Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Os melhores sítios para comprar bolo-rei em Lisboa
bolo rei fatias
Fotografia: Ana Luzia

Os melhores sítios para comprar bolo-rei em Lisboa

É presença obrigatória em qualquer mesa portuguesa nesta altura do ano. Fique a conhecer os melhores bolos-rei de Lisboa.

Por Inês Garcia
Publicidade

Por esta hora já deve ter começado as festividades natalícias e empanturrado umas quantas de fatias de bolo-rei. Este bolo redondo com um buraco no centro já não tem fava nem pequena figura de loiça (diz que era coisa capaz de engasgar quem o comesse por engano), mas continua a ser uma tradição querida da época. Popularizou-se em Portugal no século XIX, seguindo uma receita originária do sul de Loire, que ainda hoje se mantém. Este bolo é em forma de coroa e feito de massa lêveda. Consta que a primeira casa a vendê-lo foi a Confeitaria Nacional, que se mantém firme na lista dos melhores sítios para comprar o bolo-rei. 

Recomendado: Rei ou Rainha? Estes bolos fogem do tradicional para celebrar um Natal diferente

Os melhores sítios para comprar bolo-rei em Lisboa

Alcoa
Alcoa
Fotografia: Arlindo Camacho

Pastelaria Alcôa

Restaurantes Chiado

Durante a quadra natalícia, os bolos-reis (23,50€/kg) e rainhas competem por atenção na vitrine, lado a lado com as cornucópias, mimos de freira, pudins de São Bernardo, torrões reais, queijinhos do céu, coroas de abadessa e castanhas de ovos que brilham o ano todo. Há também uma versão de bolo-rei recheado (34,50€/kg). Este ano há uma novidade que certamente lhe dará jeito nestes tempos: fazem entregas ao domicílio, entre as 12.00 e as 17.00, no concelho de Lisboa. Tem apenas de fazer a sua encomenda por WhatsApp (96 107 3040) até às 16.00 para ser entregue no dia seguinte.

bolo rei confeitaria nacional
bolo rei confeitaria nacional
Fotografia: Ana Luzia

Confeitaria Nacional

Restaurantes Cafés Baixa Pombalina
Foi graças à Confeitaria Nacional que o bolo-rei chegou a Lisboa. Corria o ano de 1870 e o dono da pastelaria à época, o Sr. Castanheira, de viagem a Paris, descobriu-o, provou-o e trouxe-o para a cidade. A receita é secretíssima, mas famosa pela massa húmida e pela fruta cristalizada sem corantes (19,90€/kg). Este ano estão a fazer entregas através da plataforma Glovo e o bolo-rei vem numa lata toda catita, daquelas para coleccionar (24,50€, mais 1,99€ de taxa de entrega).
 
Publicidade

O Grão de Cacau

Carolina Ribeiro regressou com a sua Grão de Cacau à Kitchenette e por lá se mantém até dia 24. Entre a oferta natalícia com troncos de Natal de matcha ou gengibre, cookies carregadinhas de chocolate, broas castelares e outras fornadas do dia, brilha o bolo-rei, rico em frutos secos e frutas cristalizadas como manda a tradição. É aromatizado com laranja, limão e canela (500 g/10€, 1 kg/20€). Também tem as versões rainha (com frutos secos), princesa (com chocolate e avelãs caramelizadas), duquesa (maçã, nozes pecan e caramelo salgado) e condessa (com speculoos), todos com a mesma base do bolo-rei. Aceita encomendas até dia 21, que podem ser levantadas nas Olaias, na Kitchenette (Campo de Ourique) ou entregues nos dias 22 e 23 no concelho de Lisboa.

No Instagram. 93 114 7381

Bolo rei careca
Bolo rei careca
Fotografia: Ana Luzia

Pastelaria Restelo – “O Careca”

Restaurantes Cafés Belém

Nem só de croissants vive O Careca. A receita do bolo-rei tem mais de 50 anos, tem fama no bairro e arredores e ganhou uma prova cega de bolos-rei feita pela Time Out há um par de anos. É habitualmente confundido com o bolo-rainha, pelo excesso de frutos secos e pela simplicidade na cor das frutas cristalizadas, mas é o rei que quer sentar à sua mesa este Natal (19€/kg). Pelo caminho traga também croissants e palmiers, que nunca são demais. 

Publicidade
Bolo Rei - Pastelaria Garrett
Bolo Rei - Pastelaria Garrett
©DR

Garrett do Estoril

Restaurantes Pastelarias Cascais
Aproveite os dias sem restrições entre concelhos para se enfiar no carro e seguir viagem até ao Estoril em busca deste bolo-rei. A massa é fofa, as frutas cristalizadas têm qualidade e a sua distribuição pelo bolo, a par dos frutos secos, é bem equilibrada (23,70€/kg).
Padaria da Esquina
Padaria da Esquina
©Duarte Drago

Padaria da Esquina

Restaurantes Padarias Campo de Ourique

A Padaria da Esquina de Mário Rolando e Vítor Sobral está recheada de bons produtos para este Natal (isto sem falar do pão, que se quer que esteja na sua mesa na Consoada, convém ir comprá-lo cedo). O bolo-rei é feito, como mandam as regras desta casa, com massa-mãe e fermentação longa, o que garante que vai estar bom no dia, no dia a seguir e uns quantos dias a seguir (se sobrar). Leva frutas cristalizadas, passas e frutos secos. Pode comprar de 500 gramas (13,25€) ou 1kg (23,50€).

