Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Aqui não há troianos: descubra estes restaurantes gregos em Lisboa e arredores

Aqui não há troianos: descubra estes restaurantes gregos em Lisboa e arredores

Viaje até à Grécia sem sair da capital nestes restaurantes gregos em Lisboa.

Pita Gourmet
©Duarte Drago Pita Gourmet
Publicidade

Vamos desde já recorrer à expressão que a língua portuguesa cunhou, mas que corresponde bem à realidade: já não nos vemos gregos para encontrar restaurantes desta gastronomia em Lisboa. A decoração em azul e branco, a fazer lembrar o postal mais icónico da ilha grega de Santorini, está presente em quase todos mas o destaque vai para os pratos. A tradição culinária do país é tipicamente mediterrânea, com o azeite, o grão, o peixe, o queijo ou o vinho como ingredientes frequentes. Deixe o iogurte grego ou o kataifi para sobremesa e prove o tzatziki, as azeitonas de Kalamata, a moussaka, o souvlaki (espetadas de carne de porco) ou o gyros (o kebab grego) nestes restaurantes gregos em Lisboa.

Recomendado: Os melhores restaurantes do mundo em Lisboa

Restaurantes gregos em Lisboa que tem de conhecer

Restaurantes, Grego

Greek Tavern Dyonisos

icon-location-pin Estrela/Lapa/Santos

Este restaurante grego é o nosso equivalente a uma tasca típica. Fica perto do Museu Nacional de Arte Antiga e tem uma decoração simples, onde o foco é mesmo a comida. Quer seja a primeira vez ou não que prova os pratos da gastronomia grega, aceite as sugestões da casa, dadas por Giorgos. Nas entradas pode começar com uns dados de Creta ou com o queijo halloumi. Nos pratos principais, tem todos os clássicos que associamos à Grécia (caso da moussaka) e muitos pratos com peixe fresco grelhado. As sobremesas são caseiras. Espreite também a carta de bebidas gregas, que inclui vinhos ou sumos.

Restaurantes, Grego

Pita Gourmet

icon-location-pin Grande Lisboa

Há três Pitas Gourmet em Portugal, um na Costa da Caparica, perto da praia, outro no CascaiShopping e um terceiro no Porto. No restaurante pode provar alguns dos pratos gregos mais conhecidos, como a moussaka e a salada grega, com tomate, azeitonas, feta e pepino, mas também pode alargar horizontes gastronómicos e experimentar outras especialidades, como o pikila, um prato com quatro carnes grelhadas servidas com acompanhamentos e molhos, ou o dolmadakia, folhas de videira recheadas com arroz. O crítico da Time Out Alfredo Lacerda já foi ao da Costa da Caparica e recomenda o acompanhamento
 de batatas furnu, cortadas em gomos e cozinhadas lentamente, servidas com um molho de laranja e orégãos, ou as feijocas gigantes com molho de tomate e aipo.

Publicidade
Restaurantes, Grego

Santorini Coffee

icon-location-pin Lisboa

Nas paredes está todo o imaginário de Santorini: paredes caiadas e o azul profundo do mar. A viagem continua à mesa. Nas entradas tem tzatziki (um género de paté com iogurte grego, pepino e alho), hummus, melitzanosalata (paté de beringela fumada), azeitonas de Kalamata, ou queijo feta frito com mel – pode até fazer uma refeição só com estes petiscos. Nos pratos mais completos encontra kotópoulo me feta, uns bifes de frango recheados com queijo feta e manjericão, moussaka, ou souvlaki, umas espetadas de carne de porco grelhadas. Ao almoço, qualquer prato principal tem o preço reduzido de 5,80€. Tem bebidas gregas para acompanhar.

Restaurantes, Grego

Pita.gr e Peruano

icon-location-pin Grande Lisboa

Anastasios Bampalikis, grego legítimo, resolveu abrir um restaurante com um conceito diferente. Além de cozinha grega autêntica, tem também o melhor da gastronomia peruana – o chef Thassos trata da Grécia, o chef Jorge do Peru. Assim que chegar vão dar-lhe dois menus distintos mas também pode fazer um mix das duas gastronomias. Da grega, as recomendações são o saganaki, um queijo de cabra grelhado com temperos gregos e mel, a tiropita, com massa filo crocante recheada com queijo feta, mel e sésamo torrado ou o greek club burger, um hambúrguer caseiro de 250 gramas servido em pão pita com molho de iogurte grego e picles. Se se quiser ficar pela Grécia, escolha o menu de degustação do chef, com nove especialidades gregas e três sobremesas (19,90€ por pessoa). Na carta peruana vai encontrar três tipos de ceviche, causas ou anticuchos, sem esquecer o pisco sour para beber.

Comida do mundo em Lisboa

comida de santo, feijoada brasileira
Arlindo Camacho
Restaurantes, Brasileiro

Sítios para comer comida brasileira em Lisboa, do pão de queijo à feijoada

Diz-se no Brasil que quem tem pressa come cru. Tome o seu tempo apreciar este roteiro, carregadinho de quitutes, petiscos pequeninos para matar a fome aqui e ali, e com uma viagem pela Bahia, com os seus clássicos como o óleo de dendê, o camarão seco, os coentros ou o leite de coco. Temos também os ingredientes brasileiros que nos últimos anos ficaram na moda deste lado do Atlântico, como a tapioca ou o açaí. No total, são 11 sítios para comer comida brasileira em Lisboa onde há variedade no receituário e que estão – esperamos – a abrir caminho para mais restaurantes brasileiros em Lisboa. É que samba sem um prato à frente não enche barriga. 

Hummusbar
©Manuel Manso
Restaurantes, Árabe e Médio Oriente

Três sítios para comer hummus

Esta pasta com raízes árabes é feita com grão-de-bico cozido e esmagado, tal qual puré, tahini (pasta de sésamo), umas gotinhas de limão e uns pozinhos de sal. É esta a receita-base, personalizável com um ou outro condimento para mais substância, mas consumida em grandes quantidades como dip para legumes, para sandes típicas em pão pita ou como refeição, complementada com outras iguarias típicas, como os falafel. Nestes três restaurantes em Lisboa, encontra diferentes variedades do hummus, do mais simples àquele com tiras de abacate, com carne picada, beterraba ou pimentos. 

Publicidade
la paparrucha
DR
Restaurantes, Argentino

Os melhores restaurantes argentinos em Lisboa

Dentro da gastronomia mais típica argentina, as carnes são o maior trunfo do país. Há bife chorizo (o chorizo é um dos cortes mais nobres na carne bovina argentina), parrilladas com diversos tipos de carne e linguiças na brasa, o lomo, uma carne macia cozinhado consoante a região ou as empanadas, petisco bem recheado com sabores mais ou menos exóticos (e com q.b de picantinho, mas sempre bem temperado). À hora da sobremesa, o melhor é nem pensar em calorias, que a ideia é lambuzar-se com dulce de leche e alfajores. Prove de tudo um pouco nestes restaurantes argentinos em Lisboa. 

Publicidade