Designer Penthouse - Sun Terrace - Cathedral Views
© Designer Penthouse - Sun Terrace - Cathedral Views

Não sabe onde ficar hospedado? Estes são os melhores Airbnb na Baixa de Lisboa

As ruas estão cheias de histórias, restaurantes, lojas e não faltam atracções turísticas. Tome nota dos melhores Airbnb na Baixa de Lisboa.

Publicidade

Haverá melhor sítio para passar uns dias em Lisboa do que a Baixa? Da Praça dos Restauradores até ao Terreiro do Paço, a Baixa Pombalina é, por excelência, uma das zonas com mais pontos de interesse, restaurantes e lojas da capital portuguesa. E não faltam alojamentos próximos do Elevador de Santa Justa ou do Arco da Rua Augusta, dois dos monumentos mais cobiçados da cidade. Muitas casas antigas, outrora devolutas, foram transformadas em apartamentos modernos e confortáveis seja no Rossio, na Praça da Figueira, na Rua da Madalena ou na Rua dos Fanqueiros. Eis alguns dos melhores Airbnb da Baixa de Lisboa, para quem prefere ficar em cima do acontecimento.

Recomendado: Os melhores restaurantes na Baixa

Os melhores Airbnb para ficar hospedado na Baixa de Lisboa

  • Hotéis
  • Apartamentos para alugar
  • Santa Maria Maior

Há dez anos, numa altura em que a Baixa lisboeta não era tão procurada, Chiho Rodrigues adquiriu uma casa junto à Praça da Figueira – estava “muito degradada”. “Já ninguém queria saber daquilo, estava em muito mau estado, mas parecia uma casa de bonecas, tinha vista para o castelo e fiquei apaixonada.” Tradutora, procurava uma fonte de rendimento mais estável. Assim, começou a gerir este e outros alojamentos no centro da cidade.

Foi a própria Chiho Rodrigues quem fez toda a remodelação, mantendo diversos traços originais da habitação, como as paredes de tijolo da cozinha. Hoje, é um apartamento muito procurado por turistas, que se deixam encantar pelo design e, claro, pela localização tão central. O terraço também ajuda. Com dois quartos, tem capacidade para acolher quatro pessoas e inclui uma sala espaçosa.

  • Hotéis
  • Apartamentos para alugar
  • Baixa Pombalina

Liliana e Tomás Cameira são dois irmãos que começaram a trabalhar na área do alojamento local em 2007. Embora hoje sejam responsáveis pela gestão de mais de 20 apartamentos na Baixa de Lisboa, o método é sempre o mesmo: remodelam casas devolutas e devolvem-nas à cidade enquanto apartamentos turísticos. Foi precisamente o que aconteceu com este Airbnb, que se destaca pelas áreas generosas. Tem capacidade para acomodar oito pessoas, com três quartos, três casas de banho, uma kitchenette, uma sala ampla e varanda voltada para a conhecida Rua dos Fanqueiros.

Publicidade
  • Hotéis
  • Apartamentos para alugar
  • Baixa Pombalina

Os mesmos irmãos Cameira gerem este apartamento na Rua dos Correeiros. Antes das obras, tinha funcionado como cabeleireiro. O alojamento é bastante grande, podendo receber até dez hóspedes, que se podem dividir pelos cinco quartos disponíveis. “É muito procurado por famílias maiores, sobretudo norte-americanas e asiáticas, que preferem ficar todos juntos num Airbnb, já que os hotéis ficariam extremamente caros”, explica Liliana Cameira. Com uma sala com kitchenette e três casas de banho, é ideal para grupos alargados que procurem uma estadia confortável, num apartamento bem decorado e no centro da cidade.

