A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Kingpin Books
Manuel Manso

Roteiro geek de Lisboa

Fãs de videojogos, banda desenhada ou jogos de tabuleiro têm muito com que se entreter neste roteiro geek de Lisboa.

Escrito por
Editores da Time Out Lisboa
Publicidade

O Ciberdúvidas da Língua Portuguesa esclarece: geeks são pessoas apaixonadas por computadores e tudo o que se relaciona com o mundo virtual. O termo, que começou por ser usado de forma pejorativa (caixas de óculos introvertidos que conheciam de cor as vantagens de desfragmentar o disco rígido), é agora uma palavra usada com orgulho por toda a gente que tem uma relação semi-obsessiva (apaixonada?) com videojogos, cinema, banda desenhada e outras expressões da cultura popular. Este parágrafo inteiro para dizer que em Lisboa não faltam sítios para geekalhar alegremente.

Recomendado: Sítios onde um adulto pode ser criança em Lisboa

Roteiro geek de Lisboa

  • Compras
  • Brinquedos e jogos
  • Campo Grande/Entrecampos/Alvalade

Uma Meca para os apreciadores de boardgames e RPGs em Lisboa. Por outras palavras, um sítio para adquirir e jogar coisas bem mais complexas do que Monopólio. O projecto, que também acolhe torneios de Magic: The Gathering, é da responsabilidade da editora Devir, especializada em banda desenhada e representante oficial das principais marcas de jogos de aventura e estratégia do planeta, como a Wizards of the Coast ou The Pokémon Company.

  • Compras
  • Livrarias
  • Chiado/Cais do Sodré

A mania da BD surgiu antes da BdMania e alastrou-se nos anos 90, quando Paulo Costa vendia livros a partir de uma garagem em Cascais, antes da abertura do primeiro espaço oficial, num apartamento em Lisboa. Agora, além da venda online, há uma loja na Rua das Flores, perto do Chiado. Nas estantes da BdMania encontram-se sobretudo comics norte-americanos da Marvel e da DC, mas também há espaço para outros livros, inclusive de autores nacionais, para baralhos de cartas e para as inescapáveis action figures.

Publicidade
  • Coisas para fazer
  • Eventos literários
  • Grande Lisboa

É o paraíso para os fãs de banda desenhada e está no segundo piso da Biblioteca Municipal Fernando Piteira Santos. O espaço acolhe mais de 40 mil publicações, entre álbuns, livros, revistas e fanzines. Para além das áreas dedicadas a arquivo para consulta, há ainda duas zonas de exposições, uma área dedicada à Bedeteca Júnior, e uma Fanzineteca. Se anda à procura de um álbum especial de banda desenhada é bem provável que o encontre aqui.

Casa Antunes
  • Compras
  • Martim Moniz

O Centro Comercial do Martim Moniz escondeu demasiado bem esta loja da nossa vista. Com mais de dez anos de experiência, Vítor Antunes é quem está atrás do balcão deste éden de modelismo e recebe sempre com uma simpatia e conhecimento da matéria inigualáveis. Aficcionados destas pequenas maravilhas, é nesta casa, que celebrou mais um aniversário este ano, que vão poder encontrar um Borgward, um Panther Turm ou uma Battlestar Galactica. Entretenha-se como uma criança no dia de Natal.

Publicidade
  • Coisas para fazer
  • São Vicente 

O nome engana, porque nesta Casa da BD, que tem um segundo espaço na loja 6 do Mercado de Santa Clara, não há só banda-desenhada, mas quase tudo o que se espera da verdadeira cultura pop, incluindo bonecos Funko Pop ou Q-Figs (se nunca leu estas palavras é porque não é um verdadeiro geek). As novidades, sempre a aparecer, vão sendo anunciadas no Facebook.

  • Compras
  • Benfica/Monsanto

Brinquedos: uma das maiores alegrias dos mais pequenos, mas não só. A Click Brick é prova disso, com clientela maior de idade a querer varrer prateleiras cheias de peças e edições especiais Lego, para aquela colecção que continua a crescer lá em casa ou para oferecer ao amigo geek. Encontram-se por lá polybags, sets, porta-chaves, caixas de arrumação, minifigures – algumas mais raras – ou enciclopédias. Afinal, todos podem brincar, não interessa a idade. 