Publicidade
moço dos croissants
moço dos croissants
©DR

O Moço dos Croissants

Restaurantes Pastelarias Campo de Ourique

O Moço dos Croissants, o chef Manel Perestrelo, tem uma oferta natalícia forte onde não poderia faltar, claro, o bolo-rei. Tem, como manda a tradição, fruta cristalizada (mas da boa e em doses equilibradas) e é douradinho (19,50€/kg). Há também bolo rainha, panetones recheados e um decadente bolo de rabanadas, bem guloso.

Bénard

Restaurantes Chiado

Tem uma massa leve, bem fermentada e recheada de frutos secos e frutas cristalizadas. Por fora é a mesma decoração elegante que se encontra nos reizinhos, na vitrine por esta altura. 

Preço: 18,95€/kg

Publicidade
Eric Kayser
Eric Kayser
DR

Eric Kayser

Restaurantes Padarias Lisboa

A pastelaria francesa Eric Kayser é daquelas que nunca falha esta época e tem encomendas abertas para toda a sua oferta clássica. A massa do bolo-rei é feita com massa mãe, à semelhança do pão da casa, e repousa durante várias horas, para o tornar leve. É uma simbiose entre "a massa brioche tipicamente francesa e a massa brioche portuguesa", descrevem, e leva frutos cristalizados como manda a regra do doce (19€). Há também bolo rainha (20,50€) e a jóia galette des rois, o bolo com massa folhada e recheio de frangipane, uma tradição dos países francófonos que se tornou muito querida por cá. Os três bolos têm versões em miniatura e também pode encomendar através da plataforma Uber Eats.

Leitaria Lisboa

Restaurantes Cafés Avenida da Liberdade/Príncipe Real
A Leitaria Lisboa está a aceitar encomendas de Natal. O bolo-rei tradicional pesa aproximadamente 800 gramas (14,50€) e tem frutas cristalizadas equilibradas. Há também rainhas (15,50€) e outros elementos da família mais modernos, com recheios de caramelo salgado e erva-príncipe ou chocolate.

Lisboa doce

Bolos, Tronco de Natal, Ritz Delicatessen
©Gabriell Vieira

Os melhores troncos de Natal em Lisboa

Restaurantes Pastelarias

Os troncos de Natal não são tradição portuguesa. É uma sobremesa típica em França ou na Bélgica nesta altura do ano e, na sua versão mais tradicional, a sua aparência é o mais próxima possível de um tronco de lenha (afinal, representa um hábito da quadra, em que as famílias se reuniam em volta da lareira para ouvir histórias e entoar cânticos de Natal enquanto um enorme tronco queimava). Mas por cá os troncos de Natal já se juntaram às rabanadas, azevias, sonhos, fatias douradas, coscorões e bolos-reis para agradar aos mais esquisitos ou adoçar ainda mais a quadra com novos sabores. Provámos e aprovámos estes sete troncos. Trate já das encomendas para a sua mesa de Natal nestes cafés e pastelarias com os melhores troncos de Natal em Lisboa.

Bolo-Rei da Confeitaria Nacional
Fotografia: Melissa Vieira

Quinze sítios perfeitos para um lanche natalício em Lisboa

Restaurantes

Por esta altura em 2019, o mais certo era a agenda estar carregadinha de jantares de Natal. Em 2020 o mundo mudou mas devemos manter tradições, para o bem da nossa saudinha mental. Com mais cuidados, menos pessoas à volta da mesa, máscaras no rosto e o distanciamento social correcto, marque um lanche para fazer aquela troca de presentes com o amigo secreto (se precisar de ideias temos umas quantas aqui). Um chocolate quente e uma fatia de bolo-rei, um chá e um sonho ou um dónute e um café de especialidade quentinho fazem o repasto. Reunimos os sítios ideais para um lanche natalício em Lisboa, onde há pastelaria sem fim, fritos típicos da quadra (venham as rabanadas e as filhoses) e outros doces especiais, em restaurantes e pastelarias decoradas a rigor (com menos lugares para sentar e mesas mais espaçadas, mas as luzinhas a aquecerem a alma e levantar o astral). 

Publicidade
Bettina & Niccòlo Corallo Shop - Bombons
Fotografia: Manuel Manso

As melhores chocolatarias em Lisboa

Restaurantes

Frio ou calor, a verdade é que nunca se diz que não a um chocolate. Pode ser só um quadradinho, uma tablete inteira, bombons recheados com líquidos licorosos ou outros tipos de chocolates, mas ajudam sempre a melhorar o dia. De preferência se forem variados e de qualidade, o que ainda dá mais gula e menos sentimento de culpa na hora de abrir uma embalagem. 

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade