A Time Out na sua caixa de entrada

Procurar
Filme, Cinema, A Casa da Senhora Peregrine para Crianças Peculiares (2016)
©Twentieth Century Fox Film CorporationA Casa da Senhora Peregrine para Crianças Peculiares de Tim Burton

Os melhores filmes com Eva Green

É mãe e astronauta em 'O Espaço Entre Nós', agora em cartaz. Eis os melhores filmes com Eva Green

Escrito por
Eurico de Barros
Publicidade

Filha da actriz Marlène Jobert, muito popular no cinema francês nos anos 60 e 70, e que se retirou no final da década de 90, Eva Green foi modelo, estudou representação e fez algum teatro, antes de chamar a atenção de Bernardo Bertolucci, que lhe deu o primeiro papel no cinema em Os Sonhadores (2003). A partir daí, nunca mais parou, e tornou-se na quinta actriz francesa a ser uma "Bond Girl", em 007: Casino Royale (2006). Os portugueses podem vê-la actualmente a fazer de mãe e astronauta em O Espaço Entre Nós, de Alice Winocour.

Recomendado: Dez filmes para ver este Verão

Os melhores filmes com Eva Green

‘Os Sonhadores’, de Bernardo Bertolucci (2003)

Esta fita de Bernardo Bertolucci é um lamento serôdio e algo patético pelos anos de brasa da década de 60, mas Eva Green não podia ter tido uma melhor montra logo ao primeiro filme do que esta história de amizade e sexo em triângulo, onde mete a um canto Louis Garrel, que faz de seu irmão, e Michael Pitt, que interpreta o seu namorado. Pela sua desinibida Isabelle, até fazíamos uma revolução.

‘007: Casino Royale’, de Martin Campbell (2006)

No primeiro filme de Daniel Craig como James Bond, Eva Green interpreta Vesper Lynd, uma “Bond Girl” que está do mesmo lado que 007 e o vai ajudar na sua missão. Ela e Craig têm boa química juntos e Green faz também um bom contraponto feminino à mortífera Valenka, a guarda-costas balcânica do Le Chiffre de Mads Mikkelsen. E há ainda o “nó de amor argelino” de Vesper…

Publicidade

‘Inocência Roubada’, de Jordan Scott (2009)

Neste drama psicológico com toques de thriller e produção europeia, rodado em Inglaterra e passado nos anos 30, num muito selecto colégio particular feminino, a actriz personifica uma das professoras, Miss G., que se deixa fascinar por algumas das alunas a quem ensina mergulho. Green sai-se muito bem deste papel, já que a sua personagem é mais complexa do que possa parecer à primeira vista.

‘A Casa da Senhora Peregrine para Crianças Peculiares’, de Tim Burton (2016)

Eva Green já tinha trabalhado com Tim Burton em Sombras da Escuridão (2012), mas aqui tem o papel principal do filme, a Senhora Peregrine do título, que dirige uma casa em Inglaterra onde se abrigam crianças com poderes paranormais e consegue manipular o tempo, fazendo com que aquelas fiquem para sempre jovens. É um papel que serve como uma luva a Green, por via do seu aspecto exótico e do seu porte altivo.

Publicidade

‘A Partir de Uma História Verdadeira’, de Roman Polanski (2017)

Eva Green contracena com Emmanuelle Seigner nesta intrigante fita de Roman Polanski. Béart é Delphine Dayrieux, uma famosa romancista que está a atravessar um período difícil da sua vida e conhece Elle, uma fervorosa leitora e admiradora da qual se torna amiga, e começa a depender cada vez mais, inclusive para a sua criatividade. Mas quem será a enigmática Elle na realidade? Green é excelente, situando a personagem subtilmente entre o prestável e o incómodo.

‘Dumbo’, de Tim Burton (2019)

A versão em imagem real e com efeitos digitais do Dumbo de Walt Disney realizada por Tim Burton, tem um assombroso elefantezinho voador criado em computador como principal atracção. Mas outra das grandes atracções do filme é Eva Green na bondosa e sensual trapezista francesa Colette Marchand, que contribui para que Dumbo ganhe confiança para voar e se transforme numa estrela.

Os melhores filmes com...

  • Filmes

Um dos nomes mais activos e notados de uma nova geração de intérpretes do cinema americanos, Bradley Cooper já trabalhou sob a direcção de cineastas como Clint Eastwood, Cameron Crowe e David O. Russell, e é um actor capaz de se mexer entre os grandes estúdios e o cinema independente Ei-lo em sete filmes fundamentais para o entendimento da sua ascensão em Hollywood.

  • Filmes

Faça lá as contas: 80 papéis, 19 nomeações aos Óscares, três vitórias. Se isto não merece um prémio de carreira, então não sabemos o que merece. A 74ª edição dos Globos de Ouro distinguiu Meryl Streep, de 67 anos, com o prémio Cecil B. DeMille. Enquanto o discurso da actriz norte-americana se tornou viral, nós fomos à procura dos seus dez melhores filmes.

Publicidade
Natalie Portman
  • Filmes

Ver os melhores filmes de Natalie Portman é como uma viagem no tempo através da vida da actriz nomeada para o Óscar pelo desempenho em Jackie. Começamos na sua estreia, com apenas 12 anos, no papel de uma criança que quer ser uma assassina, e viajamos através dos seus 22 anos de carreira. Desde a adolescente problemática de uma pequena cidade à lenda de filmes de acção.

Recomendado
    Também poderá gostar
      Publicidade