A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Rejjie Snow
DR

Festival ID No Limits volta a ser empurrado na agenda para Abril de 2021

Quem é portador de bilhete para o festival não terá de fazer trocas, uma vez que são válidos para a edição do próximo ano.

Por
Francisca Dias Real
Publicidade

O pára-arranca no calendário de eventos já se tornou num hábito em tempos pandémicos e desta vez a vítima é o ID No Limits. O festival estava reagendado para Novembro mas a organização anunciou esta terça-feira, 29, que volta a saltar na agenda para 9 e 10 de Abril de 2021. 

A segunda edição do festival estava prevista acontecer ainda em Abril deste ano mas, devido ao confinamento, foi empurrada para Novembro. O novo adiamento para o próximo ano prende-se com a decisão do Conselho de Ministros de 24 de Setembro que estende até ao final de 2020 a proibição de festivais e espectáculos de natureza análoga em recinto coberto ou ao ar livre.

O festival de música electrónica e urbana que acontece no Centro de Congressos do Estoril, mantém grande parte do seu cartaz com nomes como Rejjie Snow e Kelsey Lu à cabeça, e outros como Coucou Chloe, Biig Piig, Lhast, Chong Kwong, PEDRO, Shaka Lion Live Act, Holly, Shapednoise & Pedro Maia Live A/V, L-Ali A/V Vulto, Carla Prata, Vaarwell, Trikk, Ornella, Inês Duarte, DJ Adamm, Co$tanza e Zé Ferreira.

Na Cascais Silent Disco, estarão também Progressivu, Von Di, Matilde Castro e King Kami, e no palco Esquina há Best Boy Grip e Maddruga. Para reforçar a dimensão artística do festival haverá ainda uma instalação dos 00:NEKYIA & Multa Collectives. A organização prevê anunciar novas confirmações em breve. 

Os bilhetes que foram emitidos para as edições de 3 e 4 de Abril de 2020 e para a posterior data de 13 e 14 de Novembro serão válidos nesta nova edição de 9 e 10 de Abril, sem ser necessário fazer trocas. Para os portadores de bilhetes que desejarem reembolso terão direito à emissão de um vale de valor igual aos dos bilhetes que pode ser solicitado no local onde os adquiriu. 

Os bilhetes custam 40€ (diário) e o passe de dois dias fica por 45€ (até 8 de Abril 2021) ou 55€ (a partir de 9 de Abril 2021).

+ Muñoz Carmona: nova galeria no Bairro Alto abre com exposição sobre a mão humana na natureza

+ Maat celebra 4.º aniversário com três dias de entrada livre com visitas, oficinas e música

Últimas notícias

    Publicidade