Publicidade
  • Coisas para fazer
  • Lumiar

Neste espaço de gaming, com bar de apoio, pode jogar à vontade em diferentes consolas e até participar em torneios, quer de videojogos quer de jogos de cartas como Magic: The Gathering. Para não perder pitada, basta estar atento às páginas de Facebook e Instagram, onde são anunciadas todas as novidades.

  • Coisas para fazer
  • Campo Grande/Entrecampos/Alvalade

Esta “loja de produtos geek”, como se auto-intitula, tem (quase) tudo o que pode imaginar, desde jogos de cartas e tabuleiro até t-shirts e figuras relacionadas com a cultura pop. Apesar de venderem também online, o melhor é mesmo visitar o espaço, onde costumam decorrer torneios de jogos, como o Yu-Gi-Oh!, às sextas-feiras e sábados.

Publicidade
  • Compras
  • Areeiro/Alameda

O aeromodelismo, passatempo preferido do Júlio Isidro, pode não apelar muito às gerações mais novas mas esta loja da Avenida Madrid soube adaptar-se aos novos tempos. Isto é, soube acompanhar a moda dos drones. Este é o melhor sítio para comprar esses aeróstatos modernos, passarolas mecânicas ruidosas que deixariam Bartolomeu de Gusmão orgulhoso. Se prefere modelos terrestres ou marítimos, também encontrará carros e barcos.

  • Compras
  • Brinquedos e jogos
  • Avenida da Liberdade/Príncipe Real

Action figures, raridades e edições limitadas fazem desta pequena loja em Picoas um lugar obrigatório para coleccionadores, fãs de cinema, banda desenhada ou videojogos. Não são bonecos para brincar (há quem nem os tire da caixa) ou decorar bolos de anos, mas sim sofisticadas esculturas que podem custar centenas de euros. Se está à procura de um sabre de luz ou um Iron Man de 84 centímetros é esta a loja de artigos coleccionáveis a que tem de vir.

Publicidade
  • Compras
  • Livrarias
  • Lisboa

Kingpin Books surgiu como loja online em 1999 (na altura, Kingpin of Comics) e o primeiro espaço físico foi um stand nesse mesmo ano, no festival Amadora BD. Desde então passou por várias moradas e actualmente encontra-se na Avenida Almirante Reis. Impressiona a quantidade de livros de banda desenhada, mas também há uma zona reservada a apresentações de livros e a sessões de autógrafos, e muito merchandising alusivo a super-heróis, incluindo os famosos bonecos Funko Pop. 

  • Coisas para fazer
  • São Sebastião

Criada em Novembro de 2012, continua firme e com a mesma missão: fornecer a todos os praticantes de jogos de estratégia, quer de cartas, tabuleiro ou miniaturas, o melhor serviço, preços competitivos e uma das melhores arenas para jogos em Portugal. Além de terem os principais jogos de cartas coleccionáveis, desde Magic: The Gathering até Force of Will, têm também uma vasta oferta de banda desenhada, novelas gráficas, jogos de tabuleiro e Funko Pops, com vantagens exclusivas para quem fizer standing orders.

Publicidade
  • Coisas para fazer
  • Grande Lisboa

A Marvel Mission abriu no UBBO com escape rooms, realidade virtual e realidade aumentada em diferentes missões para toda a família (a partir dos 13 anos). Ainda há uma loja cheia de merchandising, uma sala para eventos e uma zona para crianças a partir dos cinco anos, onde é possível celebrar aniversários temáticos e inspirados nas personagens do universo Marvel.

  • Compras
  • Lisboa

O MILL, na rua mais inclinada da Colina de Santana, é o quartel-general dos makers lisboetas. E o que são os makers, pergunta o leitor? São fazedores, pessoas que metem as mãos à obra em projectos de programação, robótica, impressão 3D e um grande et cetera de outras coisas. Por outras palavras, são apaixonados por bricolage electrónica, com mais bits e bytes do que berbequins e brocas. No MILL há workshops para aprender estas coisas e uma oficina comunitária para quem quiser desenvolver os seus projectos.

Publicidade
  • Coisas para fazer
  • Sete Rios/Praça de Espanha

Antes era uma loja, mas agora a Mr. Zombie cresceu para os lados e tonou-se um café que junta hambúrgueres e pizzas a videojogos, consolas novas e antigas e outras pérolas perdidas no tempo. Um paraíso para os nostálgicos, no fundo. Nas prateleiras da loja há videojogos para todos os gostos e consolas. E nas paredes há vários ecrãs ligados às máquinas, cada uma com 40/60 jogos que são uma viagem no tempo.

  • Compras
  • Lisboa

Desde jogos de tabuleiro, passando por figuras Funko Pop e merchandising, até coleccionáveis, esta loja tem tudo o que precisa para alimentar o seu espírito geek, a começar pela decoração, com uma Nimbus 2000 pendurada no tecto, para fazer as delícias de todos os fãs de Harry Potter. Entre as diferentes propostas, não faltam clássicos como o Cluedo, o Quem é Quem? e o Risk original.

Publicidade
  • Restaurantes
  • Grande Lisboa

N'a Sala pode petiscar e beber café, mas o espaço também funciona como galeria de arte, sítio para workshops e sala para jogar jogos de tabuleiro a noite toda. Só tem de pegar no jogo que mais lhe apraz e levar uns amigos consigo.

  • Coisas para fazer
  • Campo Grande/Entrecampos/Alvalade

Desde 2010 que a Tsubaki traz o melhor merchandise da cultura pop japonesa para Portugal, desde estátuas, action figures e Funko Pops até peluches, porta-chaves e pockys, snacks japoneses que consistem em palitos de bolacha com cobertura de sabores como chocolate, mirtilo ou amêndoa. Nham!

Publicidade
  • Compras
  • Brinquedos e jogos
  • Oeiras

Depois da loja no Parque das Nações, a Versus Gamecenter abriu um espaço em Algés no final de 2020. Ali encontra jogos de tabuleiro e de cartas coleccionáveis, mas não só. Se é fã de convívios com outros entusiastas, vai querer saber que ali se organizam jogos e torneios regulares – para participar é preciso acompanhar as redes sociais onde tudo é anunciado. 

  • Coisas para fazer
  • Jogos e passatempos
  • Grande Lisboa

É um jogo, mas parece tão real que nos faz esquecer que estamos fechados numa sala com 200 metros quadrados no centro comercial UBBO. É uma verdadeira experiência de realidade virtual imersiva. Para já, há seis jogos disponíveis: Sol Raiders, Origins, Zombie Survival, Singularity e Engineerium. Escolha o que escolher, é garantido que vai andar aos tiros. O jogo é em equipa, até ao máximo de seis a oito jogadores, o que torna o acontecimento ainda mais divertido.

Leia a nossa experiência no Zero Latency

Mais coisas para crianças grandes

  • Noite

Algumas esplanadas e outros espaços com licença de restauração já estão abertos ao público, para matar saudades de beber uns copos. E para matar a sede, já agora. Da Cerveteca à Toca da Raposa, passando pelo Village Underground ou A Padaria do Povo, sugerimos uns quantos sítios onde pode dirigir-se quando quiser reencontrar-se com os amigos e conjugar o verbo do momento: desconfinar.

  • Restaurantes

É uma tradição bem portuguesa, esta de rumar à esplanada assim que os casacos começam a ficar para trás. Talvez até antes disso, porque neste jardim à beira-mar plantado tudo serve de desculpa para fazer fotossíntese. Com isto em mente, quisemos trazer-lhe a papinha toda, dizer-lhe onde é que a pode fazer sem passar fome e sede. A lista que se segue é um apanhado das últimas novidades.

Publicidade
  • Coisas para fazer

Um dia inteiro na firma, em frente a um computador, é capaz de deitar qualquer um abaixo. Em vez de ir para casa cabisbaixo a pensar na vida, faça planos para relaxar depois do trabalho. Descarregue a raiva nos objectos que podeescolha uma aula de yoga num ambiente quente e relaxante, vá passear os meninos ou o cão ao jardim ou tire o pé do chão com umas aulas de samba ou forró.

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade