Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Ecomarket: saiba o que não pode perder neste mercado ecológico

Atenção, continuamos a tentar dar-lhe a informação mais actualizada. Mas os tempos são instáveis, por isso confirme sempre antes de sair de casa.

organii, catia e rita curica
©Manuel Manso

Ecomarket: saiba o que não pode perder neste mercado ecológico

O Ecomarket regressa a Marvila para a 4.ª edição desta espécie de Web Summit da sustentabilidade e ecologia.

Por Francisca Dias Real
Publicidade

O Ecomarket não pára de crescer, e como em equipa que ganha não se mexe, o mercado mantém-se firme em Marvila e com dois dias dedicados às compras, workshops e palestras. O Armazém 16 acolhe este sábado e domingo esta espécie de Web Summit da sustentabilidade e ecologia. “Recomeçar” é o mote para esta que é já a 4.ª edição do Ecomarket, organizado pelas irmãs Rita e Cátia Curica, fundadoras da Organii. Este ano, o evento divide-se em seis áreas distintas que tomam conta do nosso quotidiano: Beleza, Casa, Bem-Estar, Desperdício Zero, DIY Famílias e Alimentação Saudável.

Armazém 16, Marvila – Beato.Sáb-Dom 10.00- -20-00. 2€/10€ (com goodie bag através do site organii.com).

Recomendado: Roteiro perfeito em Marvila

O que não pode perder no Eco Market

Marcas

Vá pronto para fazer escolhas e abrir a carteira: são dezenas de marcas dispostas ao longo do armazém, do design e decoração sustentável, do vestuário à beleza, como é o caso da Musgo, Margarida Fábrica, Nó Woodwork, Tsuri, Naz, Menko, CCA Collective ou Vanilla Sand. 

Palestras (palco principal)

No palco principal decorrem as grandes palestras, e vai precisar de se organizar para conseguir apanhar os temas que mais lhe interessam. O sábado é um dia preenchido e até o Oceanário entra na festa com uma palestra sobre a preservação ambiental do oceano (11.30) e, pouco depois, fala-se em como manter felizes as plantas em casa e no trabalho (14.00). O final da tarde é ocupado com uma mesa redonda sobre os desafios do lixo, do descartável e da reciclagem com Eunice Maia (Maria Granel), Ana Milhazes (Lixo Zero), Ana Salcedo (Zero Waste Lab), Joana Cartaxo (Veganware) e Cátia Curica. No domingo, discute-se a moda responsável (11.30) e qual o futuro da indústria, com Ana Costa da marca Baseville. Às 13.00, é hora de Mafalda Pinto Leite pôr em cima da mesa o poder das plantas medicinais, e mais tarde, às 18.00, o projecto Kitchen Dates conta como é montar um restaurante sem caixote do lixo para alinhar na onda de desperdício zero. 

Publicidade

Showcooking

De volta dos tachos, aprenda como fazer mufins salgados e doces para marmitas (sáb 14.30) e saiba como se processa a fermentação selvagem (sáb 17.30). No domingo, deite o olho às sobremesas veganas (15.30), participe na oficina de kombucha (16.30) e aprenda a fazer massa mãe para pão de fermentação natural (17.30). 

Palestras de beleza e bebé

Nas palestras de beleza e bebé, no Espaço Organii, fala-se sobre óleos essenciais (sáb 11.30), alimentação Infanti (sáb 16.00), anti-envelhecimento (dom 11.30) e até sobre beleza natural (dom 14.00). 

Publicidade

Espaço para famílias

No espaço Boa Safra, dedicado às famílias, participe na oficina de desperdício zero na cozinha (sáb 14.00), no workshop de tricot (sáb 15.00) ou na actividade de desenho de natureza viva e de comida vegan (dom 15.00). 

Planetário insuflável Valor Sul

Nesta edição, o Oceanário de Lisboa e a Valor Sul dão as mãos para trazer ao mercado actividades e palestras para crianças, jovens e adultos. Haverá seis sessões durante ambos os dias com projecções de filmes, jogos com temáticas ambientais e muitos materiais pedagógicos sobre temas como Redução, Reutilização, Recuperação e Reciclagem de materiais e energia, substituindo o conceito de fim-de-vida da economia linear. 

Lisboa sustentável

Zouri
© DR

Descubra estas marcas sustentáveis para compras online

Compras

Mesmo em tempos pandémicos, não há desculpas para deixar de manter uma relação de amizade estreita com o ambiente, até porque se o mundo pode parar por momentos lá fora, sabemos que o ambiente está lá sempre e a precisar que cuidemos dele. O comércio online, que era já uma realidade para muitas destas marcas, reforçou a sua presença e está mais forte que nunca. Por isso, na hora de comprar olhe para a etiqueta, para a pegada ambiental e para os pequenos negócios que, afinal de contas, parecem estar sempre aqui para nós mesmo nos tempos mais difíceis. Descubra estas marcas sustentáveis para compras online.

Fábrica Couto
© Marco Duarte

24 lojas e marcas veganas que pode comprar em Lisboa

Compras

Lisboa está mais atenta ao mundo vegetal, com menos preconceitos e cada vez mais curiosidade. Até porque esse não é só um mundo relativo a regimes alimentares, é um estilo de vida. A prova disso é a quantidade de marcas veganas que existem na cidade – nem todas com loja própria – e que ajudam os lisboetas a descobrir alternativas de roupa, acessórios, sapatos ou cosmética. Alargamos o leque a toda a cidade e a lojas online de marcas que promovem este estilo de vida 100% vegetal. Conheça estas 24 lojas e marcas veganas que pode comprar em Lisboa ou encher os carrinhos das lojas online.

Publicidade
A Outra Face da Lua
Duarte Drago

Conheça estas lojas em segunda mão em Lisboa para dar uma nova vida à roupa

Compras

Nunca se falou tanto em sustentabilidade como agora. E comprar em segunda mão ou apostar nas peças vintage é, hoje, reflexo de um comportamento mais sustentável. Não comprar, constantemente, roupa nova ajuda a que não contribua para a produção têxtil massificada e, por sua vez, para menos poluição. Por isso, recheie o armário nestas lojas de roupa em segunda mão em Lisboa, e quando fizer limpeza do armário, lembre-se que nem tudo é lixo e pode canalizar a sua imaginação para o upcycling, a chamada reutilização criativa que transforma peças ou produtos que já não usa ou em fim de vida em novos materiais.

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade