Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Os melhores passeios em Lisboa para fazer esta semana
Terreiro do Paço
©Inês Félix

Os melhores passeios em Lisboa para fazer esta semana

Calçado confortável, desinfectante, distância e pernas a postos: eis o que precisa para palmilhar a cidade e arredores

Por Francisca Dias Real
Publicidade

Há passeios em Lisboa e arredores para todos os gostos. Sugestões para lhe ocupar o fim-de-semana não faltam, mas, se não quiser ficar a ver navios, já sabe que o melhor é agilizar o processo de reserva e inscrição nas diferentes actividades (muitas delas esgotam num ápice). Quanto ao kit de sobrevivência, calçado e roupa confortável são a recomendação da praxe, à qual acresce agora o álcool-gel e uma máscara, para qualquer eventualidade. Junte a família ou um grupo de amigos e desfrute destes passeios e caminhadas, ao mesmo tempo que aprende umas coisas e pratica algum exercício. E não se esqueça de andar longe dos outros, à distância e sem atropelos.

Recomendado: As esplanadas mais quentes em Lisboa para este Inverno 

Passeios em Lisboa para fazer esta semana

Museu Arqueológico do Carmo
Museu Arqueológico do Carmo
Fotografia: Manuel Manso

1. Passeio pelas memórias do terramoto

Coisas para fazer Caminhadas e passeios Largo do Carmo, Chiado

Se não tem nada planeado para este sábado e é daqueles que não conhece a própria cidade tem aqui uma bela oportunidade para recordar a história de Lisboa. A Caminhando organiza uma visita guiada às ruínas e ao museu arqueológico do Carmo. O encontro está marcado para as 14.30, no Largo do Carmo, por isso prepare-se para conhecer por dentro as ruínas do Carmo, explicando os efeitos do Terramoto de 1755 na antiga igreja, percebendo o que é original e o que foi reconstruído, ainda que se tenham mantido os vestígios da destruição, ao estilo romântico do século XIX. Depois desta visita, siga para o Arco da Rua Augusta, actividade já incluída no passeio.

Ponto de encontro: Largo do Carmo. Inscrições:reservas@greentrekker.pt. Dom 10.00. 15€. 

Castelo dos Mouros
Castelo dos Mouros
©DR

2. Caminhada de Halloween na Serra de Sintra

Coisas para fazer Praça D. Fernando II, Sintra

Não podia haver cenário mais assustador do que a Serra de Sintra para uma noite destas. O percurso começa na praça Dom Fernando II e por aí em diante os caminhantes entram pela zona de bosques e mata, traçando um trilho misterioso, tal como pede o Halloween. A caminhada passa por locais como o Palácio Nacional de Sintra, o caminho dos Castanheiros, a Quinta da Regaleira e Palácio de Seteais. A partir daqui, preparado ou não e na escuridão da noite, vai seguir por um trilho entre muros – imagine-se num filme – para chegar ao Castelo dos Mouros. Depois do susto, volte a descer à vila e regresse ao ponto de partida. 

Ponto de encontro: Praça Dom Fernando ll. Sáb 20.00. Inscrições: trilhosnocturnos@gmail.com. 10€. 

Publicidade
Huawei conteúdo patrocinado
Huawei conteúdo patrocinado
DR

3. Crimes de Lisboa

Coisas para fazer Arco da Rua Augusta, Baixa Pombalina

Do regicídio de D. Carlos aos processos da Inquisição, parta à descoberta das histórias mais sangrentas de Lisboa numa visita guiada pela Baixa, Alfama e Mouraria. Este passeio, que começa no Arco da Rua Augusta e termina na praça do Rossio, é tanto uma aula de história como a desculpa perfeita para ir apanhar um ar e exercitar as pernas. O anfitrião é o guia e actor Tiago Paixão, que irá dar a conhecer vários crimes no exacto local onde aconteceram. A actividade decorre durante várias datas e arranca sempre às 21.30. 

Ponto de encontro: Arco da Rua Augusta. Várias datas 21.30. 16€. peddymais@gmail.com ou 91 477 3836.

4. Caminhada de Lua Cheia na Serra de Sintra

Coisas para fazer Malveira da Serra, Cascais

A Green Trekker leva-o numa viagem pela mítica serra de Sintra, e o desafio é uma caminhada de 11 km (leve calçado confortável, claro) que começa no lavadouro público da Malveira da Serra e daí segue rumo à Pedra Amarela, onde está um marco geodésico e uma torre de vigia. Desse local vai poder deitar o olho à lua e às vistas sobre a costa e Lisboa. O passeio segue para a Peninha onde os caminhantes corajosos vão fazer uma paragem junto à Capela de São Saturninho para tomar um chá. A caminhada faz-se de volta ao ponto de partida. 

Ponto de encontro: Malveira da Serra, no lavadouro público (ao lado da Escola Primária). Sáb 19.30. Inscrições: reservas@greentrekker.pt. 10€.

Publicidade
aldeia de broas
aldeia de broas
©DR

5. Passeio e visita à Aldeia de Broas

Coisas para fazer Museu Arqueológico de São Miguel de Odrinhas, Sintra

Se quiser aproveitar os fins-de-semana de forma diferente do resto dos mortais, pode alinhar neste passeio da Caminhando, que lhe propõe uma saída de Lisboa para respirar o ar puro da aldeia de Broas, em Mafra. A caminhada tem início às 09.30 no parque de estacionamento do Museu de Odrinhas e, a partir daí, segue por caminhos rurais, trilhos ao longo das margens da ribeira de Cabrela e alguns moinhos de vento – que no passado alimentaram a fama da região – que o vão levar até ao centro da aldeia tipicamente saloia. 

Ponto de encontro: Parque de Estacionamento do Museu de Odrinhas. Inscrições: www. caminhando.pt. Sáb 09.20. 6€.

Parque Florestal de Monsanto
Parque Florestal de Monsanto
©Arlindo Camacho

6. Corredor Verde de Monsanto

Coisas para fazer Parque Eduardo VII, São Sebastião

Esta proposta da Caminhando vai levá-lo a conhecer grande parte do Corredor Verde de Lisboa, que vai desde a Avenida da Liberdade até ao Parque Florestal de Monsanto, numa extensão de 15 km. A caminhada começa no Parque de Estacionamento na zona de Campolide, no final da Avenida General Correia Barreto, e pelo meio há uma série de pontos de interesse como o Jardim Amália Rodrigues, o Parque do Calhau, o Miradouro Keil do Amaral, o Miradouro do Moinho do Penedo ou o Miradouro e Parque de Merendas da Escarpa. É calçar as sapatilhas mais confortáveis e dar à perna por esse caminho fora.

Ponto de encontro: Parque Eduardo VII. Dom 09.30. www.caminhando.pt. 6€. 



Publicidade
lua
lua
©DR

7. Caminhada de Lua Cheia por Miradouros e Ascensores

Coisas para fazer Terreiro do Paço, Santa Maria Maior

Caso não tenha vontade de ir até Sintra, pode sempre ficar por Lisboa e dar à perna entre vários pontos emblemáticos da cidade. A Caminhando tem preparado um passeio pelos miradouros e ascensores lisboetas – do Miradouro das Portas do Sol ao de Santa Catarina, do Ascensor do Lavra ao Ascensor da Bica, as paragens obrigatórias durante os nove quilómetros de caminhada. Será durante estas pausas que vai ter de puxar pela sua faceta mais lunática e observar a lua cheia no seu esplendor. 

Ponto de encontro: Junto à Estátua D. José no Terreiro do Paço. Sáb 20.00. www.caminhando.pt. 6€. 

Cristo Rei
Cristo Rei
©DR

8. Tardes ao sul de Lisboa

Coisas para fazer Cais do Sodré, Cais do Sodré

Embarque (literalmente) nesta aventura com a Lisboa Autêntica – depois da travessia do Tejo no cacilheiro, a proposta é uma caminhada do outro lado do rio. Ao longo do Cais do Ginjal, os participantes vão encontrar alguns vestígios de arqueologia industrial, onde durante grande parte do século XX funcionaram algumas fábricas de conserva e tanoarias. Seguem ainda para a antiga sede da Companhia Portuguesa de Pescas, hoje Museu Naval, e ainda é possível subir o elevador panorâmico do Jardim da Fonte da Pipa. Já em em Almada Velha, passarão no jardim junto ao forte militar a Igreja de São Tiago e o Museu Medieval. Antes de regressarem a Lisboa ainda haverá oportunidade de visitar a Igreja da Nossa Senhora do Bom Sucesso, padroeira dos navegantes e de admirar a Fragata Dom Fernando II e Glória, a última fragata totalmente a vela da Marinha Portuguesa.

Ponto de encontro: Cais do Sodré (estação fluvial junto às bilheteiras da Transtejo). Sex 14.00. 10€ (não inclui bilhetes de barco)

Mais em Lisboa

desconfinamento
Fotografia: Mariana Valle Lima

Coisas grátis para fazer em Lisboa esta semana

Coisas para fazer

Grátis é a palavra mágica que todos gostamos de ouvir. Felizmente, uma das vantagens de viver em Lisboa é ter à disposição um calendário de iniciativas gratuitas que lhe dá poucos argumentos para ficar a preguiçar em casa. Por isso mesmo, todas as semanas trazemos-lhe sugestões para aproveitar, à borla, tudo o que Lisboa tem para oferecer, ou seja, eventos que pode usufruir sem ter de abrir os cordões à bolsa, das exposições aos concertos no jardim.

Exposição Van Gogh
Duarte Drago

Exposições em Lisboa para visitar este fim-de-semana

Arte

Acha que continua sem se passar nada em Lisboa este fim-de-semana? Nada disso. E há muitas exposições para provar que está bem enganado. Portanto, torne os próximos dias mais culturais, sozinho ou com a família toda atrelada (sim, há exposições kids friendly). Com tantos museus e galerias na cidade, é impossível não ter o que ver.

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade