não poder ir ao jardim, aos baloiços ou aos avós é difícil de gerir e a ansiedade e inquietação vão crescendo. A pensar nisso tudo, e a lutar também deste lado por uma nova normalidade, fomos à procura de ideias para entreter as crianças. Uma actividade diferente por dia pode ser o segredo para manter a família unida e feliz. Preparados? 

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade