As melhores séries de 2017

Já sabíamos que a televisão vive uma nova era dourada, mas ainda nos surpreendemos com a quantidade e qualidade das suas séries. Isto foi o melhor que vimos este ano.
big little lies
©DR
Por Cláudia Lima Carvalho e Luís Filipe Rodrigues |
Publicidade

São cada vez mais os nomes grandes de Hollywood, entre actores e realizadores, a aventurarem-se no pequeno ecrã (ou nos vários ecrãs). Uma consequência do crescente investimento dos canais nas suas produções. Em 2017 estrearam-se séries como há muito não acontecia e estas dez foram as melhores que vimos. 

As melhores séries de 2017

1
Camera

Big Little Lies, TvSéries

Foi anunciada como uma minissérie de uma temporada apenas, mas o sucesso foi tal que a HBO já anunciou uma segunda temporada. Big Little Lies, a série que trouxe Hollywood para a televisão, foi o melhor que vimos este ano, em parte pelo efeito surpresa que causou. Uma história de mulheres, protagonizada por Shailene Woodley, Nicole Kidman e Reese Witherspoon – as duas últimas são também as produtoras. Destaque para a interpretação dos miúdos e para a banda sonora de luxo.

2
Camera

Twin Peaks, TvSéries

O regresso de David Lynch (e Mark Frost) a Twin Peaks foi tudo o que se esperava e muito mais. Um filme de 18 episódios, como lhe chamou Lynch, que filmou e montou tudo com toque de mestre. Além de Twin Peaks, a nova temporada passou por sítios como Las Vegas, Nova Iorque ou Los Alamos nos anos 40. Pelo caminho, reflectiu sobre as ideias de bem e de mal, a violência (sobre as mulheres e não só), a cultura popular e o próprio meio televisivo.

Recomendado: De volta a Twin Peaks

Publicidade
3
Camera

Stranger Things T2, Netflix

Chegou no fim-de-semana de Halloween e a data da estreia não foi um acaso. A segunda temporada de Stranger Things é mais uma viagem nostálgica aos anos 80, inspirada por Steven Spielberg e os filmes da Amblin. Os novos episódios são intensos, e mais criativos até. 

4
Camera

Bojack Horseman T4, Netflix

Poucas séries retratam a depressão de uma forma tão genuína e destemida como Bojack Horseman. Um feito notável para uma comédia animada sobre um cavalo antropomórfico que é uma estrela de televisão em declínio. A quarta temporada destacou-se pela forma como colocou a ênfase noutros personagens e nos seus problemas, sem nunca se esquecer de Bojack.

Publicidade
5
Camera

CAÇADOR DE MENTES, Netflix

Entrevistar assassinos para perceber o que os move é o mote desta série criada por Joe Penhall e realizada por David Fincher. Baseada numa história verídica, com assassinos de que já ouvimos falar, CAÇADOR DE MENTES segue dois investigadores do FBI, da unidade de Ciências Comportamentais. Uma série negra e tensa, sem nunca ser demasiado explícita.

Recomendado: Na mente de um assassino

6
Camera

The Leftovers T3, TVSéries/NOS Play

The Leftovers mostrou em mais do que uma ocasião que merece a nossa confiança. Que mais não seja porque Damon Lindelof e Tom Perrotta sabem o que querem e o que estão a fazer, e o elenco é óptimo – particularmente Justin Theroux, com uma presença magnética – apesar de não ter nomes tão sonantes como outras produções da HBO. 

Recomendado: O início do fim de 'The Leftovers'

Publicidade
7
Camera

Better Call Saul T3, Netflix

Saul Goodman de Breaking Bad não foi sempre Saul Goodman, antes disso o advogado foi Jimmy McGill e é essa vida que conhecemos em Better Call Saul. À terceira temporada, a série de Vince Gilligan continua igual a si mesma e a introduzir-nos cada vez mais caras conhecidas. É o ideal para matar saudades de Breaking Bad.

8
Camera

Master of None T2, Netflix

Aziz Ansari trocou Nova Iorque por Itália e isso deu obviamente pano para mangas em Master of None. A segunda temporada de Master of None dá-nos a experiência do actor, uma vez mais de forma um pouco mais exagerada. No meio de tanta oferta, esta série de comédia é um título obrigatório a ver.

Publicidade
9
Camera

Narcos T3, Netflix

Pablo Escobar morreu mas Narcos continou em grande com os novos protagonistas, os grandes chefes de Cali, entre os quais está o português Pêpê Rapazote. A nova temporada não desiludiu e deixou-nos novamente com vontade de mais.

Recomendado: Adiós, patrón. Hola, caballeros de Cali

10
Camera

Legion, Fox

David Haller foi desde cedo diagnosticado como esquizofrénico, tendo passado parte da sua vida internado em hospitais psiquiátricos. Mas um encontro com a mulher dos seus sonhos faz com que questione se a sua doença não será afinal um grande poder mutante. Esta é uma série com a marca Marvel, criada por Noah Hawley, que adaptou Fargo à televisão.

Best of 2017

Cinemas

Os melhores filmes de 2017

Cada final de ano, na altura dos habituais balanços, e no que ao cinema diz respeito, chegamos sempre à mesma conclusão. Começámos pouco optimistas em relação à qualidade dos filmes que íamos ver; e acabámos com a satisfação de que vimos suficientes bons filmes para elaborar uma lista com os dez melhores, e ainda ficam de fora uns quantos que também lá cabiam perfeitamente.

Pega monstro
©Sara Rafael
Música

Os melhores discos portugueses de 2017

A música portuguesa vive dias bons. Com bandas e artistas a falarem a sua língua e a produzirem canções que reflectem o país e o presente. Do indie rock português das Pega Monstro e Putas Bêbadas às batidas afromecânicas de Nídia e DJ Lycox, passando pela folk lisboeta de Éme e Luís Severo, o hip-hop de Slow J e os Orelha Negra ou o fado de Camané. Estes foram os melhores discos do ano.

Publicidade
Benjamin Clementine
Photograph: Courtesy the artist
Música

Os melhores discos internacionais de 2017

Mais um ano, mais uma remessa de grandes discos e músicas, para todos os gostos e feitios. Da frescura rock lo-fi de Mac DeMarco ao indie rock de Thurston Moore, passando pela pop vanguardista de Benjamin Clementine ou o hip-hop de Vince Staples, Young Thug ou Kendrick Lamar.

Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com