Global icon-chevron-right Portugal icon-chevron-right Lisboa icon-chevron-right Vamos querer devorar estas dez séries em 2019

Vamos querer devorar estas dez séries em 2019

O fim de "A Guerra dos Tronos", em Abril, vai ser o momento televisivo do ano. Mas há mais séries para ver em 2019

Game of Thrones, dragons
Photograph: Courtesy HBO
Publicidade

É inevitável falar em A Guerra dos Tronos quando se fala de televisão em 2019. Afinal, a estreia da oitava e última temporada da série de fantasia medieval da HBO (transmitida pelo canal SyFy em Portugal), em Abril, vai ser o grande momento televisivo do ano. Mas há mais séries para ver, incluindo Stranger Things, outro fenómeno mediático, que volta a 4 de Julho. Entre os regressos mais aguardados estão ainda Brooklyn Nine-Nine, O Justiceiro e (ainda sem data) Mr. Robot. E há novidades como Umbrella Academy e The Boys, duas séries de super-heróis fora do baralho. Ou, para algo completamente diferente, The Central Park Five, a minissérie de Ava DuVernay (a realizadora de Selma), sobre cinco adolescentes afro-americanos injustamente condenados pela violação de uma mulher branca em 1989.

Recomendado: As melhores séries de 2018

Vamos querer devorar estas dez séries em 2019

Brooklyn Nine-Nine

A Fox anunciou o cancelamento de Brooklyn Nine-Nine, em Maio do ano passado. Um dia depois, e várias petições online e inúmeros posts indignados, a NBC anunciou que a série tinha encontrado uma nova casa e não ia acabar. O primeiro episódio da sexta temporada da sitcom policial protagonizada por Andy Samberg, à frente de um elenco cómico de luxo, tem estreia marcada para 10 de Janeiro nos Estados e chega ao TVSéries uma semana mais tarde.

TVSéries. 17 de Janeiro (estreia T6).

O Justiceiro

Depois dos acontecimentos do final da primeiro temporada de O Justiceiro, Frank Castle (Jon Bernthal) está a viajar pelos Estados Unidos, mas a violência persegue-o. Os novos episódios são ainda mais negros do que os anteriores. E é possível que esta seja a última temporada da série, dado que, nos últimos meses, a Netflix cancelou quase todas as suas séries da Marvel.

Netflix. 18 de Janeiro (estreia T2).

Publicidade

The Passage

Ligeiramente inspirada na trilogia literária do americano Justin Cronin, The Passage é uma série de vampiros diferente. O enredo envolve um grupo de cientistas que está a tentar encontrar a cura para uma doença grave, uma espécie de vampiros e um agente federal (Mark-Paul Gosselaar) que tenta proteger uma criança (Saniyya Sidney) das instituições governamentais que querem usá-la como cobaia. E a coisa não tarda em dar para o torto.

Fox. 21 de Janeiro (estreia).

Das Boot (O Submarino)

Das Boot (O Submarino) foi um sucesso na Alemanha. A série continua a história de A Odisseia do Submarino 96 (Das Boot, no original alemão) de Wolfgang Petersen, só que a acção agora decorre em 1942, nove meses depois do fim do filme, e divide-se entre o interior do submarino alemão do título e a terra, onde acompanhamos os membros da resistência francesa. O elenco é maioritariamente europeu, mas inclui um par de actores americanos conhecidos como Vincent Kartheiser (Mad Men) e Lizzy Caplan (Masters of Sex).

AMC. 10 de Fevereiro (estreia).

Publicidade

Umbrella Academy

Apesar de não ser propriamente um autor prolífico (antes pelo contrário), Gerard Way, o ex-vocalista da banda emo-pop My Chemical Romance, é um dos mais interessantes e inspirados escritores de comics de super-heróis dos Estados Unidos. E The Umbrella Academy, com ilustrações do brasileiro Gabriel Bá, foi o primeiro título em que mostrou o que valia. Agora, esta história de uma família disfuncional de super-heróis vai ser adaptada pela Netflix. Ellen Page é o principal nome do elenco.

