Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Porto icon-chevron-right Seis novidades de banda desenhada a não perder
banda desenhada, livros, livros de banda desenhada
Fotografia: Miika Laaksonen/ Unsplash banda desenhada

Seis novidades de banda desenhada a não perder

Há mais BD para além da Marvel, da DC e dos clássicos da nossa infância. Seleccionámos seis livros de banda desenhada ainda frescos.

Por Raquel Dias da Silva
Publicidade

É para os miúdos e para os crescidos. Numa simples tira, numa página inteira ou num álbum, a banda desenhada é para todos. A chamada nona arte apresenta histórias aos quadradinhos, narradas em sequência através de vinhetas, como as dos super-heróis ou as aventuras da Mafalda, de Quino. Mas há mais para além da Marvel, da DC e dos clássicos da nossa infância. Uns têm menos letras, outros mais asneiras. Uns são para as crianças, outros para os adultos, outros ainda para a família inteira. Espreite estes seis livros de banda desenhada, lançados entre os últimos meses de 2020 e os primeiros deste novo ano.

Recomendado: As livrarias do Porto que entregam livros em casa

Livros de banda desenhada a não perder:

Clássicos da Literatura em BD
Clássicos da Literatura em BD
A Ilha do Tesouro

1. A Ilha do Tesouro

De Robert Louis Stevenson e Jean-Marie Woehrel

Desde a sua publicação original, entre 1881 e 82, nas páginas da revista Young Folks, e um ano mais tarde numa edição em livro da Cassell and Company, esta história de Robert Louis Stevenson foi objecto de inúmeras adaptações. Esta, com ilustrações de Jean-Marie Woehrel, faz parte da série Clássicos da Literatura em BD da Levoir, em parceria com a RTP, e combina realismo e fantasia, numa louca caça ao tesouro protagonizada pelo jovem Jim Hawkins e os seus cúmplices, entre eles aquele que é, talvez, o verdadeiro herói da história, o pirata Long John Silver.

Levoir. 64 págs. 10,90€.

Crónicas da Birmânia
Crónicas da Birmânia
Crónicas da Birmânia, de Guy Delisle

2. Crónicas da Birmânia

De Guy Delisle

Neste retrato cativante e bem-humorado de um país e das suas pessoas, originalmente publicado em 2007 pela editora parisiense Delcourt, Guy Delisle relata a sua experiência do que é a Birmânia, que visitou como acompanhante da sua mulher, numa comissão dos Médicos Sem Fronteiras. Liberto de afazeres profissionais, mas responsável pelo seu pequeno filho, Guy acaba por partilhar aventuras pessoais, desde a sua depressão a toda uma série de frustrações internas e externas.

Devir. 286 págs. 24,99€.

Publicidade
Clássicos da Literatura em BD
Clássicos da Literatura em BD
1984, de George Orwell e Fido Nesti

3. 1984

De George Orwell e Fido Nesti

Editada originalmente em 1949, a obra mais poderosa de George Orwell é, pela primeira vez, adaptada a romance gráfico, no traço do artista brasileiro Fido Nesti, que tenta captar os rostos, corpos e cenários de um mundo que, cada dia, é menos difícil de imaginar. Neste caso, uma Londres lúgubre, em que a Polícia do Pensamento vigia a vida dos cidadãos. O protagonista, Winston Smith, é um peão nesta engrenagem perversa e a sua função é reescrever a História para a adaptar ao que o Partido considera a versão oficial dos feitos. É o que faz, até decidir questionar a verdade do sistema repressor.

Alfaguara. 224 págs. 21,90€.

Alice: Na cidade das Maravilhas
Alice: Na cidade das Maravilhas
Alice: Na cidade das Maravilhas, de Luís Louro

4. Alice: Na cidade das maravilhas

De Luís Louro

Publicada pela primeira vez em 1995, uma das obras maiores de Luís Louro e da banda desenhada portuguesa, numa Lisboa que se espraia entre a crueldade da prostituição e a beleza de uma cidade submersa, regressou em Novembro de 2020, 25 anos depois, com duas edições: uma em capa dura, revista e actualizada, e outra limitada a 500 exemplares, com capa em tecido e sobrecapa numerada e assinada pelo autor, com o selo branco da editora e 16 páginas de extras.