  • Hotéis
  • Apartamentos para alugar
  • Santa Maria Maior

Recorrendo sobretudo aos tons castanhos, este apartamento acolhedor tem uma decoração verdadeiramente original, com diversos apontamentos a que vale a pena prestar atenção. Fica em pleno Rossio, num dos locais mais centrais de Lisboa, e pode receber até quatro hóspedes, distribuídos por dois quartos. Há ainda uma sala de estar e uma pequena cozinha equipada.

Publicidade
  • Hotéis
  • Apartamentos para alugar
  • Baixa Pombalina

Já imaginou tomar um banho sob o sol (ou sob a lua) de Lisboa? É uma das características mais diferenciadoras deste duplex charmoso, que começou a receber os primeiros hóspedes em 2017. A localização também é particularmente interessante, visto que fica na Baixa mas também muito próximo da zona do Castelo de São Jorge.

“A procura pelo apartamento foi incrível desde o dia um. Com cerca de 87% de ocupação anual, os hóspedes ficam maravilhados com a classe apresentada na decoração, por todas as características modernas nem sempre existentes em Lisboa e acabam por voltar e recomendar o apartamento a amigos”, explica a empresa gestora.

Com 130 metros quadrados de área, pode acolher até quatro pessoas com bastante espaço. Tem dois quartos, uma sala e cozinha arejada e dispõe de ar condicionado e elevador, o que não é assim tão comum nesta zona histórica da cidade.

  • Hotéis
  • Apartamentos para alugar
  • Santa Maria Maior

Já olhou bem para este terraço? Pode sentar-se e relaxar lado a lado com um sino (que pertence à Igreja de Nossa Senhora da Conceição Velha, na rua paralela) após um dia intenso a percorrer as ruas de Lisboa. Esta penthouse pertence a um proprietário francês, que aqui viveu durante algum tempo e que agora a aluga como alojamento. 

“É um apartamento extraordinário, muito bem decorado pelo próprio dono, é dos melhores que temos”, diz um dos gestores do Airbnb. “É estilo apartamento da época pombalina mas totalmente remodelado. As reviews são sempre fantásticas.” Tem capacidade para seis pessoas, que podem desfrutar da vista sobre a Baixa e a Sé de Lisboa.

Publicidade
  • Hotéis
  • Apartamentos para alugar
  • Baixa Pombalina

Seja na Baixa de Lisboa ou noutras zonas históricas da cidade, os apartamentos em prédios antigos são, muitas vezes, remodelados e transformados em habitações modernas. Mas este uma excepção à regra, pelo menos no que toca à decoração. Embora esteja em óptimas condições, foram mantidos os azulejos originais em diversas divisões da casa, o que lhe confere uma enorme personalidade. Com dois quartos, uma cozinha equipada, uma sala de estar e outra de jantar, pode receber até seis pessoas.

  • Hotéis
  • Apartamentos para alugar
  • Baixa Pombalina

Fica no topo de um prédio da Baixa Pombalina e foi completamente remodelada. No final, esta casa ganhou um ambiente leve e luminoso. Tem uma impressionante varanda com vista sobre o Castelo de São Jorge, com mais espaço do que a maioria, zonas de leitura e de estar. Com dois quartos de casal, pode acolher quatro pessoas.

Publicidade
  • Hotéis
  • Apartamentos para alugar
  • Baixa Pombalina

Costumavam ser as instalações de um banco, mas agora é um apartamento remodelado na Baixa da cidade. Na verdade, os proprietários adquiriram a casa com a intenção de ali viverem, mas uma reviravolta profissional fez com que se mudassem para outro país. Assim, passaram a alugar a habitação no Airbnb. Destaca-se pelo design de interiores e por ser um espaço confortável para um casal (podendo acolher mais dois hóspedes, se necessário), a apenas alguns metros do Arco da Rua Augusta. Tem um quarto de casal e uma sala ampla, além de uma cozinha equipada.

