As melhores séries românticas para ver na Netflix

Tal como no amor, também na Netflix há opções para todos os gostos. Está à procura de uma série romântica? Espreite as nossas sugestões.
The End of the F***ing World - Netflix
Por Cláudia Lima Carvalho |
Publicidade

Romances históricos, comédias românticas, histórias caóticas e negras mas também de encantar. No que diz respeito ao amor, o serviço de streaming tem tudo para lhe dar, seja para ver sozinho enroscado no sofá ou para ver agarrado à sua cara metade. O que não faltam são séries românticas para ver na Netflix. Bem sabemos que o conceito de romântico pode variar de pessoa para pessoa e é a pensar nisso que aqui oferecemos uma selecção que acreditamos agradar a gregos e troianos – com toda a certeza, encontrará pelo menos uma série de que gostará. Eis as melhores séries românticas que pode ver neste momento na Netflix.

Recomendado: Sete filmes sobre amores de Verão

 

As melhores séries românticas para ver na Netflix

The End of the F***ing World

A história é negra, mas divertida e romântica. The End of the F***ing World não é uma comédia romântica normal, mas não deixa de nos lembrar os amores adolescentes. É disso mesmo que se trata. Do amor entre Alyssa (Jessica Barden) e James (Alex Lawther). Ele um psicopata que se fartou de matar pequenos animais e decidiu matar uma pessoa, ela uma rapariga insurrecta e descontente. Juntos partem estrada fora, sem rumo ou regras.

Foi assim que aconteceu

Não é um título óbvio à partida, mas faz todo o sentido que Foi Assim Que Aconteceu (How I Met Your Mother) entre nesta lista de séries românticas, afinal podemos olhar para toda a série – nove temporadas – como uma grande história de amor. Se traduzirmos à letra o título original, temos a história, que é relatada pela personagem Ted (Josh Radnor) que a cada episódio vai contando aos filhos adolescentes como é que conheceu a mãe. Tudo o que acompanhamos são por isso os seus flashbacks.

Publicidade

Outlander

No amor, o timing é tudo. Em Outlander, é mais ainda. Ou não falássemos nós de uma história de amor separada por dois séculos. Claire vivia em 1945 quando foi subitamente transportada para o ano de 1743, onde conheceu Jamie Fraser por quem se apaixonou. Mas não bastava a separação do tempo para abalar o amor, o casal conhece-se num período conturbado, numa Escócia dominada por guerras de clãs. Na Netflix pode ver as três temporadas – a última estreou-se apenas há uns meses – desta história adaptada dos livros de Diana Gabaldon.

Recomendado: Falámos com três actores de Outlander sobre a terceira temporada

Love

Esta é uma história sobre o amor que não é bem uma história de amor, é mais uma história do nosso tempo, daqueles que vêem nos 30 anos a responsabilidade de não chegar aos 40 bem estabelecidos. Protagonizada por Gus (Paul Rust) e Mickey (Gillian Jacobs), Love é mais do que uma simples comédia romântica. Gus é o geek simpático, à procura da normalidade que os 30 anos lhe impõem; Mickey é o caos em pessoa, não só problemática como desleixada. A química entre os dois nem sequer é clara. Como não é claro que os dois fiquem juntos. Há duas temporadas para devorar, com episódios de pouco mais de 30 minutos. A série é de Judd Apatow, realizador de filmes como Descarrilada, Um Azar do Caraças, Virgem aos 40 Anos ou Gente Gira.

Publicidade

Lovesick

Esta é uma série que à partida tem uma premissa estranha, mas que acaba por resultar numa bela comédia romântica, sem tabus: Dylan (Johnny Flynn) descobre clamídia, uma doença sexualmente transmissível, que o obriga a contactar todas as suas antigas parceiras. É ao longo desse caminho que vamos conhecendo a sua vida sentimental, tal como vamos conhecendo melhor os seus melhores amigos Luke (Daniel Ings) e Evie (Antonia Thomas). É ao recordar as relações do passado, que Dylan, que vive à procura do amor ideal, percebe o que correu mal e talvez quem é o seu verdadeiro amor.

Easy

Cada episódio, uma história, novos personagens. Amor, sexo, tecnologia. Eis uma série romântica dos tempos modernos. A vida como ela é, apaixonante, complexa, divertida e, tantas vezes, caótica. São duas temporadas com a cidade de Chicago como pano de fundo. É Chicago, mas às vezes podia ser Lisboa.

 

Publicidade

Downton Abbey

A popular série britânica que passou na televisão em mais de 100 países entre 2010 e 2015 está agora na Netflix. Uma história de época com tudo a que temos direito: drama, comédia, amor, ódio, ciúmes, rivalidade, ambição, desespero e romance. Tudo acontece numa grande propriedade agrícola da aristocracia no começo do século XX. Downton Abbey foca-se nas relações que se estabelecem entre a família dos donos, os Crawleys, e os seus empregados, uma legião de criadas de quarto, motoristas e camareiros, liderada por um mordomo reaccionário.

Outras sugestões românticas

Café Principe Real
DR
Restaurantes

Os melhores restaurantes para um jantar a dois em Lisboa

Nem todos os jantares a dois têm de ser necessariamente românticos e sossegados (e por vezes aborrecidos até). Nesta lista estão os melhores restaurantes para um jantar a dois em Lisboa: daqueles que têm uma vista incrível e servem um fine dining perfeito para ocasiões especiais – mesmo que sejam mais descontraídos, com muita pinta e muitas vezes cheios, mas ideais para aquele boost a meio da semana ou no fim-de-semana. É como quiser. Não deixe é de reservar mesa num destes restaurantes. Não se vai arrepender. 

Publicidade
Verride Palácio Santa Catarina
©Paulo Carvalho
Hotéis

Os melhores hotéis românticos em Lisboa

Que Lisboa é a cidade mais romântica já nós sabíamos, mas que tinha tantos hotéis para levar as escapadinhas românticas a um novo nível foi uma surpresa. Seja com pequenos-almoços na cama ou vistas de cortar a respiração, os melhores hotéis românticos em Lisboa não desiludem.

Publicidade
Esta página foi migrada de forma automatizada para o nosso novo visual. Informe-nos caso algo aparente estar errado através do endereço feedback@timeout.com