A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Periferias: Festival de Artes Performativas
©DRFestival Periferias, edição de Outono

A dança e o teatro de marionetas vão a Sintra com o festival Periferias

A edição de Outono do Periferias – Festival de Artes Performativas acontece em vários palcos de Sintra entre os dias 11 e 14 de Novembro com dança e teatro de marionetas.

Escrito por
Renata Lima Lobo
Publicidade

Organizado pelo Centro de Difusão Cultural Chão de Oliva, o festival Periferias reinventou-se em 2021 para se apresentar num formato diferente chamado Periferias 4 Estações. Começou com o Periferias Primavera que aconteceu em Abril com espectáculos online de teatro, poesia, música e conversas, depois no Verão voltou ao mundo analógico com concertos ao ar livre, na Quinta da Ribafria, e agora está de regresso para o terceiro momento com uma edição de Outono dedicada à dança e também ao teatro de marionetas, numa programação pensada para todas as idades.

O festival arranca na quinta-feira, 11, e às 11.00, na Sociedade Recreativa Assaforense com o teatro de marionetas Fios Mágicos, do marionetista Rui Sousa, um solo de manipulação com quadros bem diferentes, como “apresentações de um músico de rock, um macaquinho com ambições maiores que a sua realidade, um vampiro apaixonado por uma morta-viva”, entre outros sketches, explica a organização.

No mesmo dia, ao final da tarde, o palco deste festival descentralizado muda-se para o Salão Nobre da Junta de Freguesia de Casal da Cambra, onde vai ter lugar um dos destaques deste Periferias outonal: Baile Louco, por Jácome e Concórdia, um espectáculo de dança que propõe uma viagem no tempo por diferentes épocas e estilos de dança. Outro momento alto da programação acontece na tarde de sábado, dia 13, no Museu de Odrinhas, com a companhia espanhola La Estrella e o espetáculo de marionetas Les Magnificus que conta a história de uma família que viaja pelo mundo há mais de 2000 anos.

Destaque ainda para duas apresentações de Robertos, o nome dos fantoches de luvas em Portugal e figuras que fazem parte da tradição popular portuguesa do itinerante teatro de marionetas. A primeira acontece também com Rui Sousa, mas pelas 11.00 sábado, 13, no Coreto em Montelavar, onde serão contadas as histórias “O Barbeiro” e “A Tourada à Portuguesa”. O marionetista regressa no domingo, 14, com mais Robertos na Feira de São Pedro de Penaferrim, às 12.00. No mesmo dia, às 16.00, esta edição de Outono termina no Centro Histórico de Sintra, com o espetáculo de dança Onde nós nos encontramos, de Valentina Parravicini, “uma celebração do momento presente e da possibilidade de diálogo entre diferentes linguagens”.

Os espetáculos são de entrada livre, excepto Les Magnificus (2,50€) e Body Lost, na Casa de Teatro de Sintra (5€). Para não perder o lugar, deve fazer uma reserva através do número 21 923 3719. A programação completa está disponível no site oficial e nas redes sociais do Chão de Oliva.

+ Leia já, grátis, todas as edições digitais da Time Out Portugal

+ Agarre este Momentus: festival de dança vai dar baile ao Capitólio

Últimas notícias

    Publicidade