Ala dos Livros. 64 págs. 16,95€-32,50€.

Publicidade
Clássicos da Literatura em BD
Clássicos da Literatura em BD
Planeta Psicose, de Ricardo Santo

5. Planeta Psicose

De Ricardo Santo

Lançada em Novembro de 2020, esta banda desenhada de Ricardo Santo (a segunda, depois do autor ter auto-editado o Livro Sagrado em 2017) fala-nos de um planeta em que a ciência e a racionalidade não passam de instrumentos dos poderes ocultos que controlam o mundo, para nos roubar a liberdade e impor o cativeiro eterno. Com humor, critica-se subtilmente a ideia de que só a nossa opinião é que é válida e de que tudo tem uma explicação paranormal de contornos conspirativos. Mas há uma luz ao fundo do túnel: um pequeno punhado de heróis que luta diariamente contra esse conluio maquiavélico.

Escorpião Azul. 72 págs. 13,50€.

Clássicos da Literatura em BD
Clássicos da Literatura em BD
Mulheres Sem Medo, de Marta Breen e Jenny Jordhal

6. Mulheres Sem Medo

De Marta Breen e Jenny Jordhal

São 150 anos de coragem, garra e visão de quem lutou e ainda luta pelos direitos das mulheres à volta do globo. Da luta abolicionista ao movimento #MeToo, passando pela história das sufragistas e do direito ao aborto, está (quase) tudo nesta banda desenhada, que se assume como uma breve história do feminismo, das suas principais figuras e das causas que defende.

Bertrand Editora. 128 págs. 17,70€.

Mais para ler:

ebook
Photograph: Perfecto Capucine/Unsplash

Livros grátis para descarregar durante a quarentena

Coisas para fazer

A Internet é agora a grande janela para o mundo. Em tempos de pandemia mundial, nunca são demais as ideias para nos entretermos no recato do lar, entre a sala de jantar, o quarto, a varanda ou mesmo o jardim, para os mais sortudos. Entre outras coisas, sem gastar um cêntimo, tem acesso a um vasto leque de livros digitais, os chamados ebooks, que pode aceder através do seu computador, telemóvel ou tablet. Há de tudo um pouco: romances, biografias, diários e até banda desenhada. Faça download destes livros grátis.

Recomendado: As livrarias do Porto que entregam livros em casa

Plasticus Maritimus
© DR

Seis livros para ler sobre sustentabilidade

Coisas para fazer

Agora que a propagação da Covid-19 exige que as pessoas evitem sair à rua e a grande maioria dos eventos estão cancelados, há que pensar em programas dentro de portas. Se gosta de temas que envolvam o meio ambiente, aproveite esta lista, onde damos a conhecer seis livros sobre sustentabilidade que podem ser encomendados online. De resto, saiba que já há livrarias da cidade a oferecer os portes de envio para promover a leitura por estes dias.  

Recomendado: Sete séries a não perder este mês

Publicidade
"The Triumph of Death", Bruegel (1562)
©DR

Três livros sobre outras pandemias

Coisas para fazer

Duas obras são de ficção, é certo, e catapultaram os seus autores rumo ao estrelato na cena literária mundial (cada um recebeu o Prémio Nobel da Literatura); mas uma delas é um retrato fiel do último surto de peste negra em Inglaterra, durante o século XVII. Aqui tem três livros sobre outras pandemias, que não a Covid-19, para ler durante esta quarentena. De tão trágicas, pode ser que estas publicações o ajudem a pôr as coisas em perspectiva e a perceber que, afinal, não estamos assim tão mal e que podia ser bem pior. Fique em casa a ler. Proteja-se. A si e aos outros. 

Recomendado: O que ler durante a quarentena?

livros
Fotografia: Olia Gozha/ Unsplash

Guias para o essencial: cinco livros sobre minimalismo

Coisas para fazer

Ser minimalista não é ser forreta. Ao contrário do que dizem as más línguas, não é preciso abdicar dos seus bens materiais mais queridos nem mudar-se para uma cabana nos Alpes Suíços, longe de todos os centros comerciais do planeta. Tem apenas de aprender a viver com o essencial – o que até pode significar continuar a alimentar a sua biblioteca privada, desde que os livros não sirvam só para absorver todo o pó da casa e lhe tragam verdadeira felicidade. Por falar em livros, reunimos cinco guias para o ajudar a livrar-se de objectos sem propósito, que só tem para preencher um qualquer vazio existencial, mas não só. É que o minimalismo não tem só a ver com coisas: também tem a ver como gerimos a nossa vida pessoal e profissional. Aprenda a dizer não e a ser mais feliz com menos coisas e menos trabalho.

