Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Filmes e séries para quem pratica a terapia do riso
Televisão, Série, The Office
©DR The Office

Filmes e séries para quem pratica a terapia do riso

Mudam-se os tempos, mas a vontade de soltar umas boas gargalhadas com filmes e séries de televisão nunca esmorece.

Por Editores da Time Out Lisboa
Publicidade

Se a realidade não convida a risos, a ficção continua a dar-nos razões suficientes para aligeirar o quotidiano e esquecer os problemas, por momentos que sejam. Concorda? É que não há falta de conteúdo digno de chorar a rir, agarrado aos abdominais, e garantimos que é tão ou mais eficaz do que aquela série de exercícios que anda a fazer em casa para tentar conservar a forma. Mergulhe nesta lista com algumas das melhores comédias que andam por aí, entre filmes e séries, e vai ver que, no final, vai poder exibir o espírito bem torneado e dizer a toda a gente – com orgulho – que nem precisou de levantar ferro.

Recomendado: As melhores séries do momento

Filmes e séries para quem pratica a terapia do riso

1. A Ressaca

Não há amor como o primeiro. Pelo menos quando falamos da trilogia A Ressaca, que segue os acontecimentos alucinantes, disparatados, improváveis e hilariantes vividos por três amigos depois de acordarem de uma despedida de solteiro em que o noivo desaparece.

HBO, Netflix, Meo Videoclube

2. A Máscara

Stanley Ipkiss (Jim Carrey) leva uma vida comum até encontrar uma máscara que o transforma numa grotesca figura de cara verde com poderes nunca imaginados, um humor peculiar e com a coragem que sempre lhe faltou.

Netflix

Publicidade

3. Borat: Aprender Cultura da América para Fazer Benefício Glorioso à Nação do Cazaquistão

Nesta comédia de Larry Charles, Borat (Sacha Baron Cohen), um apresentador de rádio do Cazaquistão, é enviado aos EUA para fazer uma reportagem sobre os hábitos dos seus habitantes. Além de fazer rir, a viagem carregada de preconceitos e mal-entendidos culturais que empreende recorda como o racismo e a misoginia continuam presentes entre o povo que elegeu Trump.

MEO Videoclube

4. Os Ricos e os Pobres

A relação amor/ódio da América com o capitalismo raras vezes foi melhor e mais estranhamente explorada do que neste sádico conto de fadas de 1983, no qual dois homens de negócios decidem substituir um dos seus melhores empregados, um elitista educado em Harvard interpretado por Aykroyd, pelo vagabundo espertalhaço criado para Eddie Murphy.

Netflix

Publicidade

5. A Vida de Brian

Naquela que é, para muitos, a obra-prima dos Monty Python, deparamo-nos com uma farsa em estado puro, quando os três Reis Magos encontram a manjedoura errada e o insuspeito pelintra Brian Cohen é declarado Messias.

Netflix

6. Parks and Recreation

Greg Daniels e Michael Schur são os responsáveis por esta sátira política inspirada em The Office, que se centra nos desafios e elementos ridículos da administração política local, com uma enorme empatia e sem nunca ceder ao cinismo. Cinco anos após o fim da série, o elenco reuniu-se para um episódio especial sobre o coronavírus, que vai para o ar a 30 de Abril.

Amazon Prime

Publicidade

7. BoJack Horseman

BoJack era o cavalo mais adorado da TV nos anos 90. Vinte anos depois, a história é bem diferente. Caído em desgraça, transformou-se num rabugento insuportável, cuja desgraça nos diverte.

Netflix

8. The Office

O quotidiano de um escritório em Scranton, na Pensilvânia, é retratado nesta produção protagonizada por Steve Carell, baseada na série de Ricky Gervais e Stephen Merchant com o mesmo nome. Nos dois casos, o comportamento humano em pleno local de trabalho, ainda que um pouco exagerado (será assim tanto?), são a chave do sucesso.