Netflix. 15 de Fevereiro (estreia).

A Guerra dos Tronos

A espera foi longa, mas está quase a chegar ao fim. Depois de quase dois anos sem novos episódios da série de David Benioff e D.B. Weiss, a partir dos livros de George R.R. Martin, em Abril vamos reencontrar-nos com Jon Snow, Daenerys Targaryen e companhia, e acompanhar o derradeiro confronto com os Caminhantes Brancos (White Walkers), no norte, e a rainha de Westeros, Cersei Lannister, a sul. 

SyFy. Abril (estreia T8).

Publicidade

Stranger Things

Uma das mais populares produções originais da Netflix regressa em Julho. Criada pelos irmãos Duffer, Stranger Things é uma série de ficção científica nostálgica e encantadora, mas com alguns elementos de terror, que nos leva de volta para os anos 1980. Com constantes citações e referências à década, dos filmes da Amblin e de Steven Spielberg ao terror de John Carpenter e aos retratos da adolescência de John Hughes. 

Netflix. 4 de Julho (estreia T3).

The Central Park Five

É o mais recente projecto de Ava DuVernay para a Netflix. Nesta minissérie inspirada em factos reais, a realizadora de Selma: A Marcha da Liberdade e do documentário A 13ª Emenda conta a história de cinco adolescentes afro-americanos que foram injustamente acusados e condenados pela violação de uma mulher branca, em Nova Iorque, em 1989. Os jovens foram vilificados por figuras como Donald Trump, que queria que estes fossem condenados à morte pelo alegado crime e passaram entre seis e 13 anos presos, mas foram exonerados em 2002.

Netflix. 2019 (estreia).

Publicidade

Mr. Robot

A série hacktivista de Sam Esmail, com o premiado Rami Malek no papel principal, vai regressar em 2019, depois de um ano de pausa. Sabe-se que a quarta temporada será a última, pelo que tudo pode acontecer.

TVSéries. 2019 (estreia T4).

The Boys

Depois de Preacher, Seth Rogen e Evan Goldberg, agora com Eric Kripke, preparam-se para adaptar outra banda desenhada de Garth Ennnis. The Boys é uma BD negra e cínica, mas com sentido humor, sobre um grupo de vigilantes que lutam contra super-heróis que, na realidade, são péssimas pessoas e não querem saber sobre aqueles que dizem defender. A julgar pelo trailer, esta adaptação parece fiel à versão original.

Amazon Prime Video. 2019 (estreia).

Ano novo, vida nova

Miradouro de São Pedro de Alcântara
Fotografia: Inês Félix
Coisas para fazer

50 razões para aproveitar 2019 em grande

São novos restaurantes e bares, eventos e exposições, concertos e peças de teatro, filmes e séries com que temos encontro marcado nos três primeiros meses do ano e que lhe vão dar o conforto de que vai precisar para chegar à Primavera.

Música

Os concertos mais aguardados de 2019

Desde figurões da música popular brasileira como Gal Costa a veteranos da canção anglo-saxónica como Tom Jones e Rod Stewart, passando por bandas de pop-rock progressivo como os Muse, lendas do indie rock americano como os Yo La Tengo ou instituições vivas do thrash metal como os Metallica, há muita música para ouvir em 2019. E ainda há tantos nomes por confirmar.

Publicidade
Ajitama Ramen Bistro
©Manuel Manso
Restaurantes

Os restaurantes que vão abrir no início de 2019

O início do ano vai trazer um novo templo para amantes ramen, mais cozinha contemporânea, boas carnes ou um novo conceito em que tudo passa pelas brasas, até as bebidas. Isto sem esquecer os aperitivos, aquele conceito de bebida after work que cada vez tem mais fãs, ou um bom docinho para finalizar a refeição, com uma catedral dedicada a um doce tradicional português.

Publicidade