Recomendado: Séries e filmes sobre minimalismo para aprender a viver feliz com pouco

 

Publicidade
Arte, Pintura, Turistas ingleses de visita à Campânia (Itália), Carl Spitzweg
©J.P.Anders

Livros para viajar pelo mundo sem sair do lugar

Coisas para fazer

Tal como o viajante informado e atento convive com massas ignaras e indiferentes à cultura e história das regiões por onde passam em tropel apressado, enquanto fazem selfies frente a todos os monumentos e paisagens que integram o cânone turístico mundial, também os livros de viagens, que proporcionam uma visão reveladora do mundo e de nós mesmos, disputam hoje o espaço nas livrarias. Convivem com uma massa anódina de livros de prosa titubeante e infestada de lugares comuns e que, amiúde, mais não são do que uma soporífera compilação de episódios comezinhos sucedidos ao seu narcísico autor durante uma viagem (tantas vezes veloz e superficial) por paragens exóticas, polvilhada por meditações de filosofia de ervanária. Os seis títulos que se seguem fazem parte da primeira categoria e, na sua maioria, fogem ao padrão do livro de viagens.

Recomendado: O que ler durante a quarentena?

livros de terror
Ilustração de Dave McKean

18 livros de terror para um susto caseiro

Compras Livrarias

Há cinema de terror, claro, mas também há livros de terror, mais ou menos obscuros. Afinal, um bom susto não precisa necessariamente de imagens em movimento nem de bandas sonoras tenebrosas. Razão porque fomos à procura das melhores obras do género para os fãs de literatura e encontrámos mais de duas mãos cheias de sugestões, desde um romance histórico a uma antologia de banda desenhada portuguesa, sem esquecer os mais jovens, sempre com o terror como pano de fundo. Recomendamos a companhia de uma luz de presença e de um cobertor, capaz de o proteger dos monstros debaixo da cama.

Recomendado: Os melhores filmes de terror na Netflix

Publicidade
cooking book
Unsplash/S O C I A L . C U T

Sete livros de cozinha para se tornar o mestre da culinária

Restaurantes

Ler, cozinhar, comer. A santíssima trindade por estes dias. Mas o que anda a comer é mesmo bom? E se em vez de se dedicar ao pão, começasse a produzir os seus próprios leites veganos ou a fazer umas quantas receitas dos Açores? Juntámos aqui sete livros de cozinha da fornada 2020 que pode comprar online. Têm histórias para aumentar a sua sabedoria gastronómica, dicas para mudar de regime alimentar ou simplesmente ideias para dar asas à criatividade, que por estes dias é capaz de já ser escassa. Bons cozinhados.

Recomendado: Restaurantes do Porto com entregas e take-away

Porto
© Marco Duarte

Saiba quais são os melhores livros sobre o Porto

Coisas para fazer

São páginas e páginas repletas de curiosidades, de expressões que só se usam por cá e de histórias mirabolantes que o vão fazer ver a Invicta com outros olhos. Nesta lista vai encontrar desde lendas, a histórias de imperadores ou de assassinatos. Saiba quais são os melhores livros sobre o Porto.

Publicidade
livros eróticos
Fotografia: Hanna Postova/ Unsplash

Os melhores livros eróticos para aquecer as noites mais frias

Compras

Mulheres que se aventuram com desconhecidos, casais aborrecidos que trocam de parceiros, idosos que observam jovens nuas e virgens, e vários affairs românticos. Prepare-se para entrar no universo perturbador do prazer e do erotismo. Desde clássicos como as Novelas Eróticas, de M. Teixeira-Gomes, e A Casa das Belas Adormecidas, de Yasunari Kawabata, até ao divertido e politicamente incorrecto Pornopopeia, de Reinaldo Moraes, seleccionámos 14 livros eróticos, mais ou menos descritivos, mais ou menos perturbadores, que prometem aquecer as noites mais frias.

Recomendado: Nove filmes eróticos e de SM a sério

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade