A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Bolo-Rei da Confeitaria Nacional
Fotografia: Melissa VieiraBolo-Rei da Confeitaria Nacional

Os melhores sítios para comprar bolo-rei em Lisboa

É presença obrigatória em qualquer mesa nesta altura do ano. Fique a conhecer os melhores sítios para comprar bolo-rei de Lisboa.

Cláudia Lima Carvalho
Teresa David
Escrito por
Cláudia Lima Carvalho
e
Teresa David
Publicidade

Em forma de coroa e feito de massa lêveda, o bolo-rei popularizou-se em Portugal no século XIX, seguindo uma receita originária do sul de Loire, que ainda hoje se mantém. Conta a lenda que a primeira casa a vendê-lo foi a Confeitaria Nacional, que se mantém firme na lista dos melhores sítios para comprar o bolo-rei em Lisboa. Ao longo do tempo, perdeu a fava, perdeu o brinde, mas não há mudança que nos tire o bolo-rei da mesa de Natal. E para aqueles que lhe resistem, habitualmente queixando-se da fruta cristalizada, são cada vez mais as variações. 

Recomendado: Cabazes para oferecer este Natal

Os melhores sítios para comprar bolo-rei em Lisboa

  • Restaurantes
  • Padarias
  • Parque das Nações

35€/kg

À semelhança do que aconteceu no ano passado, a dupla David Jesus e Sandra Freitas preparou um bolo-rei irresistível para o Natal – o Mago. Uma variação da trança que tanto fazem, aqui com curd de citrinos, pinhões, avelãs, nozes, amêndoas, pistácios, tâmaras e alperces – e um toque aromático e delicado de bolo de mel da Madeira. A partir do dia 6 de Dezembro já pode fazer a sua encomenda, mas com 48 horas de antecedência, e pode ser recolhida na loja ou nos parceiros (há vários entre Lisboa, Cascais e Almada) até ao dia 24. 

  • Restaurantes
  • Padarias
  • Alvalade

26,95€/750g

Este não é um bolo-rei tradicional. É de fermentação natural e, em vez das frutas cristalizadas, tem quantidades generosas de frutos secos (como avelãs, pinhões nozes e amêndoas), além de casca de laranja confitada, figos e uvas passas macerados em Vinho do Porto e baunilha Bourbon. Está à venda em todas as padarias Gleba, mas também pode ser encomendado online.

Publicidade
  • Restaurantes
  • Pastelarias
  • Grande Lisboa

14€

O bolo croissant (14€) e a estrela de Natal (27€)  rei ou rainha – voltam a estar na ementa d'O Melhor Croissant da Minha Rua nesta época festiva. Podem ser pedidos simples, mas para os mais gulosos é possível incluir doce de ovos, fios de ovos, nutella, kinder bueno, doce de leite, morango e maçã e canela. A grande novidade deste ano é o recheio de chocolate negro. Os bolos estão disponíveis para encomenda até ao dia 8 de Janeiro em todas as lojas da marca. 

  • Restaurantes
  • Padarias
  • Grande Lisboa

17,50€/kg

O que não falta a esta pastelaria na Damaia são galardões. Depois de, em 2021, ter dado  nas vistas com o seu pastel de nata, que venceu o concurso de melhor de Lisboa, este ano o prémio foi para o bolo-rei, consagrado o melhor do país pela Associação do Comércio e da Indústria de Panificação (ACIP). Se quiser tê-lo na sua mesa de Natal, o melhor é encomendar os bolos (800g ou 1kg) com alguma antecedência. Pode sempre, deslocar-se à loja, mas prepare-se para a eventualidade de ter de esperar na fila, tal é o sucesso.

Publicidade
Joana Reymão Nogueira
DR

Joana Reymão Nogueira

22€/900g

Bem sabemos que Joana Reymão Nogueira não precisa de ocasiões especiais para agradar a gulosos, mas para nossa alegria lança sempre uns doces especiais para estas épocas. No Natal, o bolo-rei (22€) está entre as maravilhas da sua carta. As encomendas podem ser feitas na loja ou via email para encomendas@jrn-docarias.com até ao dia 20 de Dezembro. 

  • Restaurantes
  • Cafés
  • Baixa Pombalina

24,50€/kg

Muito temos a agradecer à Confeitaria Nacional. Afinal, é por causa dela que o bolo-rei chegou a Lisboa nos anos 1870. Aqui, o bolo-rei é famoso pela massa húmida e pela fruta cristalizada sem corantes. Pode comprar na loja, mas o melhor é encomendar – até o pode fazer de forma simples no site da Confeitaria. Há vários tamanhos disponíveis. 