Amazon Prime

Publicidade

9. Big Mouth

Esta série animada, criada pelo humorista Nick Kroll e o seu amigo de infância Andrew Goldberg, nome ligado a Family Guy e American Dad, segue um grupo de amigos que enfrenta esse lugar estranho que é a adolescência.

Netflix

10. Arrested Development

Em Maio de 2013, quase dez anos depois da estreia do primeiro episódio desta sitcom pós-moderna, que acompanha as peripécias da disfuncional família Bluth, uma quarta temporada chegou à Netflix. Entretanto, esta série com tendência para quebrar normas narrativas já tem cinco à sua espera.

Netflix

Publicidade

11. Brooklyn Nine-Nine

A chegada de um novo capitão à 99.ª esquadra de Brooklyn obriga Jake Peralta (Andy Sandberg), um talentoso, mas também imaturo polícia a aprender a seguir as regras e a trabalhar em equipa.

Netflix, Fox Comedy

12. Friends

A produção criada por David Crane e Marta Kauffman, vista por milhões e nomeada 62 vezes para os prémios Emmy, retrata o conjunto de peripécias de seis amigos. Quinze anos depois da estreia da série, o grupo reencontra-se para um episódio especial, prometido para Maio.

Netflix. Fox Comedy

Publicidade

13. Tem Calma, Larry

Larry David, co-criador de Seinfeld, voltou em 2017, depois de seis anos sem novos episódios, para a nona temporada de Tem Calma, Larry (Curb Your Enthusiasm), série quase autobiográfica em que transforma pequenas irritações do dia-a-dia em problemas graves. Já tem dez temporadas para ver.

HBO

14. The Marvelous Mrs. Maisel

Inspirada na carreira da comediante Joan Rivers, esta série apresenta-nos Mrs. Maisel, que vive a vida perfeita até descobrir as traições do marido. Uma noite de copos leva-a encontrar uma faceta de comediante, enquanto se debate com episódios de sexismo, audiências amargas e competição feroz.

Amazon Prime

Publicidade

15. Bananas

Em Bananas, Woody Allen interpreta um idealista desastrado que acaba por tornar-se dirigente da revolução na América Latina.

MEO Videoclube

Mais para ver

Filmes, Shawshank
©IMDB

Os melhores filmes na Netflix

Filmes

Há drama, há comédia, há acção, histórias para rir desmedidamente, para roer as unhas, para colar ao ecrã horas a fio sem qualquer noção de vida exterior. Compilámos o que de melhor existe actualmente na plataforma de streaming para que não tenha de o fazer e damos-lhe uma boa dose de sugestões abaixo. Prepare os snacks, as pipocas, se as tiver, hidrate-se e ponha os olhos nos melhores filmes na Netflix.

Karate Kid
©IMDB

Os melhores filmes de luta no cinema

Filmes

Há artes marciais, wrestling, boxe, luta de rua, há histórias que se constroem em torno dos punhos, há veracidade e ficção e ambas. A premissa foi combinar argumento e execução para chegar a uma obra digna, seja ela de produção megalómana Hollywoodesca ou independente, na lista que se segue tem opções para todos os gostos. Fique a conhecer os melhores filmes de luta no cinema.

Publicidade
Mid90s
Tobin Yelland/A24

Sobre rodas: filmes de skate no cinema

Filmes

No final da década de 80, a tábua faria das ruas o habitat natural e a popularização do skate foi exponencial, transformando os skaters num ponto contra-cultural que continuaria a crescer até à actualidade. Hoje, a indústria é uma das mais apetecíveis e rentáveis. Da moda ao cinema, a transversalidade acentuou-se e o que era visto como marginal subiu ao patamar da normalização. Nomes como Spike Jonze ou Jonah Hill haviam de contribuir definitivamente para a simbiose e são por isso alguns dos nomes obrigatórios nesta que é a lista dos filmes de skate no cinema.

Recomendado

    Também poderá gostar

      Publicidade