Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right 8 ideias originais para se refrescar em Lisboa

8 ideias originais para se refrescar em Lisboa

Sugestões para se pôr ao fresco quando o calor aperta

Pinguins no Oceanário
©Pedro A. Pina Pinguins no Oceanário
Publicidade

Se é daqueles que sempre que o calor aperta reage como se estivesse longe do seu habitat natural, esta lista é para si. Se é daqueles que sempre que o termómetro sobe acima dos 25 graus só pensa em refugiar-se à sombra, então esta lista também é para si. E se é daqueles que não vê num dia inteiro de praia uma boa forma de se manter fresco, então esta lista é definitivamente para si. Com estas oito ideias originais para se refrescar, não há calor na cidade que lhe possa fazer frente. 

8 ideias originais para se refrescar

Pinguins no Oceanário
©Pedro A. Pina
Atracções

Visitar a zona dos pinguins no Oceanário

icon-location-pin Parque das Nações

É o único lugar em Lisboa onde podemos garantir que estão sempre 16 ºC. É para o bem das criaturas que ali habitam e não para o seu bem-estar, caro leitor encalorado. Não são precisas desculpas para ir ao Oceanário, mas esta pode ser bastante útil.

East Side Radio
©Duarte Drago

Ir às festas da piscina da East Side Radio

A rádio online independente East Side Radio montou uma piscina nuns contentores perto do Hub Criativo do Beato. É possível ir a banhos, mas apenas durante as festas que a rádio vai organizar e a lotação é limitada. Para saber mais o melhor é ficar de olho no site e redes sociais da East Side Radio.

Publicidade
Sea OE Tours
©DR

Experimentar um passeio de barco no tejo com a nova Sea EO Tours

A brisa do rio ajudará certamente a sobreviver à canícula de Agosto. Ok, podemos sugerir várias viagens de ida e volta à Margem Sul de cacilheiro, mas um passeio no Tejo pode ser muito mais do que isso. Vejamos por exemplo a oferta da Sea EO Tours, que faz passeios culturais e passeios de natureza no nosso rio. Ver a margem da cidade e os seus principais monumentos de barco custa 40€ e dura uma hora, mas os mais aventureiros talvez prefiram uma viagem mais longa (3 horas) para ver golfinhos. Essa pequena odisseia custa 60€ por pessoa. Há ainda tours de birdwatching para os mais contemplativos e uma Sunset Tour para quem faz muita questão de se despedir do Sol a partir de um barco no meio do Tejo.

Mais informações em www.seaeo-tours.pt.

Stand Up Paddle
©Arlindo Camacho

Fazer um baptismo de Stand Up Paddle

E por favor não confundam paddle com padel e apareçam na Suxperience com uma raquete na mão. Aqui pratica-se aquele desporto que é uma espécie de imitação de um náufrago numa jangada: em pé, numa tábua, a remar. Os baptismos de paddle fazem-se Baía de Cascais, duram uma hora e meia e custam 30€ (material incluído). Se for péssimo neste desporto e cair muitas vezes à água o seu baptismo de paddle vai ser muito parecido com um baptismo pela Igreja.

Mais informações: activities@supxperience.pt

Publicidade
Jardim da Água
©Ana Luzia
Atracções, Parques e jardins

Voltar ao Jardim da Água do Parque das Nações

icon-location-pin Parque das Nações

São uma criação da Expo 98 direccionada para os mais novos, mas este jardim cheio de fontes, riachos, repuxos e jogos de água interessa a pessoas encaloradas de todas as idades. As estruturas com fins pedagógicos e refrescológicos sofreram algumas remodelações em 2015, e desde 2018, este lugar passou a chamar-se Jardim Mário Ruivo, nome do cientista e político português pioneiro na defesa dos oceanos.

Aqueduto das Águas Livres
©Joana Freitas
Atracções

Aventurar-se no Aqueduto das Águas Livres

icon-location-pin Campolide

O Reservatório da Patriarcal e a Mãe de Água estão entre os edifícios mais frescos da cidade. E todo o percurso do Aqueduto das Águas Livres é uma lição sobre a engenharia e os esforços dos nossos antepassados para matar a sede e sobreviver ao calor. A We Go Adventures organiza com alguma frequência passeios que nos tornam mais conhecedores (e apreciadores) dos caminhos da água em Lisboa. 

Mais informações no Facebook da We Go Adventures.

Publicidade
Restaurante ONA
Manuel Manso
Restaurantes

Dançar ao pé do mar com o Ona at the Beat

icon-location-pin Grande Lisboa

O restaurante Ona, na Praia do CDS, Costa da Caparica, tem vindo a afirmar-se como um dos sítios mais cool deste Verão. Pela comida, sim, mas por tudo o resto também. As festas Ona At The Beat são só mais um motivo para querer que este restaurante pop-up dure para sempre. Com a curadoria do DJ Afonso Simões e da rádio online East Side Radio, estas festas duram das 17.00 às 02.00 e estão agendadas para os sábados 31 de Agosto (Kruella d'Enfer + Abreu) e 7 de Setembro (Stasera + Jerrald James).

Mais ideias para se refrescar na cidade e arredores

Upscale Bar, Epic Sana
©DR
Coisas para fazer

As melhores piscinas em Lisboa

Vamos mostrar-lhe como esquecer filas, pôr-se a salvo das alforrecas, refrescar as ideias e apanhar o tão desejado sol sem fazer ondas ou tempestades de areia. Falamos das melhores piscinas em Lisboa, das exclusivas a hóspedes às que recebem visitantes de braços abertos. Muitas delas são verdadeiros oásis instalados em alguns dos melhores hotéis da cidade, desde o Altis ao Sheraton. Está à espera do quê para vestir o fato de banho, agarrar na toalha e dar um mergulho? Se acabar por se entusiasmar depois de uma tarde de descontracção, não perca o embalo. Aproveite e faça check-in. Recomendado: Aproveite as vistas nestas piscinas infinitas em Lisboa

Farol Design Hotel
©DR
Coisas para fazer

Piscinas em Cascais: os melhores mergulhos fora da praia

As melhores praias em Cascais garantem belíssimos mergulhos e banhos de sol, quer seja na Linha ou para os lados do Guincho, com vista para a Serra de Sintra. Mas para quem vive melhor o Verão com os pés longe da areia, há outras alternativas para ir a banhos em Cascais. Nestas seis piscinas em Cascais, para gostos mais luxuosos ou para quem faz contas à vida na hora de se pôr de molho, pode refrescar-se calmamente, sem o perigo de levar com uma onda inesperada. Depois, se quiser acabar o dia em beleza, sempre pode dar um saltinho aos melhores restaurantes em Cascais. Recomendado: Descubra o melhor da agenda cultural de Cascais

Publicidade
praias fluviais
DR
Coisas para fazer

11 praias fluviais perto de Lisboa

No Verão, as praias algarvias são sempre as mais frequentadas, mas nem os areais da Grande Lisboa resistem às enchentes de veraneantes. É fácil, por exemplo, chegar a Oeiras ou a Cascais e ver-se à rasca para estender a toalha. Por isso, se prefere apanhar sol sem muita companhia, as praias fluviais, menos conhecidas ou de difícil acesso, são uma alternativa a ponderar. Basta estar disposto a fazer uma viagem de carro para uma destas 11 praias fluviais perto de Lisboa. Não se preocupe, que só há uma há mais de uma hora. Sim, é um esticão, mas vale a pena. Recomendado: Dez piscinas naturais em Portugal para mergulhar na natureza

Publicidade