Publicidade
  • Restaurantes
  • Chiado

29,50€/kg

Os doces conventuais são os reis da Alcôa, já se sabe, mas durante a quadra natalícia a competição na montra é bem renhida. Ao lado das cornucópias, mimos de freira, pudins de São Bernardo, torrões reais, queijinhos do céu, coroas de abadessa e castanhas de ovos que dão nome à casa, está o bolo-rei de aspecto bem guloso (29,50€) – sem falar da versão de bolo-rei recheado (44,50€/kg). Há sempre bolos à sua espera, mas o ideal é encomendar. 

  • Restaurantes
  • Chiado

24,50€/kg

Massa leve, bem fermentada e recheada de frutos secos e frutas cristalizadas. Assim é o bolo-rei da Bénard, que por este andar já é um clássico em muitas mesas lisboetas. Pode encomendar na loja ou na plataforma própria, criada o ano passado para entregas ao domicílio ou pedidos para take-away. O bolo-rei tem aproximadamente um quilo. 

Publicidade
  • Hotéis
  • Sintra

39€

Esqueça tudo o que sabe sobre bolos-reis e deixe surpreender-se pela proposta do Penha Longa e do chef pasteleiro Francisco Siopa. Como este bolo-rei dificilmente encontrará – e até o mais céptico doceiro se acabará por render. A receita é uma mistura de chocolate negro e da própria polpa do cacau, morangos e amoras desidratados e uma seleção de nozes e amêndoas nacionais, macerados durante dois meses com rum da Madeira e vinho do Porto. Uma combinação doce, leve e requintada – um brilharete. As encomendas têm de ser feitas com mínimo com 24 horas de antecedência e podem ser levantadas no hotel. As entregas em Cascais e Sintra têm um custo adicional de 7€ e em Lisboa de 15€.

Continente
DR

Continente

11,70/kg

Para quem quer ter um bolo-rei na mesa, mas que nem por isso gosta de dar uma trinca no bolo, o Continente pode bem ter a solução: bolo-rei de diferentes sabores. Uma modernice, dirão uns. Uma atrocidade, dirão outros. Bem bom, responderão aqueles que preferem adaptações como bolo-rei de chocolate e avelã (7,99/un ou 14,53/kg) ou bolo-rei de canela e açúcar mascavado (6,79/un ou 12,35€). O clássico também é uma opção (8,19€/un ou 11,70/kg).

Publicidade
Rice Me Deli
Catarina Almeida

Rice Me Deli

35€

Sem glúten, sem corantes, sem conservantes, com pouco açúcar, mas muito sabor. Para este Natal, o Rice Me Deli preparou um bolo-rei saudável “de comer e chorar por mais”, garantem. A receita nasceu do facto de metade da equipa não gostar de frutas cristalizadas. Mas agora adoram. A encomenda pode ser feita no site e recolhida na loja em São Sebastião. 

Sugestões para presentes de Natal

  • Coisas para fazer

Começou a contagem decrescente para o Natal. Está preparado? Não, mas não entre já em pânico. Os mercados voltam a dominar a agenda da cidade, tornando esta época ainda mais mágica em Lisboa. Por isso, sim, é possível fugir dos centros comerciais para tratar dos presentes de Natal, num mercado físico e apoiando o comércio local. Há-os para todos os gostos: os que dão espaço aos pequenos negócios, os que se dedicam à segunda mão e até os que fazem da solidariedade bandeira. Anote as melhores sugestões de mercados de Natal em Lisboa.

  • Compras

Mais cedo ou mais tarde (na verdade, cada vez mais cedo), toda a gente gosta de contar os dias até ao Natal. A tradição não é de agora – os calendários do advento são uma invenção bem antiga e ainda antes de se começarem a esconder chocolates em pequenas janelas, era na pedra que se riscavam os dias que faltavam até à consoada. Somos fãs dos clássicos chocolates, mas também gostamos de calendários mais arrojados, como os de maquilhagem, cheios de surpresas e que até poupam algum a quem os tem. Mas há outras opções, do café à cerveja, dos brinquedos às meias. Seleccionámos os calendários do advento de 2022 com que queremos viver esta quadra.

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade