Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Monte do Freixo Poente: era uma vez uma casa de sonho

Monte do Freixo Poente: era uma vez uma casa de sonho

O Monte do Freixo Poente é o primeiro retiro de natureza do grupo L’And Vineyards com uma casa de luxo escondida num monte alentejano

Monte do Freixo Poente
DR
Por Nelma Viana |
Publicidade

Os 30 anos costumam coincidir com uma certa inquietação com a vida que, para nós que vivemos na cidade, nos começa a morder os calcanhares e a espicaçar a vontade de largar tudo e ir para o campo. Aos 20 não sentíamos nada disto. Aos 20 estávamos mais preocupados em arranjar sustento fixo e a encaixar a ideia de que afinal não nascemos para mudar o mundo e a sobreviver à desilusão. Aos 40, se tudo correr bem, já estaremos em paz com a rotina dos dias e, na melhor das hipóteses, já seremos felizes arrendatários de meia centena de metros quadrados em Lisboa e orgulhosos proprietários de uma casinha na planície que fomos vendo nascer da ruína. Existe também a hipótese de sermos péssimos em futurologia e de esta antecipação cronológica ser só um daqueles devaneios que fica por concretizar. Como tantos ao longo dos anos. Não obstante, podem tirar-nos o sonho mas nunca tirar o sonho de nós. E este de ter uma casa no Alentejo embora não nos comande, pode muito bem ser uma constante da vida e é por ele que suspiramos quando abrimos a porta do Monte do Freixo Poente.

Recomendado: O melhor de Vila Nova de Milfontes

jurgita vieira

Entra-se para a enorme sala/ cozinha com lareira suspensa e vê-se logo em frente o alpendre, a piscina exterior e campo a perder de vista. Depois do primeiro “uau” (foram muitos) com a decoração, minimalista e apostada em peças de madeira clara, descobrem-se os quartos. São três, todos com casa de banho, um deles uma suíte com escritório e vista para as traseiras, outro com duas camas individuais e um terceiro com cama de casal. Partilham entre si não só a estética apurada mas também o chão de ladrilhos da olaria de São Pedro do Corval, em Évora, as mantas de Monsaraz e os tapetes de lã de ovelha inspirados nos capotes dos pastores. É uma casa de família, para famílias, e está disponível para ser reservada na íntegra a partir de 345€ por noite, com pequeno-almoço).

carlos vieira

Numa propriedade de 500 hectares em Montemor-o- Novo, a sua reconstrução foi terminada há cerca de um ano e assim ficou, pronta a habitar, enquanto os donos não decidiam o que fazer com ela. Nunca teve como primeiro objectivo entrar na corrida turística da região mas não passou muito tempo até se perceber que era uma pena não partilhá-la com quem, ano após ano e desesperadamente, procura um refúgio de férias no interior do Alentejo. Portanto se estava à espera de um hotel convencional, não é aqui que o vai encontrar. Para isso, terá de fazer um curto trajecto de 15 minutos de carro até ao L’And Vineyards e, aí sim, entregar- se ao espanto que é encontrar um hotel de luxo encaixado numa vinha.

Publicidade
jurgita vieira

Na verdade, o Monte do Freixo Poente é o primeiro filho da marca L’And Retreats e estreia, assim, o primeiro retiro de natureza sob a gestão da casa-mãe. É na recepção do hotel que começa a viagem. Entregam-se as chaves, desenha-se o caminho até ao destino e relembra-se, não vão os hóspedes achar que ficam à mercê dos imponderáveis da ruralidade, que os serviços do hotel estão incluídos no alojamento. Como assim? É isso mesmo. Quem fica no Monte do Freixo Poente pode escolher a modalidade self-service e preparar as próprias refeições ou juntar-se ao pequeno-almoço servido diariamente no hotel sem custos adicionais. A terceira opção, e a que preferimos, inclui a entrega de uma cesta de pequeno-almoço às 8.00 ou às 10.00 e a possibilidade de guardar o excedente para um lanchinho à beira da piscina. Há fruta fresca, queijos e enchidos regionais, pão acabado de cozer, croissants franceses, compotas caseiras e sumo de laranja fresquíssimo.

Em permanência estão na cozinha duas máquinas de café e um frigorífico bem recheado de águas, cervejas e sumos. Tal e qual um minibar mas num electrodoméstico de dimensão familiar e que, por isso mesmo, impele a sucessivos abre-fecha só para ver o que há. Em cima da mesa terá sempre à disposição um prato de fruta trazida da Herdade do Freixo para ir roendo ao longo do dia. Ao almoço e ao jantar, mantêm-se as três opções: pega no carro e vai até Montemor ou Évora explorar a oferta gastronómica, dirige-se ao L’And Vineyards para uma experiência de fine dining num restaurante com estrela Michelin, ou alinha no serviço “chef no monte”, que como o nome indica, consiste numa refeição caseira preparada por um profissional, sobrando-lhe assim tempo para um banho de imersão ao final do dia ou para uma sesta no sofá quando finalmente se cansar de olhar para a televisão a tentar encontrar um conteúdo na Netflix que ainda não tenha visto. O serviço fica por 65€ por pessoa, com vinhos L’And incluídos. Há dois menus pré-definidos para cada estação, com possibilidade de ajustar um ou outro ingrediente a gosto.

Publicidade
Viagens

Monte do Freixo Poente

Durante a visita calhou-nos Francesco Ogliari, chef italiano a viver em Évora, que depois de uma longa temporada em Lisboa (esteve no Santa Clara dos Cogumelos) teve a coragem de trocar a cidade pelo campo – onde é que já ouvimos isto? – e de se dedicar à cozinha de proximidade. Conhece os produtores locais e é neles que se abastece para criar as ementas de três momentos que prepara no monte: ovo a baixa temperatura com presunto, espargos e crumble de nozes; cachaço de porco fumado com acelgas, beterraba e pickles de morango; e bolo de azeite com texturas de laranja e poejo. Ainda desafiámos Francesco a juntar-se a nós para um copo de vinho mas só no final da refeição e já com a cozinha arrumada é que finalmente aceitou um fiozinho de tinto para brindar ao feliz encontro. Apesar de ter trocado a cidade pela planície, Francesco continua ligado a Lisboa através da Vino Vero, uma loja de vinhos naturais com origem em Veneza e que acaba de abrir na Graça, onde cozinha em noites especiais. De resto, vai dando continuidade ao projecto Tua Madre, cozinhando para grupos pequenos, seja em sua casa ou na casa dos clientes. Os preços combinam-se de acordo com o menu, pelo que o melhor é procurar Francesco nas redes sociais e tratar de tudo directamente (91 687 9490).

Outros destinos de sonho

Publicidade
Publicidade