  • Hotéis
  • Apartamentos para alugar
  • Chiado

Com uma decoração leve e contemporânea, este apartamento pode ser uma boa opção para passar uns dias na Baixa lisboeta. Com capacidade para seis pessoas, convida ao relaxamento nos dois quartos (um de casal e outro com duas camas individuais), e na ampla sala com cozinha. Fica mesmo perto da estação de metro Baixa-Chiado, o que é perfeito para partir à descoberta da cidade.

Outros Airbnb em Lisboa

  • Hotéis
  • Apartamentos para alugar

Pode não ser tão pitoresca quanto os bairros vizinhos de Alfama, Mouraria ou Castelo, mas ainda assim a Graça tem o charme do centro histórico e algumas das melhores vistas da cidade, com os seus famosos miradouros. É uma das zonas mais procuradas pelos lisboetas quando sobem pelos bairros típicos acima, mas também atrai inúmeros turistas (e residentes estrangeiros). Entre os jardins, os restaurantes e os largos e travessas óptimos para passear, a Graça pode muito bem ser um dos melhores sítios para passar uns dias na capital portuguesa. Se optar pelo bairro, aqui tem as melhores opções de Airbnbs na Graça.

Recomendado: Os melhores Airbnb no Castelo e na Mouraria

  • Hotéis
  • Apartamentos para alugar

Com os seus museus e monumentos e uma fantástica zona ribeirinha, Belém é uma das freguesias mais turísticas de Portugal e um dos melhores sítios para passar uns dias em Lisboa. Tanto que não faltam hotéis, alojamentos e Airbnb nesta área da cidade, desde a Ajuda ao Restelo. Quando visitam a capital portuguesa, muitos turistas optam por ficar perto da Torre de Belém, do Mosteiro dos Jerónimos, do Padrão dos Descobrimentos, do Centro Cultural de Belém ou do Museu Nacional dos Coches, numa zona com bons acessos e ainda assim mais tranquila que os bairros do centro histórico. Eis alguns dos melhores Airbnb em Belém.

Recomendado: Os melhores restaurantes em Belém

Publicidade
  • Hotéis

O Castelo de São Jorge é um dos principais monumentos de Lisboa, e o bairro do Castelo um dos sítios mais castiços para passar uns dias na capital portuguesa – ou, ali mesmo ao lado, na zona da Mouraria, típica, multicultural, pitoresca e com uma enorme ligação ao fado: dali surgiram a mítica Severa, Fernando Maurício ou Mariza. 

As vielas e becos não mentem: aquelas ruas estão recheadas de história e a melhor maneira de a absorver é ficar por ali, apesar de ser uma zona cada vez mais turística. Existem muitos alojamentos nesta área de Lisboa, nomeadamente em prédios antigos que foram completamente remodelados. E não faltam apartamentos com terraços, pátios ou varandas com vistas extraordinárias sobre a Baixa. Se optar pelo Castelo ou pela Mouraria, aqui tem algumas sugestões de Airbnb para uma boa estadia.

Recomendado: Cinco coisas que não sabe sobre o Castelo de São Jorge

  • Hotéis

Característica pelos seus becos e ruelas, Alfama é o mais antigo dos bairros de Lisboa – e um dos mais típicos. Com uma ligação umbilical ao fado e no coração da cidade, tornou-se numa das zonas mais apelativas para o turismo. É, aliás, aqui que ficam alguns dos melhores Airbnb da capital. Muitas casas, outrora devolutas, foram convertidas em alojamentos modernos e sofisticados, muitos com uma vista deslumbrante sobre o Tejo ou com espaços exteriores como terraços ou pátios. Coabitam com as casas de fado, os restaurantes tradicionais e as lojas de produtos nacionais. Bem perto da Baixa, mas também da Graça ou da zona do Panteão Nacional, Alfama é um dos melhores sítios para passar uns dias em Lisboa. Se optar pelo bairro, aqui tem as melhores opções para uma estadia.

Recomendado: Festival Santa Casa Alfama homenageia Hermínia Silva

Recomendado
    Também poderá gostar
    Também poderá gostar
    Publicidade