Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Dez discos para ouvir até ao final do ano

Dez discos para ouvir até ao final do ano

Há muita música para ouvir até ao final do ano. Estas são algumas das edições que se arriscam a ficar nos nossos ouvidos

Publicidade
Lana Del Rey
Photograph: Nicole Nodland Lana Del Rey

Lover, de Taylor Swift, inaugurou oficialmente a rentrée discográfica no passado dia 23 de Agosto. E entre agora e Novembro vamos ouvir alguns dos discos mais aguardados do ano. De Norman Fucking Rockwell, o novo álbum da cantora e compositora pop Lana Del Rey, com edição marcada para 30 de Agosto, a War Music, dos suecos Refused, que sai a 18 de Outubro, passando pelos novos trabalhos de Iggy Pop, dos Pixies ou das recentemente reunidas Vivian Girls, todos em Setembro, estes são alguns dos discos que mal podemos esperar para ouvir.

Recomendado: Os melhores concertos em Lisboa esta semana

Os discos para ouvir até ao final do ano

Lana Del Rey - Norman Fucking Rockwell

30 de Agosto

Quase um ano depois do lançamento dos primeiros singles, “Mariners Apartment Complex” e “Venice Bitch”, partilhados em Setembro passado, a cantora americana vai finalmente lançar o novo álbum. A sua pop continua melancólica e anacrónica.

Iggy Pop - Free

6 de Setembro

O anterior Post Pop Depression era um disco de rock como deve ser. Mas o novo Free é um animal diferente. Iggy Pop descreve-o como um álbum "sombrio e contemplativo" e, de facto, as faixas que já ouvimos têm pouco ou nada de rock.

Publicidade

Pixies - Beneath the Eyrie

13 de Setembro

Os cinco discos dos Pixies editados em 1987 e 1991 são obras-primas. Porém, tudo o que gravaram desde que se reuniram fica muito aquém do que fizeram no início da carreira. O novo Beneath the Eyrie é mais uma tentativa de recuperar a magia dos primeiros anos.

Devendra Banhart - Ma

13 de Setembro

Hoje, Devendra Banhart pode não comandar a atenção mediática que comandava no início do século, mas continua a ser um escritor de canções irrepreensível e a fazer grandes discos. Como parece ser o caso do novo Ma.

Publicidade

Mudhoney - Morning In America

20 de Setembro

Um ano depois da edição de Digital Garbage, um belíssimo disco de garage-punk, os pioneiros do grunge estão de volta às lojas. Morning In America é um EP de sete faixas gravado durante as mesmas sessões que o álbum de 2018.

Vivian Girls - Memory

20 de Setembro

O regresso das Vivian Girls foi uma das boas notícias deste Verão. E se o resto das faixas de Memory estiver à altura da imperfeita perfeição noise-pop “Sick” e “Something To Do” pode ter sido uma das melhores notícias da estação.

Publicidade

Angel Olsen - All Mirrors

4 de Outubro

A cantora/compositora Angel Olsen escreve canções intemporais. É como se as conhecêssemos desde sempre, apesar de o seu primeiro disco ter saído no início desta década. O próximo, All Mirrors, chega em Outubro.

Wilco - Ode To Joy

4 de Outubro

No activo há 25 anos anos, os Wilco são uma referência da alt-country e do indie rock americanos. O novo álbum, Ode To Joy, chega em Outubro, três anos depois do anterior Schmilco.

Publicidade

Kim Gordon - No Home Record

11 de Outubro

Durante três décadas, Kim Gordon foi um dos pilares dos Sonic Youth, ao lado do ex-marido Thurston Moore e de Lee Ranaldo, e ajudou a edificar o indie rock americano. Agora prepara-se para lançar o primeiro álbum a solo.

Refused - War Music

18 de Outubro

The Shape of Punk to Come é um dos melhores discos de punk/hardcore de sempre. E por isso a separação dos Refused, pouco depois da sua edição, foi um murro no estômago. Entretanto reuniram-se, mas o primeiro novo disco juntos, Freedom (2015), foi uma desilusão. O novo, garantem, vai ser melhor.

Rentrée 2019

MAAT
Fotografia: Arlindo Camacho
Coisas para fazer

A agenda cultural de Lisboa que não pode perder

Pode odiar muitas coisas em Lisboa, até reconhecemos que a nossa cidade tem uma série de defeitos, mas se há coisa de que não se pode queixar é da agenda cultural. É ela que o obriga a sair porta fora quando a vontade de saltar do sofá é igual a zero. Os programadores culturais acabam-lhe com a letargia do corpo para poder aproveitar a cidade ao máximo, sobretudo no que diz respeito às exposições espalhadas por museus e galerias de Lisboa e aos espectáculos de teatro, dança ou comédia. Aproveite o recheio desta agenda cultural de Lisboa e faça-se ao piso.

The New Pope
Gianni Fiorito/HBO
Filmes

Séries que tem de ver até ao final do ano

Com a quantidade de material que todos os dias chega à indústria é bastante plausível que estejamos a atravessar uma das fases mais profícuas no que ao conteúdo de ficção diz respeito. Regressos há muito esperados, despedidas difíceis e novidades que prometem ser boas. Por agora, deixamos-lhe estas séries que tem de ver até ao final do ano para não perder a carruagem do que vale realmente a pena. Do mistério à comédia, com muitos ou poucos efeitos especiais, motivos não faltam para que o sofá passe a servir de melhor amigo nos próximos meses.

Publicidade